3 de setembro de 2016

Victoria, em Vancouver Island, Canadá - roteiro de 2 dias com dicas de onde passear, comer, pernoitar e estacionar (diário de bordo)

Já contei aqui no blog como foi a nossa viagem de Vancouver até Victoria, de ferry + motorhome:

Chegamos em Victoria ainda antes do meio-dia, e já começamos a curtir essa cidade linda pela qual morri de amores. Agora vamos mostrar tudo para vocês - tem o nosso roteiro, dicas de passeios, onde comer, passar a noite (com economia ou em alto estilo) e até onde estacionar!  


totem poles no Inner Harbour de Victoria, Colúmbia Britânica

Contei um pouco do que fizemos por lá nestes posts abaixo (clique nos links em vermelho para ler cada um), e vou terminar de detalhar aqui tudo o que mais gostamos na capital da província de British Columbia :)

Victoria é conhecida como a mais inglesa de todas as cidades, não só do Canadá, mas de toda a América do Norte. É uma cidade cheia de ótimas atrações, linda de doer os olhos e ótima para explorar a pé.

Vamos lá?? 


Hotel Fairmont The Empress no Inner Harbour de Victoria, Colúmbia Britânica

Resumo do roteiro de 2 dias

No primeiro dia na cidade fomos ao Royal BC Museum, ao Parlamento, fizemos o Harbour Tour com a Victoria Harbour Ferry e ainda passeamos por Chinatown, Bastion Square, Inner Harbour, Beacon Hill Park, Clover Point...

No segundo dia, começamos com um tour da Orca Spirit Aventures - a grande expectativa era se encontraríamos as 'baleias assassinas'??? E, depois, ainda tivemos arborismo e tirolesa no WildPlay Victoria, visita ao Walmart e ao Craigdarroch Castle e, por fim, choque de beleza, cores, cheiros e sons nos Butchart Gardens


Victoria Vancouver Island British Columbia
se você não tem o seu próprio meio de transporte, esses ônibus são a melhor forma de ver a cidade


Onde estacionar e pernoitar no RV

Como vocês sabem, estávamos viajando de motorhome, e precisávamos decidir onde pernoitaríamos nas nossas 2 noites em Victoria, pois não tínhamos intenção nenhuma de pagar por uma vaga num camping

Para estacionar, encontramos um lugar perfeito: 24hs por CAD$ 7,50 no parquímetro, exatamente ao lado do Parlamento, na Menzies Street, esquina com a Kingston Street.

Essa é a melhor dica que eu posso dar de Victoria, tão boa que rolou até free camping lá durante as 2 noites que ficamos na cidade! E tivemos muita sorte nas 2 noites em que pernoitamos lá, pois saíamos da nossa ótima vaga durante o dia para passear e, quando voltávamos de novo à noite, ela estava vazia nos esperando!


24hs de estacionamento por CAD$ 7,50 no Inner Harbour de Victoria

A nossa outra opção era fazer free camping no Walmart - endereço: 860 Langford Parkway, em Langford. 

Ocorre que esse Walmart ficava a 16km do centro de Victoria, perto do Wild Play Victoria


Fomos lá fazer compras no mesmo dia em que levamos o Lipe no ótimo parque WildPlay, mas acabamos voltando para fazer aquele que foi o free camping mais show da viagem, com vista pro Parlamento de Victoria!

Fico pensando quanto não custa um quarto de hotel com aquela nossa vista hehehe...


a vista do nosso free camping em Victoria, Colúmbia Britânica

vista do nosso free camping em Victoria à noite

Também tem dump station por U$ 5 no Fort Victoria RV Park (endereço: 340 Island Highway), que é fantástico de bem localizado! 

Passamos por ali no passeio de barco Harbour Tour e fiquei babando nos RVs estacionados em vagas de frente pro mar. Se você quiser um camping, esse é "O" lugar! 

Como íamos seguir depois para os Estados Unidos com o ferry Black Ball´s Coho, demos uma passada lá na véspera do embarque com o motorhome, para vermos onde era direitinho que teríamos que ir embarcar no dia seguinte, e vimos que, ali por perto do terminal do ferry, também haviam boas vagas de estacionamento na rua para fazer free camping

Fica como uma outra opção, bem no centrinho de Victoria também. 


free camping em Victoria com sombra de árvore :)

free camping em Victoria na Menzies Street

atenção para as placas: entre 8am e 6pm só pode estacionar ali por 1 hora de segunda a sexta - entre 6pm e 8am e sábados e domingos pode ficar quantas horas quiser, pagando no parquímetro pelo período desejado

café da manhã com vista do Parlamento


1º dia

Como falei, no nosso primeiro dia na cidade fomos ao Royal BC Museum, ao Parlamento, fizemos o Harbour Tour com a Victoria Harbour Ferry e ainda passeamos por ChinatownBastion SquareInner HarbourBeacon Hill ParkClover Point...



Tourism Victoria Visitor Info Centre

Nossa primeira parada em Victoria, depois que estacionamos no lugar que mencionei acima, foi no Tourism Victoria Visitor Info Centre (endereço: 812 Wharf Street). 

Ótimo e super bem localizado. 

Recomendo que você faça o mesmo: chegue na cidade e vá direto lá, pegar um bom mapa e comprar ingressos com descontos, fazer reservas, tirar dúvidas...eles até ligaram para confirmar nosso 'orca tour'! 

Super simpáticos!

E com wifi grátis :)


visitor centre de Victoria


o visitor centre de Victoria é excelente, com muitos mapas e material informativo disponível grátis

Inner Harbour e o Hotel Fairmont

Sem contar que este Visitor Centre fica localizado em pleno Inner Harbour, o principal ponto da cidade, seu coração, onde tudo acontece: além do centro de informações turísticas, ainda ficam ali ao redor o Parlamento, o famoso Hotel Fairmont The Empress, onde você pode tomar um chá da tarde principesco, o Royal BC Museum e o porto em si, que é lindo, com muitos artistas de rua, esculturas e banquinhas de comida. 

Comi falafel numa das banquinhas por CAD$ 8, o que é meio caro para uma banquinha de rua de falafel, mas, considerando o 'ponto' mega privilegiado e as vistas, foi ok. 

Como foi lá que estacionamos o motorhome durante todo o tempo em que estivemos na cidade, nós íamos a qualquer lugar e sempre voltávamos lá. 

Fiquei perdidamente apaixonada por aquele lugar!


Victoria Vancouver Island British Columbia
Inner Harbour de Victoria, Vancouver Island

Victoria Vancouver Island British Columbia

Victoria Vancouver Island British Columbia
no Inner Harbour de Victoria ficam o Hotel The Empress...

Victoria Vancouver Island British Columbia
...e o Parlamento de British Columbia

Victoria Vancouver Island British Columbia
Inner Harbour de Victoria, Vancouver Island

Victoria Vancouver Island British Columbia
food trucks no Inner Harbour de Victoria, Vancouver Island

Victoria Vancouver Island British Columbia

Victoria Vancouver Island British Columbia

Victoria Vancouver Island British Columbia
arte por todo lado no Inner Harbour de Victoria, Vancouver Island

À noite, o Inner Harbour se transforma com as luzes do Hotel Fairmont The Empress e fica simplesmente espetacular. 

Nós sentávamos nos murinhos por ali e ficávamos horas olhando aquela cena mais linda :)

Já conheci muitos lugares "urbanos" bem lindos nessa vida, e posso garantir que aquela paisagem do Inner Harbour está entre as top

É um lugar super romântico e, se você estiver podendo esbanjar, reserve uma noite naquele hotel espetacular! Super dica para uma lua de mel inesquecível... 

Veja mais sobre ele aqui


Victoria Vancouver Island British Columbia
o Parlamento iluminado à noite

Victoria Vancouver Island British Columbia
Inner Harbour de Victoria, Vancouver Island, à noite



Parlamento

Depois da parada no centro de visitantes, fomos direto ao Parlamento almoçar, pois já estávamos com fome. 

Não lembro de onde tirei esta dica - acho que foi do meu guia Lonely Planet - e preciso passar adiante: vá almoçar no The Legislative Dining Room, o restaurante do Parlamento de BC, com preços ótimos. 

Acho que este deve ser o segredo mais bem guardado de Victoria! 

Comemos Thai noodle salad com wild salmon e o Lipe torrada com queijo e bacon por CAD$ 40



o restaurante é por aqui mesmo!

passes para visitar o Parlamento de British Columbia




Foi super divertido almoçar junto com os congressistas da Colúmbia Britânica e depois passear pelas áreas públicas internas do prédio, que é tão bonito por dentro quanto por fora. 

Tem que ter um passe especial para entrar no prédio do Parlamento - a entrada para visitação é grátis - e você consegue esse passe com o guarda que fica logo na entrada principal, na security desk

Victoria Vancouver Island British Columbia

Victoria Vancouver Island British Columbia

Parlamento da Colúmbia Britânica

Parlamento da Colúmbia Britânica

Parlamento da Colúmbia Britânica

Aliás, preciso dizer que também não sei se esse prédio fica mais maravilhoso de dia ou à noite!

Cada vez que passávamos lá na frente dava vontade de tirar uma nova foto - devo ter mais de 100 fotos lindas desta construção fantástica!  

Parlamento da Colúmbia Britânica
Parlamento da Colúmbia Britânica

Parlamento da Colúmbia Britânica
cúpula do Parlamento da Colúmbia Britânica

Inner Harbour de Victoria
Inner Harbour de Victoria

Inner Harbour de Victoria

Existem várias carruagens estacionadas ao redor do edifício do Parlamento, puxadas por cavalos lindões, e deve ser bem legal fazer um passeio de carruagem pelo Inner Harbour!

Pena que não lembrei de perguntar o preço para dizer pra vocês - se alguém souber, por favor informe nos comentários que eu edito o post para acrescentar essa info!

Depois do almoço e do passeio pelas áreas internas e externas do Parlamento, seguimos para o museu. 


Victoria Vancouver Island British Columbia
passeios de carruagem pelo Inner Harbour de Victoria

Victoria Vancouver Island British Columbia

Victoria Vancouver Island British Columbia
os cavalos não podem ser mais lindos!

 Royal BC Museum

O que é: museu de história de British Columbia, desde 1886

Horário de funcionamento: 10am - 5pm (durante o verão, nas sextas e sábados, o museu fica aberto até 10pm)

Endereço: 675 Belleville St, Victoria

Site oficial

Preços adulto/infantil: CAD$16/CAD$11 (6 a 18 anos)/Gratuito até 5 anos

Como falei, o Royal British Columbia Museum fica em pleno Inner Harbour, no coração da cidade, ao lado do Parlamento. 

Ele tem um famoso cinema IMAX Theatre, que fica dentro do museu (ingresso separado), aberto diariamente até 8pm. Dá para comprar entradas combinadas com o ingresso do museu com desconto. 

O museu é lindo, super bem montado, moderno, interessante e, embora não seja gigantesco, dá pra ficar um dia inteiro lá dentro! Coisa de primeiro mundo mesmo, com uma das maiores coleções do Canadá.  

Para entender um pouco da história dos lugares que você está visitando, é um passeio fundamental, um lugar de descobertas, uma vitrine da história humana e natural da Colúmbia Britânica.

Não sei qual galeria eu achei mais linda no Royal BC Museum, se a Becoming BC ou a First Peoples (Primeiras Nações), ambas no 3º piso. 

Em uma das exibições, é possível aprender como dizer "bem-vindo" em 34 línguas!

A sala dos tótems é impressionante, fiquei encantada lá! Não perca!

A galeria de História Natural, no 2º piso, também é perfeita, com sons, temperatura controlada e até cheiros! Tem até um mamute lá!

E ainda tem uma loja da National Geographic lá! #muito amor

Além do acervo permanente, a exposição temporária que estava acontecendo quando estivemos lá, sobre a Corrida do Ouro, estava linda! 

Vale a pena checar qual exibição temporária estará acontecendo quando você estiver lá. 

Eles oferecem visitas guiadas específicas de algumas galerias - informe-se quando chegar lá sobre os horários (incluídas no preço do ingresso). 

Você ainda vai encontrar lá guarda-volumes, carrinhos para bebês, banheiros com faldário, cadeiras de rodas, bebedouros, caixa automático para sacar $ e um café com wifi

O museu é todo acessível para cadeirantes e, portanto, também para carrinhos de bebês. 

Muito recomendado :)

Contei os detalhes deste passeio, com todas as fotografias, neste post abaixo - se lhe interessa visitar o museu, vale a pena dar uma espiada nas fotografias:


Depois da visita ao museu - se tivéssemos mais tempo eu teria ficado muitas horas mais lá - seguimos para o porto, pois queríamos aproveitar o dia bonito de sol e céu azul para fazer um passeio de barco!


Victoria Vancouver Island British Columbia
Royal BC Museum no Inner Harbour de Victoria

Victoria Harbour Tour

O que é: passeio de barco de 45min pelo porto de Victoria, com lindas vistas da cidade

Horário de funcionamento: saídas a cada 20 minutos durante o dia, de março a outubro

Endereço: Causeway Marina, em frente ao Fairmont Empress Hotel

Site oficial

Preços adulto/infantil: 
CAD$25/CAD$13

Esse passeio foi infinitamente melhor do que o esperado. 

Haviam nos informado que era um passeio de barco - nos barquinhos típicos de lá, essas fofurices que você vê nas fotos - de 45 minutos nonstop pelo porto da cidade, mas foi muito melhor que isso: o Capitão permitia que descêssemos em Fisherman´s Wharf, que seria nosso passeio seguinte - e pegássemos outro barquinho para voltar ao ponto de partida. 

Tipo um hop on hop off de barco. 

Melhor ainda: também era possível, ao invés de voltar ao ponto de partida, seguir no barco seguinte até Chinatown, que foi exatamente o que eu fiz (mas daí tem que voltar caminhando depois ao ponto de partida). 

Para fazer isso, não esqueça de pegar a moeda que o Capitão fornece aos passageiros - essa moeda é o seu ticket para embarcar no barco seguinte!

Essas paradas em Fisherman's Wharf e Chinatown foram providenciais, praticamente 3 passeios em um. 

Paramos em Fisherman´s Wharf, passeamos por lá, e depois continuamos de graça em outro barquinho até Chinatown

Contei todos os detalhes deste passeio de barco, com as fotografias de tudo, no post abaixo - se lhe interessa fazer um tour assim, vale a pena dar uma espiada nas fotografias:


Victoria Vancouver Island British Columbia
barquinhos do tour pelo Inner Harbour de Victoria

Fisherman´s Wharf

Em Fisherman´s Wharf não deixe de:

1 conhecer os houseboats coloridos e os barcos de pescadores,

2 tomar um sorvete (são muito bons!), 

3 ver as focas e lontras (pode comprar restos de peixes para dar a elas), 

4 comer frutos do mar (as lagostas são es-pe-ta-cu-la-res), 

5 experimentar Mexican Seafood (eu nunca tinha provado), 

6 aproveitar para ir ao banheiro (bem limpo), e o principal: 

7 levar o filhote para brincar na pracinha (é muito boa!)! 

Aliás, se você optar por ir de carro ou motorhome até Fisherman´s Wharf, saiba que tem estacionamento lá, bem ali na pracinha.

Para ver muitas fotos de Fisherman´s Wharf, clique aqui


Victoria Vancouver Island British Columbia
Fisherman´s Wharf de Victoria

Chinatown

Depois de curtir bastante Fisherman´s Wharf, seguimos para Chinatown, do outro lado da cidade. De barco, foi bem rapidinho!

O bairro chinês é pequeno e bonitinho, mas quem já conhece outras Chinatowns pelo mundo certamente não vai achar grande coisa, embora este seja o bairro chinês mais antigo do Canadá. 

Os 2 pontos principais são a estreita Fan Tan Alley, onde ficam as lojinhas típicas mais antigas e o portão na esquina da Government St com Fisgard St.


Chinatown
Chinatown de Victoria

Chinatown

Chinatown

Bastion Square

Depois de passear por Chinatown, o melhor trajeto para voltar caminhando ao Inner Harbour é descer pela Government St e pela Wharf Street, passando pelo bonito Market Square

No caminho de volta, ainda dei sorte de ver a ponte azul do Inner Harbour levantada para um barco passar :)

Parei para comprar peixe frito no famoso Red Fish Blue Fish

As filas estavam imensas e quase desisti, mas acabou valendo a pena esperar, pois os preços são bons, a comida é ótima e as filas andam rápido. 

Só achei que podia ter uns banquinhos ali para a gente poder sentar para comer, mas não tinha, era só take away mesmo. 

Outro ponto turístico da cidade é Bastion Square que, a não ser pela história, não tem nada de muito interessante além de umas tulipas vermelhas gigantes kkkkkk...


Victoria Vancouver Island British Columbia
Market Square em Victoria

Victoria Vancouver Island British Columbia

Victoria Vancouver Island British Columbia
a bela arquitetura de Victoria

Victoria Vancouver Island British Columbia
Red Fish Blue Fish, para comer os peixes  mais famosos da cidade

Bastion Square em Victoria
Bastion Square em Victoria

Bastion Square em Victoria

Bastion Square em Victoria

Bastion Square em Victoria
as tulipas de Bastion Square em Victoria

Beacon Hill Park e Clover Point

Voltando ao motorhome, pegamos a nossa 'casinha sobre rodas' e saímos para um passeio "motorizado" pelas partes mais distantes da cidade. 

Fomos primeiro ao Beacon Hill Park - o grande parque da cidade, que tem um ótimo water park, playground, totem poles e a Dallas Road oceanside walkway

O parque fica na rota do ônibus hop on hop off

Vimos de tudo lá, até indianos jogando críquete!!


Beacon Hill Park em Victoria

Depois, seguimos até Clover Point, um passeio lindíssimo pela beira do mar, com um por do sol maravilhoso, muitas gaivotas e kite surf

Dizem que, às vezes, é possível ver baleias de lá do mirante, e deve ser verdade mesmo!

Jantamos no motorhome olhando as ondas do Oceano Pacífico. Infelizmente, não pode fazer free camping lá, senão já teríamos pernoitado por lá mesmo! 

Deu vontade de morar em Victoria!!!

Para fechar o dia com chave de ouro, mais uma paradinha no Inner Harbour iluminado à noite, antes de irmos dormir ao lado do Parlamento :)


Victoria Vancouver Island British Columbia
Clover Point em Victoria

Victoria Vancouver Island British Columbia

2º dia

No nosso segundo dia na cidade, começamos com um tour da Orca Spirit Aventures - a grande expectativa era saber se encontraríamos as 'baleias assassinas'! 

E, depois, ainda tivemos arborismo e tirolesa no WildPlay Victoria, visita ao Walmart e ao Craigdarroch Castle e, por fim, choque de beleza, cores, cheiros e sons nos Butchart Gardens

Um dia cheio de aventuras!


Victoria Vancouver Island British Columbia
Inner Harbour em Victoria

Orca Spirit Adventures


O que é: passeio de barco de 3hs pelas San Juan Islands (em território americano) para ver orcas e outros animais marinhos

Horário de funcionamento: saídas às 10am e 2pm nos barcos cobertos, e 6 saídas por dia nos zodiacs, entre 9am e 5pm, de abril a outubro

Endereço: 146 Kingston Street, Marina level, Victoria

Site oficial

Preços adulto/infantil: CAD$105/CAD$75

Começamos muito bem o dia com um passeio de barco espetacular depois de um bom café da manhã no motorhome

O passeio de barco para ver baleias é um must em Victoria, uma das principais atrações para quem vai até lá. 

Existem um monte de empresas que fazem esse mesmo passeio. Lemos um monte de reviews e acabamos escolhendo o passeio oferecido pela Orca Spirit Aventures porque era um dos mais bem recomendados e nos pareceu uma ótima relação custo-benefício. 

Se um dia eu volar lá, farei o passeio com eles de novo, porque foi ótimo, recomendo muito!

E, durante os meses de verão, eles ainda oferecem a garantia de que, se a gente não visse baleias no nosso tour, poderíamos fazer o passeio de graça no dia seguinte, havendo disponibilidade de lugares :)

Eles oferecem 2 passeios diferentes:

1 barco grande e coberto - que eles chamam de covered vessels - nesse barco é possível levantar, caminhar, andar pra lá e prá cá e ir ao banheiro - foi esse o que fizemos (tem 2 passeios desses por dia);

2 barquinhos pequenos e super rápidos, sem cobertura - chamados zodiacs - nesses, você tem que ir sentadinho no seu assento o tempo todo, e não tem banheiro (são 6 saídas por dia nestes barquinhos). 

É bem mais frio e, se chover, é banho na certa!

Nós obviamente escolhemos o passeio no barco coberto, principalmente por causa do Lipe. Os zodiacs definitivamente não são recomendados para crianças. 

Por e-mail, quando fiz as nossas reservas - é altamente recomendado fazer reservas antecipadas pelo site - me disseram que tinha um low cost street parking lot nearby between Quebec St and Kingston St

Nós até encontramos o tal estacionamento low cost, que, pelo que lembro, nem era tão low cost assim, mas não era permitido estacionar motorhomes ali, então voltamos ao ponto de partida e estacionamos no nosso parquímetro preferido novamente: ao lado do Parlamento, na Menzies Street

De lá, fomos à pé até as docas na Kingston St em 10 minutos. 

Chegando no endereço das docas, você só vai ver um prédio de um hotel chamado Coast Victoria Harbourside, sem placas nem nada. 

Não se assuste: para encontrar os barcos e a sede da Orca Spirit Aventures você tem que fazer a volta no prédio, por fora, e descer até o 'Marina level', onde fica o pier deles. 

Tem até uma lojinha ali. 

Aliás, como eles têm 2 piers em locais diferentes da cidade, é melhor ligar e verificar na véspera de onde sai o SEU barco coberto. 

No dia do seu passeio, chegue com 30 minutos de antecedência para fazer o seu check-in, pegar seu cartão de embarque e entrar na fila logo para garantir um bom assento no barco. 

O nosso passeio foi pelas San Juan Islands, que ficam em território americano e não canadense, mas o local onde o passeio é realizado a cada dia depende muito da monitoração das baleias - eles ficam sabendo mais ou menos por onde elas andam e fazem o passeio de acordo com essas informações. 

Na maior parte das vezes, os tours são realizados nos estreitos da Georgia, Haro ou Juan de Fuca.  

Demora um pouquinho para elas começarem a aparecer mas, no final, vimos umas 40 orcas e muitas focas. Só não teve show de baleias humpback

Infelizmente (ou felizmente!) eles não podem se aproximar muito das baleias - as leis ambientais exigem que todos os barcos mantenham uma distância mínima de X metros delas. Apenas barcos de pesquisa, menores, podem se aproximar mais. 

Ainda bem, né? Em um determinado lugar, eram dezenas de barcos cheios de turistas espiando as grandonas! Imagine se cada um deles quisesse se aproximar mais??? Iam "embretar" as baleias! 

Pelo que pude entender, as "leis verdes" no Canadá são muito mais restritivas do que nos EUA - tanto que os mesmos motorhomes que nos EUA têm geradores de energia, no Canadá não têm, porque as leis ambientais proíbem (acredito que por causa da poluição sonora). 

O barco era bem direitinho, com assentos confortáveis tanto do lado de dentro quanto do lado de fora. 

Na primeira parte do passeio, ficamos lá fora o tempo todo, catando baleias, mas na volta, depois que já havíamos "satisfeito" a nossa fome de orcas e de outros animais marinhos e pássaros, entramos lá para dentro do barco, onde era mais quentinho e tinha café e chocolate quente cortesia, além de banheiro. 

Como mencionei, o passeio dura cerca de 3hs, e não acho que seja necessário levar lanchinho extra, se você fizer uma boa refeição antes de embarcar. 

Nenhum de nós 3 é de enjoar no mar, mas acredito que os enjoos não sejam muitos comuns neste passeio, porque não vi nenhum outro turista enjoado no nosso barco. 

Também havia lá dentro do barco bastante material informativo sobre baleias e fauna marinha em geral. 

Além do capitão do barco, havia ainda 2 guias simpáticos, super empolgados, que, além de encontrar as baleias para nós, também nos contavam absolutamente tudo a respeito delas. 

Para este passeio, é muito recomendado levar binóculos e boas jaquetas corta-vento. No barco, mesmo no verão e com bastante sol, estava bem friozinho. Passe também muito protetor solar no rosto e use óculos de sol!

Ah, e não esqueça de levar diversão para as crianças: papel, lápis de cor, bonequinhos, tablet, quebra-cabeças...são algumas sugestões.

Saiba mais sobre o passeio aqui

Já escrevi também um outro post sobre o passeio de barco que fizemos no Alaska para ver baleias lá - que foi depois deste - e naquele post contei mais sobre a emoção de ver essas gigantes de pertinho! 


Expliquei naquele post - e não custa repetir aqui, que também é muito importante levar uma boa máquina fotográfica

Nas fotos deste passeio, estávamos usando uma lente enorme e, como vêem, mesmo com essa mega lente as fotos não ficaram grande coisa! Como já falei, os barcos não têm autorização para se aproximar demais das famílias de baleias - então o jeito é fotografar de longe mesmo...e aí, não há zoom que chegue!

Se você não tiver um bom equipamento à disposição, pode acabar ficando um pouco frustrado, porque não vai conseguir aquela selfie com a orca :)

Contei todos os detalhes deste passeio, com todas as fotografias, neste post abaixo - se lhe interessa fazer um passeio assim, vale a pena dar uma espiada nas fotografias:


Quando acabou o passeio de barco, não preciso dizer que o Lipe estava precisando se movimentar um pouco, né? Principalmente porque, desde o dia anterior, ele já estava histérico de ansiedade porque havíamos caído na asneira de antecipar que iríamos levá-lo a um "lugar que ele ia amar". 

Àquelas alturas, ele já não podia esperar nem mais um minuto, então seguimos direto para este lugar especial prometido, que foi uma das atrações que ele mais amou em toda a viagem...


orca whales
emoção vendo as baleias orcas em Victoria

Wild Play Victoria

O que é: parque com várias atividades radicais para adultos e crianças - o Lipe fez o circuito de arborismo e tirolesa

Horário de funcionamento: fazer reserva e escolher o seu horário no site (só funciona de março a novembro) 

Endereço: 15-1767 Island Highway, Victoria

Site oficial

Preço (infantil): CAD$19.99 (dá direito a fazer 2 circuitos)

Quando o guri viu do que se tratava, ficou numa faceirice sem tamanho! 

Ele ficou tão alegre - e nós tão empolgados por ele - que até desistimos de fazer as atividades para adultos que pretendíamos experimentar, só para ficar curtindo as brincadeiras junto com o nosso pequeno aventureiro hehehe...

O parque Wild Play Victoria fica a 10Km do centro da cidade de Victoria, uns 20 minutos de carro do Parlamento, bem pertinho do Walmart - aliás, é bom combinar este passeio com uma ida ao Walmart (foi o que fizemos)!

Tem estacionamento gratuito e banheiros. 

Fomos direto à recepção, pois já tínhamos reservas para aquele horário. Todas as crianças precisam ter a altura medida ali. 

É muito recomendável já conferir no site do parque com antecedência se o seu filhote possui a altura mínima necessária para fazer o circuito, para não perder a viagem e ainda ouvir choradeira. 

O circuito de arborismo e tirolesa indicado para crianças de 5 a 12 anos se chama Monkido Kids course, e é necessário que um adulto fique por perto supervisionando a criança.

A primeira parte do passeio consiste em uma mini-instrução com os monitores que, obviamente, falam apenas inglês

Embora seja tudo meio intuitivo, eu fui traduzindo pro Lipe, mas nem seria necessário. Como ele era o menorzinho da "turma", e o único que não era canadense, os instrutores deram uma atenção especial para ele, ajudaram a ajustar o equipamento e tal. Foram muito atenciosos com ele o tempo todo, bem queridos mesmo!

Na primeira vez que ele fez o circuito, um dos monitores ficou por perto o tempo todo, explicando como ultrapassar cada obstáculo - eles pedem pros pais ficarem acompanhando bem de longe, sem interferir (nem atrapalhar kkkkk...). 

Na segunda passagem, nosso gurizinho já tinha pegado o jeito, e foi ultrapassando os obstáculos cada vez mais rápido.  

Engraçado como 'medo' é uma palavra desconhecida no vocabulário do Felipe - acho que, na verdade, no dicionário da maioria das crianças, né? Só pode ser falta de noção do perigo! Garanto que a maioria dos adultos que eu conheço teria medo de fazer aquele circuito. 

Mas, falando sério, não há que se ter nenhuma preocupação com segurança ali - o equipamento deles é de primeiríssima qualidade e não tem erro - mesmo que a criança se desequilibre e caia em algum obstáculo, ela estará bem presa, não há qualquer risco de uma queda ou de se machucar. 

O Lipe era meio 'baixinho' para aquele circuito, mas alcançava a altura mínima - seria melhor se fosse um pouquinho maior, pois ele teve dificuldades para conseguir alcançar os ganchos, mas sempre tinha uma menina mais alta por perto para ajudar quando ele não conseguia esticar os bracinhos o suficiente para passar a corda :)

Não sei como não morreu de cansaço nos braços, pobrezinho! 

Ele ficou tão, mas tãoooo encanzinado, que acabou fazendo 3 vezes o circuito completo, e só parou porque tiramos ele de lá, praticamente à força kkkkkk... 

Por ele, teríamos um circuito daqueles no pátio de casa!

Contei todos os detalhes deste parque, com as fotografias, no post abaixo - se você tem um pequeno viajante, não pode perder - dê uma espiada nas fotos:

Wild Play Victoria - circuitos de arborismo e tirolesa para toda família

Repito: se você viaja com o seu filhote junto, recomendo muito colocar esse passeio no roteiro. Qualquer viagem precisa ter atrações divertidas para a família toda, e os pequenos também merecem ter um passeio "só para eles" no roteiro, para gastarem um pouco as energias e, especialmente, para seguirem firmes e fortes (e bem comportados!) no passeio seguinte, que seria uma visita a um Castelo :) 


Victoria Vancouver Island British Columbia
enlouquecido no arborismo em Vancouver Island

Craigdarroch Castle 

O que é: castelo da era vitoriana que é patrimônio histórico nacional

Horário de funcionamento: 9am - 7pm (no verão)

Endereço: 1050 Joan Crescent, Victoria

Site oficial

Preços adulto/infantil: CAD$13.95/CAD$5


Nós estacionamos o nosso motorhome exatamente ao lado do castelo, sem pagar nada e sem problemas. 

Acho que dá para ir lá à noite também, pois o castelo fica localizado numa rua, num lugar público, a menos de 10 minutos (de carro) do Inner Harbour


Para ver o prédio (lindo!) por fora, inclusive os fundos, que têm a vista mais fotogênica, não precisa pagar o ingresso, mas recomendo muito que você entre para vê-lo por dentro, é incrível! 

O Castelo Craigdarroch foi construído pelo barão do carvão Robert Dunsmuir (o homem mais rico da Colúmbia Britânica) durante o reinado da Rainha Victoria e hoje em dia é tombado como Patrimônio Histórico Nacional do Canadá.

Ele foi meticulosamente restaurado, do mobiliário luxuoso aos vitrais coloridos, e um passeio pelos seus salões permite ao visitante ter um vislumbre de como era o estilo de vida dos "privilegiados" dos 1890, seus relacionamentos familiares e peculiaridades. 

O Castelo tem uma lojinha e também banheiros. 

Como o prédio possui muitas escadarias e degraus (são 4 andares), não leve carrinho de bebê, ele só vai atrapalhar. Não há acessibilidade para cadeiras de rodas. 

Não deixe de pegar o folheto que eles oferecem logo na entrada - tem até uma versão em português! A visita é auto-guiada e esse folheto explica tudo com riqueza de detalhes. Inclusive o fato de que o castelo possui 17 lareiras e 7 chaminés! 

Ah, e claro, não esqueça de limpar/lustrar os sapatos antes de entrar no castelo!

Eu, que adoro conhecer castelos - por dentro e por fora - fiquei encantada, especialmente com o trabalho em marcenaria. Acredita que foram necessários 5 vagões vindos de Chicago para transportar os 2.128 painéis de carvalho usados???

Mas surpresa mesmo foi o interesse do Lipe no lugar: depois que eu "expliquei" que aquele era o "Castelo do Batman" ele ficou empolgadíssimo e queria conhecer todos os recantos, só ficou triste porque não encontrou o Alfred :(

#MentirinhaInocentePode?

Mostrei todos os detalhes do interior do Castelo, com muitas fotografias, neste post abaixo - se lhe interessa conhecer um castelo, vale a pena dar uma espiada nas fotos:

Saindo do castelo, seguimos para aquele que seria o último passeio do dia e um dos mais impressionantes da viagem inteira...


Victoria Vancouver Island British Columbia
Craigdarroch Castle em Victoria

Butchart Gardens

O que é: parque imenso com inúmeros jardins e paisagismo maravilhoso, famoso por ser um dos mais bonitos do mundo


Horário de funcionamento: 9am - 10pm (no verão)

Endereço: 800 Benvenuto Avenue, Brentwood Bay

Site oficial 


Preços adulto/infantil: CAD$31.45/CAD$3

Chegamos aos Butchart Gardens às 7pm e, no verão canadense, ainda era dia claro. 

O parque fica localizado a 23Km/30min do centro de Victoria, em Brentwood Bayvia West Saanich Road, saindo da Highway 17. 

Se você tiver um GPS, é só colocar o endereço (800 Benvenuto Avenue) que você chega lá fácil, fácil!

Coordenadas para GPS: 48.562490, -123.466613.

O estacionamento é imenso e gratuito. Se você estiver de motorhome, como nós, procure o estacionamento exclusivo para RVs. 

Compre ingressos online antes de ir para evitar filas. 

Os Butchart Gardens existem há mais de 110 anos no local onde antes funcionava uma pedreira, e são considerados um Patrimônio Histórico Nacional do Canadá. 

Hoje são 22 hectares de jardins de tirar o fôlego, visitados por mais de 1 milhão de pessoas por ano. 

Sendo beeeem honesta, não é um programa de "mulherzinha" - só uma pessoa muito mal amada e de mal com a vida para não sair de lá absolutamente encantada com tanta poesia em forma de crisântemos, begônias, rosas e fúcsias coloridas. 

Durante o verão, eles oferecem o Night Illuminations Tour, quando o parque fica todo iluminado à noite. Nas noites de sábado, tem até show de fogos de artifício!

Mas o que eu curti mesmo foi o Festival de Verão - Butchart´s Summer Festival - com performances de (muito) boa música ao ar livre, todo mundo dançando, fazendo piquenique nos gramados, que clima ma-ra-vi-lho-so! 

Por mim eu teria ficado lá curtindo aquele espetáculo de savoir-vivre até a noite acabar! 

E o mais legal é que tanto o Night Illuminations Tour com show fogos de artifício quanto o Festival de Verão estão incluídos no preço do seu ingresso, não precisa pagar nada a mais para assistir. 

Informe-se sobre as datas destes "eventos" e programe a sua visita para um destes dias - vai valer muito a pena, eu garanto! 

Nós chegamos já meio tarde ao parque (7pm) - se você chegar lá pelas 6pm (ou antes), dá tempo de passear por todos os jardins com calma e depois ainda curtir os eventos especiais, pois o parque só fecha às 10pm

Gostei muito de visitar neste horário porque já não haviam mais ônibus de turistas, escapamos da parte mais quente do dia, a luz do final da tarde é ótima para fotografar e o entardecer lá é mágico! 

Outra coisa que precisa ser dita: muita gente pensa que, por se tratar de um parque de jardins, as melhores épocas do ano para visitá-lo seriam primavera e verão, quando as flores estão a 1000. 

Ocorre que, no Canadá, de um modo geral, as cores do outono são as mais bonitas de todas, e o lugar explode em laranjas e vermelhos inacreditáveis. Aliás, as fotos mais bonitas que vi do parque são justamente as do outono e do inverno, acredita??? 

O parque funciona o ano todo, todos os dias do ano. 

No outono, pelo que li, o Jardim Japonês fica maravilhoso. 

Já no inverno, durante o período de Natal, o parque fica todo decorado com milhares de luzinhas coloridas, músicas natalinas e há um rink de patinação no gelo. Prometi para mim mesma que um dia eu volto!

No verão, os jardins mais recomendados - embora eu ache de verdade que você 'precisa' conhecer absolutamente todos eles - são o Sunken Garden e o Rose Garden, ambos espetaculares.

O Sunken Garden, ou Jardim Submerso, é im-pres-sio-nan-te!

Preste atenção nos corrimões de cimento, feitos para parecerem madeira. Arte em cimento, quem diria!?

No Jardim das Rosas, procure a Fonte do Sapo, a Fonte dos 3 Esturjões e o Poço dos Desejos

Butchart Gardens
Butchart Gardens

Outros recantos que você não pode deixar de ver - procure por eles no mapinha e vá atrás:

* Fonte Ross 

* Totem Poles

* Jardim Italiano

* Star Pond

* Butchart Cove 

O parque ainda oferece wifi, bebedouros, várias lancherias, restaurantes, cafeterias e sorveterias espalhados, banheiros, um visitor centre e lojas, inclusive de sementes

No visitor centre tem depósito de bagagens, informações e ótimos mapas do parque, inclusive em português - não deixe de pegar um mapa, sem eles fica difícil 'se achar' por lá, pois o local é enorme. 

Eles ainda emprestam cadeiras de rodas, carrinhos de bebês e guarda-chuvas. 

Quase todos os jardins são acessíveis para cadeirantes (e no mapinha eles mostram direitinho quais são as melhores rotas para evitar degraus). 

As crianças vão adorar correr pelo parque, mas também há uma atração especial para os pequenos viajantes lá: um carrossel lindo!

Saí de lá chocada, de queixo caído, sem palavras para descrever tanta beleza. 

É o tipo de lugar que só indo para entender. Não tem filme ou foto capaz de mostrar o que são aqueles jardins.

Só posso garantir que o parque é altamente recomendado como um dos lugares mais bonitos em que eu já estive na vida. A sensação que eu tinha era a de estar entrando e sendo abraçada no paraíso. Algo fora do comum, fiquei realmente muito impressionada :) 

Tanto que nem consegui fotografar direito, até porque, logo ao ver o Sunken Garden, já me dei conta de que não há foto no mundo capaz de descrever a sensação que se tem ao avistar aquele jardim. 

E o cheiro? Não, foto não tem cheiro. Só indo lá, mesmo. 

Contei todos os detalhes deste passeio, com muitas fotos, no post abaixo - se lhe interessa visitar um parque assim (vá, vá, vá!), vale a pena dar uma espiada nas fotografias:


Na saída de lá, já ao anoitecer, para completar o espetáculo, ainda vimos um veadinho lindo em plena estrada de volta para Downtown Victoria!

E, para encerrar a nossa passagem por Victoria em altíssimo estilo, fizemos mais uma última paradinha no Inner Harbour iluminado à noite, antes de irmos novamente pernoitar de graça ao lado do Parlamento, com a melhor vista da cidade :)

No dia seguinte, era hora de ir embora do Canadá para os EUA, para continuar a nossa grande aventura em Seattle e arredores!


Victoria Vancouver Island British Columbia
Parlamento à noite

Victoria Vancouver Island British Columbia

Victoria Vancouver Island British Columbia

Observações importantes

Não deixe de confirmar todas as informações acima antes da sua viagem. 

Os preços mudam (para cima, infelizmente!), e os horários de funcionamento variam muito dependendo da época do ano - todas as informações que pus no post são relativas ao mês de julho de 2015, quando estivemos lá. 

Na época, a cotação do dólar canadense era de R$ 2,49 = CAD$ 1. A maioria dos preços informados não inclui taxas.  

No próximo post, continuamos viagem com o nosso diário de bordo - não saia daí! 

Você já esteve em British Columbia? Foi até a capital Victoria?? Fez passeios diferentes? Conte para a gente, deixe a sua dica na nossa caixa de comentários!

Durante esta viagem, nós usamos as seguintes hashtags nas nossas redes sociais Facebook / Twitter / Instagram - é só clicar na # e ver tudo o que postamos sobre cada lugar:

Acompanhe o nosso Instagram @claudiarodriguespegoraro - tem muitas dicas desta viagem por lá!

* Agradecemos aos órgãos oficiais de turismo de Banff e Lake LouiseJasperWhistlerVancouverVictoriaPort TownsendSeattleBC Ferries e Parks Canada pelos ingressos cortesia, passes, passagens, diárias de campings e todo apoio na organização da nossa viagem.


Veja o vídeo com o resumo desta viagem aqui:



Não vai viajar de motorhome? Precisa reservar um hotel em Victoria?

Clique abaixo para conferir os preços na data da sua viagem e fazer a sua reserva:


 

Nós recomendamos a Rentalcars para aluguel de carros:



Dicas gerais, planejamento e organização da viagem


Montanhas Rochosas


Vancouver e arredores 
Vancouver Harbour Tour da Harbour Cruises - as melhores vistas da cidade
Stanley Park Horse-Drawn Tours - como é o passeio de carruagem no parque de Vancouver

Victoria e Vancouver Island

Seattle e arredores


Todos os posts sobre os Estados Unidos.

Todos os posts sobre o Canadá.

Todos os posts sobre o Alaska

Todos os posts sobre esta viagem estão em Pacific NorthWest, como é conhecida essa região do mundo!


Mais fotografias das nossas viagens no Instagram @claudiarodriguespegoraro, na hashtag #Felipeopequenoviajante.

Não esqueça de curtir a fan page no Facebook para acompanhar as nossas aventuras!

Assista todos os nossos minifilmes neste link do Facebook, e os vídeos você assiste no YouTube ou no Vimeo - aproveite e já se inscreva lá nos nossos canais!

Nosso snapchat é @pequenoviajante.

Você também nos encontra aqui:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...