Menu

Pinto Bandeira: o que fazer, onde ficar e onde comer

Saiba o que fazer em Pinto Bandeira - nosso guia de passeios pela região inclui as melhores atrações turísticas, onde comer, onde ficar e onde beber!
o que fazer em Pinto Bandeira
Saiba o que fazer em Pinto Bandeira - nosso guia de passeios pela região inclui as melhores atrações turísticas, onde comer, onde ficar e, especialmente, onde beber os melhores espumantes da Serra Gaúcha!
 Pinto Bandeira é uma cidadezinha pequena e charmosa na Serra Gaúcha que, até 2012, era um distrito de Bento Gonçalves, com aproximadamente 3 mil habitamtes. É considerado um dos municípios mais jovens do Brasil, embora o local tenha sido desbravado e colonizado pela imigração italiana na Serra Gaúcha desde 1876!

De Porto Alegre até lá são 142Km e de Bento Gonçalves são apenas 20Km. Inclusive, vale dizer que Pinto Bandeira fica colada num dos mais importantes roteiros turísticos de Bento, os Caminhos de Pedra!

Pinto Bandeira fica situada numa região famosa pelos espumantes de qualidade, com várias das minhas vinícolas favoritas localizadas lá, como a Vinícola Don Giovanni e a Cave Geisse. Se você ama espumantes, Pinto Bandeira é o seu lugar!

Mas nem só de vinícolas vive Pinto Bandeira! 

Além dos famosos espumantes, Pinto Bandeira também é conhecida como a Capital Brasileira do Pêssego - a cidade é uma das principais produtoras da fruta, inclusive sediando a Festa do Pêssego. 

A floração dos pessegueiros na primavera é um espetáculo à parte. Em função das mudanças climáticas, o período varia um pouco a cada ano, mas, em geral, final de agosto, setembro, novembro e dezembro são boas épocas para curtir este espetáculo da natureza.

É uma época tão linda quanto a da colheita da uva, no verão!

o que fazer em Pinto Bandeira
os famosos pêssegos de Pinto Bandeira florescendo na primavera/verão

o que fazer em Pinto Bandeira
parreiral em Pinto Bandeira no inverno

o que fazer em Pinto Bandeira
a paisagem de Pinto Bandeira é linda em qualquer época do ano, seja na primavera, verão ou no outono, quando as folhas das árvores ficam vermelhas

Pinto Bandeira fica situada entre os vales dos rios Burati e das Antas, o que também garante paisagens incríveis nos passeios pela zona rural. É um dos meus lugares favoritos para trilhas e longas caminhadas! 

Veja, por exemplo, esta trilha linda em Pinto Bandeira

A charmosa cidadezinha também é o destino certo para quem busca sossego, tranquilidade e uma gastronomia criativa

Se você está buscando um destino cheio de charme, com vistas lindas, vinícolas excelentes que produzem os melhores espumantes do Brasil, e uma gastronomia inovadora, Pinto Bandeira definitivamente merece a sua visita!

E, para que você possa aproveitar tudo de melhor que há para fazer em Pinto Bandeira, sugiro um roteiro de 2 dias, pernoitando na Pousada da Vinícola Don Giovanni! 

Vai ser um final de semana delicioso!

Leia mais sobre o que fazer em Pinto Bandeira:


Abaixo, descubra o que fazer em Pinto Bandeira - nosso guia de passeios pela região inclui as melhores atrações turísticas, onde comer, onde ficar e, especialmente, onde beber os melhores espumantes da Serra Gaúcha!

o que fazer em Pinto Bandeira
uma das minhas trilhas favoritas pela zona rural de Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira
fotos das minhas caminhadas pelo interior do município de Pinto Bandeira - não lembra a Toscana??

o que fazer em Pinto Bandeira
capelinha situada na área rural de Pinto Bandeira, perto da Cave Geisse

o que fazer em Pinto Bandeira
araucárias no interior de Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira
caminhada em Pinto Bandeira com o pessoal da Indiada Buena

o que fazer em Pinto Bandeira
paisagem típica de Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira
Pinto Bandeira

Um pouquinho da história de Pinto Bandeira

A região de Pinto Bandeira foi colonizada pelas primeiras famílias de imigrantes que vieram da Itália em 1876.

Os pioneiros imigrantes italianos que chegaram ao local onde hoje se situa o município de Pinto Bandeira se instalaram nas Linhas Palmeiro e Jansen, da então Colônia Dona Isabel, que foi o 1º nome de Bento Gonçalves. 

Abriram clareiras na mata, construíram abrigos rústicos, plantaram milho (essencial para a polenta de todo dia) e sobreviviam da caça. 

Além dos italianos, depois chegaram também imigrantes vindos de outras partes da Europa: poloneses, suecos, espanhóis e portugueses. 

Cultivavam videiras, plantavam trigo e faziam seu próprio pão, vinho, queijo e salame. 

Muita coisa mudou, mas você certamente encontrará ótimos vinhos, polenta, queijos e salames na sua visita a Pinto Bandeira - afinal, eles estão aprimorando essas delícias há 145 anos!

o que fazer em Pinto Bandeira
Capela de São Pedro, de 1922, no interior de Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira

Indicação de Procedência (IP) e Denominação de Origem (DO) Altos de Pinto Bandeira

Pinto Bandeira já possui Indicação de Procedência (IP) há mais de 10 anos, e está prestes a obter Denominação de Origem (DO) específica para espumantes, a primeira do Novo Mundo: Espumante Natural Altos de Pinto Bandeira.

Será a 1ª DO de espumantes do Brasil e da América! Aliás, Pinto Bandeira foi a 2ª região do Brasil a ser certificada - a 1ª foi o Vale dos Vinhedos, que tem Indicação de Procedência e Denominação de Origem para vinhos.

Para quem não é do mundo do vinho, a Indicação de Procedência (IP) significa que os vinhos e espumantes produzidos aqui passam por um rigoroso controle de qualidade que regula a produção, para que mantenha sempre a mesma qualidade e siga os pré-requisitos estabelecidos. 

A certificação confere reputação, valor e identidade ao produto de Pinto Bandeira, pois os vinhos indicados terão características únicas da geografia local e seguem algumas regras de plantio e até de engarrafamento, que deve ocorrer obrigatoriamente dentro de Pinto Bandeira. 

Agora eles esperam, com muito orgulho, a aprovação da Denominação de Origem (DO) Altos de Pinto Bandeira, um selo exclusivo para espumantes produzidos pelo método tradicional - champenoise - com 2ª fermentação na garrafa e pelo menos 18 meses de maturação. 

A certificação será válida para espumantes produzidos a partir de 3 variedades de uvas - Chardonnay, Pinot Noir e Riesling Itálico, todas cultivadas em espaldeira, que é o plantio vertical.

o que fazer em Pinto Bandeira
Rota Vinhos de Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira
espumante brut da Cave Geisse de Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira
espumante extra brut da Vinícola Aurora - unidade de Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira
degustação na Vinícola Don Giovanni em Pinto Bandeira

O que fazer em Pinto Bandeira

Já deu pra perceber que as principais atrações de Pinto Bandeiras são as suas vinícolas, né? 

Em se tratando de um terroir perfeito para a elaboração de espumantes únicos e de excelente qualidade, com uma geografia de altitude, solo de origem vulcânica e relevo ondulado - alguns especialistas chegam a afirmar que o terroir de Pinto Bandeira é superior ao da região de Champagne, por conta da acidez - não poderia ser diferente! 
 
O principal atrativo são mesmo os espumantes produzidos localmente e as visitas às vinícolas, localizadas na Rota Vinhos de Pinto Bandeira.

Já publicamos outros posts aqui no blog sobre as nossas visitas às principais vinícolas de Pinto Bandeira, veja:


Mas também existem outras atrações interessantes em Pinto Bandeira que merecem a sua visita e rendem um bom roteiro de final de semana - por isso resolvi publicar esse post aqui no blog para compartilhar essas dicas 'extras' com vocês!

Veja, abaixo, o que fazer em Pinto Bandeira: 

o que fazer em Pinto Bandeira
mapa com os principais pontos turísticos de Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira
Pinto Bandeira tem o terroir perfeito para a elaboração de espumantes de excelente qualidade

o que fazer em Pinto Bandeira
vinhedo da unidade da Vinícola Aurora em Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira
especialistas afirmam que o terroir de Pinto Bandeira é superior ao da região de Champagne, na França

o que fazer em Pinto Bandeira
vinhedos em Pinto Bandeira

Igreja Nossa Senhora do Rosário de Pompéia

A maior parte das atrações turísticas de Pinto Bandeira fica situada no interior do município, na zona rural, mas, no centro da cidade, vale a pena conhecer o Santuário de Nossa Senhora do Rosário de Pompéia.

A pedra fundamental desta igreja foi colocada em 1899, mas a obra só foi concluída em maio de 1902, com a realização de uma grande festa, que reuniu aproximadamente 6 mil pessoas, com pregações em 3 línguas: italiano, português e polonês.

Dá pra imaginar um festerê desses em 1902?! O povo já gostava de uma aglomeração naquela época! Imagina a comilança que não deve ter rolado hahahaha...

Depois disso, as obras continuaram até 1915, e a torre ao lado da igreja só foi inaugurada em 1949.

O santuário é o cartão postal da cidade, e fica localizado na Praça Matriz, bem no centrinho de Pinto Bandeira, onde também tem um brinquedão bem legal para os pequenos viajantes - como era boa a época em que bastava encontrarmos um brinquedão desses pra distrair o Lipe!

Ali nos arredores, vimos umas docerias que deram água na boca também. 

o que fazer em Pinto Bandeira
Santuário de Nossa Senhora do Rosário de Pompéia em Pinto Bandeira

Vinhos Fornasier

Como a maioria dos viajantes vai para Pinto Bandeira a partir de Bento Gonçalves - se você vier de Porto Alegre seguindo o Google Maps, é por esse caminho que o GPS vai te levar - vamos começar as nossas dicas do que fazer em Pinto Bandeira com os atrativos desse caminho.

E, nesse trajeto, a primeira parada é na Vinícola Fornasier

Eu nunca visitei a vinícola - nem sei se é possível fazer alguma visitação, mas vale a parada para dar uma espiada na loja, que vende produtos regionais e é cercada de montanhas, cascatas e vinhedos - uma paisagem linda!

o que fazer em Pinto Bandeira
Vinícola Fornasier em Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira

Mirante da Cascata dos Amores

Ali ao lado da vinícola, fica situado o Mirante da Cascata dos Amores, que é iluminado à noite. 

Ali também há uma linda capela, que vale entrar para conhecer!

o que fazer em Pinto Bandeira
Mirante da Cascata dos Amores em Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira
o zoom de celular não ajudou na hora de fotografar a Cascata dos Amores

o que fazer em Pinto Bandeira
vale a pena dar uma espiada nesta linda capela por dentro!

o que fazer em Pinto Bandeira
olha que lindos estes murais dentro da capela!

Vinícola Terraças

No mesmo local, ao lado do Mirante da Cascata dos Amores e da Vinhos Fornasier, aproveite para experimentar um dos deliciosos sucos integrais de uva produzidos pela Vinícola Terraças

Essa é uma vinícola familiar especializada na produção de suco de uva, que elabora mais de 60 mil litros de suco de uva ano, e eles oferecem degustações e vendem sucos nas variedades tinto ou branco no local. 

Se você tiver interesse, pode agendar para conhecer o sistema de produção dos sucos, desde o desengace das uvas até o engarrafamento.

Eles têm vinhedos próprios e uma vista linda dos arredores. 

Como a Vinícola Terraças é a principal referência da região quando o assunto é suco de uva, é um passeio recomendado para famílias com crianças também.

Horários de atendimento: de segunda a sábado, das 8h30min às 18hs. Aos domingos, das 10 às 16hs. 

Para grupos com mais de 10 pessoas, é necessário agendamento prévio.

Maiores informações: Vinícola Terraças

Linha Jansen, Km 4
Telefone: (54) 3455-6214

o que fazer em Pinto Bandeira
Vinícola Terraças em Pinto Bandeira

Vinícola e Pousada Don Giovanni e o novo Restaurante Nature

Seguindo pela mesma estrada, você logo chegará à Vinícola Don Giovanni, um dos meus atrativos preferidos em Pinto Bandeira, e a melhor dica de onde ficar em Pinto Bandeira

Sim, mais do que uma vinícola, a Don Giovanni é um verdadeiro complexo enogastronômico, com 2 restaurantes (um deles, o Nature, recém inaugurado) e uma pousada charmosa com apenas 8 quartos, 7 deles em um casarão construído em 1930, que está sendo todo renovado.

Eu, se fosse você, me hospedava lá para curtir não só as atrações turísticas de Pinto Bandeira, mas também o roteiro Caminhos de Pedra, uma das principais rotas turísticas de Bento Gonçalves, que fica bem pertinho dali!

No final da tarde, não deixe de assistir ao pôr do sol no mirante da Don Giovanni, bem acompanhado de um dos deliciosos espumantes pelos quais a Vinícola Don Giovanni é conhecida. 

Ah, e não deixe de agendar um jantar no restaurante situado no mesmo prédio da pousada, um lugar super aconchegante! 

Para almoçar, prefira o recém inaugurado Restaurante Nature, também situado lá na Don Giovanni, lugar perfeito para um almoço ao ar livre num dia lindo de sol!

Linha Amadeu, Km 12
Telefone: (54) 99691-7392

Para saber todos os detalhes sobre a Vinícola Don Giovanni, seus restaurantes e as possibilidades de enoturismo que eles oferecem, veja o post completo que já publiquei aqui no blog, clicando aqui:


o que fazer em Pinto Bandeira
Vinícola e Pousada Don Giovanni

o que fazer em Pinto Bandeira
degustando os excelentes espumantes da Vinícola Don Giovanni

o que fazer em Pinto Bandeira
não deixe de reservar um jantar inesquecível no restaurante da Pousada Don Giovanni

o que fazer em Pinto Bandeira
a degustação orientada na Vinícola Don Giovanni é uma das melhores dicas de o que fazer em Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira
Vinícola Don Giovanni em Pinto Bandeira

Onde ficar em Pinto Bandeira

Se você não conseguir reservar a Pousada Don Giovanni, veja estas outras opções de pousadas charmosas para ficar ali perto:

LOTE20 Hotel Boutique (este bem mais caro)

o que fazer em Pinto Bandeira
Pousada Don Giovanni em Pinto Bandeira

Cave Geisse

Mais adiante, você chegará naquela que é uma das principais atrações turísticas não só de Pinto Bandeira, mas de toda a Serra Gaúcha: a Cave Geisse, vinícola que produz alguns dos espumantes mais premiados do mundo. 

Não deixe de experimentar um dos deliciosos espumantes no Open Lounge, um lindo jardim com almofadões espalhados pelo gramado. Para acompanhar, prove as famosas empanadas chilenas da Cave Geisse!

Se você prefere uma aventura, agende com antecedência a Geisse Experience, um passeio divertido num veículo 4X4, passando por uma cachoeira, pelos vinhedos da vinícola e encerrando com um brinde de espumante num local com uma paisagem linnnnnnda! 

Linha Jansen, s/nº
Telefone: (54) 3455-7462

Já publiquei um post super completo sobre as experiências enoturísticas que você pode ter na Geisse, veja todos os detalhes clicando aqui:


o que fazer em Pinto Bandeira
curtindo as paisagens lindas da Cave Geisse em Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira
visita guiada pela Cave Geisse

o que fazer em Pinto Bandeira
Cave Geisse em Pinto Bandeira

Vinícola Aurora em Pinto Bandeira

Aliás, vale dizer que ali perto da Cave Geisse também está situada a unidade da Vinícola Aurora em Pinto Bandeira que, infelizmente, por enquanto não está aberta ao turismo - eles abrem apenas para eventos especiais. 

Tive oportunidade de conhecer essa sede da Vinícola Aurora em Pinto Bandeira e fiquei encantada com a beleza do local - torcendo que em breve eles passem a oferecer experiências enoturísticas lá! Fique ligado!

Veja mais aqui:


o que fazer em Pinto Bandeira
Vinícola Aurora em Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira
uma vinícola linda que infelizmente ainda não oferece experiências de enoturismo para o público em geral - quem sabe em breve!?

Vinícola Valmarino

Ainda entre as vinícolas de Pinto Bandeira que merecem a sua visita, não deixe de ir conhecer também a Vinícola Valmarino, que oferece degustação e loja (e tem banheiros limpos!).

Essa é uma vinícola familiar especializada na produção de espumantes pelo método tradicional, o champenoise. A produção é limitada, focada na qualidade, com um cuidado quase artesanal. 

A Vinícola Valmarino foi fundada em 1997 pelo enólogo Orval Salton, da 3ª geração da família Salton, que preservou a tradição de cultivo de uvas viníferas e produção de vinhos desde a chegada do patriarca da família a Bento Gonçalves, em 1878. 

O nome da vinícola é uma homenagem aos antepassados da família, imigrantes vindos de Cison di Valmarino, na região do Vêneto.

A degustação orientada acontece na loja. Você pode optar entre escolher os produtos que quer degustar ou seguir a sequência pre-estabelecida na carta de degustação. 

De acordo com o clima e a estação do ano, eles modificam a sequência da degustação, para propiciar a melhor percepção de aromas, sabores e características de cada vinho e espumante degustados. 

Também há possibilidade, mediante agendamento prévio, de fazer o que eles chamam Tour Valmarino, ou ainda uma visita técnica aos vinhedos, situados em frente à vinícola, e à área de produção. Essas visitas técnicas são acompanhadas pelos proprietários da vinícola ou pelo enólogo, havendo disponibilidade.

A paisagem é linda, o atendimento é exclusivo, os vinhos finos e espumantes têm qualidade reconhecida e a vinícola, com arquitetura tradicional, é cercada por 20 hectares de vinhedos, situados em uma altitude média de 700m, onde são cultivadas 14 variedades viníferas diferentes, que resultam na elaboração de mais de 200 mil litros de vinhos finos e espumantes, comercializados em 2 marcas: a linha Valmarino (vinhos e espumantes diferenciados, com potencial de guarda, mais caros e melhores) e a linha Tre Fradéi (vinhos frescos e frutados, ideais para o consumo diário, mais baratos).

Horários de atendimento: de segunda a sábado, das 9 às 18hs. Aos domingos e feriados, das 10 às 16hs. 

Maiores informações: Vinícola Valmarino

Linha Jacinto Sul, s/nº
Telefone: (54) 3455-7474 ou 3452-2135

o que fazer em Pinto Bandeira
Vinícola Valmarino em Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira
vistas lindas que se tem da Vinícola Valmarino

o que fazer em Pinto Bandeira

Onde comer em Pinto Bandeira

Além das dicas de onde comer em Pinto Bandeira que já registrei acima (restaurantes da Vinícola Don Giovanni, Open Lounge da Cave Geisse e docerias nos arredores da Praça Matriz de Pinto Bandeira), também quero deixar aqui outras 2 dicas de onde experimentar o melhor da gastronomia inovadora de Pinto Bandeira: no centro da cidade, o Restaurante Colheita Butique Sazonal e, no interior do município, entre as vinícolas Fornasier e Don Giovanni, o Champenoise Bistrô

o que fazer em Pinto Bandeira
tábua de frios do Open Lounge da Cave Geisse

o que fazer em Pinto Bandeira
um jantar inesquecível no restaurante da Pousada Don Giovanni em Pinto Bandeira

Champenoise Bistrô

Localizado num casarão de 1927 na zona rural de Pinto Bandeira, o grande diferencial desse bistrô - que serve a culinária italiana tradicional da Serra Gaúcha de um jeito inovador e autoral - é trabalhar com menus sazonais e ingredientes orgânicos preparados de modo sustentável, além da filosofia de slow food.

Assim, o menu do Champenoise Bistrô vai mudando de acordo com as estações do ano e com o tempo de colheita de cada ingrediente do cardápio. Aliás, parte dos ingredientes são produzidos por eles mesmos e o serviço é bem leve e descomplicado (sem frescura).

A dica é ir com tempo para curtir o ambiente, que é super gostoso, e aproveitar cada detalhe desta que é uma verdadeira experiência gastronômica, com menus degustação de 5 ou 7 pratos e uma carta de vinhos de Pinto Bandeira.

Não é dos lugares mais em conta para almoçar, mas certamente você vai ter a oportunidade de conhecer um dos melhores restaurantes contemporâneos da Serra Gaúcha. 

É fundamental fazer reserva!

Horários de atendimento: de quintas a domingos, das 12 às 14h30min.

Maiores informações: Champenoise Bistrô

Linha Amadeu, s/nº
Telefone: (54) 99660-3382

o que fazer em Pinto Bandeira
Champenoise Bistrô em Pinto Bandeira

o que fazer em Pinto Bandeira
vista linda do Champenoise Bistrô em Pinto Bandeira

Restaurante Colheita Butique Sazonal

Infelizmente ainda não tive oportunidade de conhecer esse pequeno restaurante que oferece um menu degustação de pratos preparados na brasa, mas já ouvi maravilhas sobre ele, e está na minha lista!

Eles preparam receitas baseadas no conceito da cozinha de fogo, usando técnicas rudimentares, priorizando ingredientes sazonais na elaboração dos pratos e, na medida do possível, alimentos orgânicos e cultivados nas proximidades do restaurante.

Não são muitos os restaurantes no Brasil que buscam este resgate às origens na cozinha e a aplicação dos conceitos de slow food, com respeito ao tempo de colheita de cada ingrediente para garantir alimentos super frescos e mais saborosos, então certamente é uma experiência única. 

Nos finais de semana, os almoços seguem um esquema de menu degustação de 7 pratos.

O valor, até onde eu sei, é equivalente ao do Champenoise Bistrô. Difícil é escolher qual dos 2 restaurantes você vai conhecer primeiro!

O Colheita Butique Sazonal atende somente mediante reservas antecipadas, e a capacidade de atendimento é de apenas 25 pessoas por dia, pois o local é pequeno, mas, dizem, muito aconchegante, rústico e informal. 

Vegetarianos e veganaos são bem-vindos, assim como intolerantes a glúten ou alérgicos - basta comunicar quando fizerem a reserva e avisar o chef.

O restaurante fica no centro de Pinto Bandeira, junto à Pousada Dona Elida, administrada pela mãe do chef.

Maiores informações: Colheita Restaurante

Rua Sete de Setembro, 1471
Telefones: (54) 98126-8293 ou (54) 99977-1210

o que fazer em Pinto Bandeira

Empório Castellamare

Lugar legal para quem gosta de experimentar e comprar produtos regionais. 

O foco deles é a comercialização dos produtos da Cooperativa São João, além de tábuas de frios, com frutas da estação e pão.

Eles oferecem tábuas em 2 tamanhos diferentes - a grande, que custava R$ 55,00 quando estivemos lá, e a média, que custava R$ 45,00, além de uma 3ª opção de tábua apenas com torradinhas, patês e geléias, por R$ 25,00 - mas já aviso que estes valores devem estar bem desatualizados, pois já faz tempo que estive lá! 

Se alguém for lá e puder me mandar os valores atuais, a gente agradece!

Horários de atendimento: das 9 às 17hs.  

Maiores informações: Empório Castellamare

Linha 28
Telefone: (54) 3455-7367

o que fazer em Pinto Bandeira
Empório Castellamare em Pinto Bandeira

Espumantes do Sul

Loja especializada em espumantes sobre a qual já me falaram super bem, mas ainda não tive a oportunidade de visitar. Servem refeições e espumantes em taça. 

Fica situada pertinho da Vinícola Don Giovanni, do Champenoise Bistrô e do Empório Castellamare.  

Quando eu for lá, atualizo aqui!

Abre diariamente. 

Maiores informações: Espumantes do Sul

o que fazer em Pinto Bandeira
impossível não fazer muitos brindes numa viagem a Pinto Bandeira!

Sabores da Montanha

Pertinho da Cave Geisse, você vai encontrar essa agroindústria familiar, onde são cultivados figos, uvas, pêssegos, caquis, bergamotas e outras frutas, dependendo da estação do ano. 

As frutas são então transformadas em deliciosas geléias, doces ou vendidas desidratadas.

Não deixe de levar para casa a geléia Sabores da Montanha sabor alecrim com pimenta - é a minha favorita para comer com carnes e churrasco, adoro!

Horários de funcionamento: de segunda a sábado, das 8 às 18hs. Aos domingos e feriados, das 10 às 17hs. 

Linha Jansen
Telefone: (54) 3455-7365

o que fazer em Pinto Bandeira
geléia Sabores da Montanha sabor alecrim com pimenta - minha favorita!

Museu Sueco

Deixei esta dica do que fazer em Pinto Bandeira por último propositalmente, pois, embora o Museu Sueco apareça em alguns lugares como atração turística de Pinto Bandeira, em verdade ele está situado na zona rural do município de Farroupilha - mas tudo ali é tão pertinho que as áreas rurais dos 2 municípios se confundem e aí só pesquisando no Google Maps para saber o que faz parte de Farroupilha e o que já é Pinto Bandeira, ou vice-versa.  

Muito se fala dos imigrantes italianos e alemães que colonizaram a Serra Gaúcha, mas poucos sabem que também vieram para cá no século 19 imigrantes de várias outras nacionalidades européias, inclusive cerca de 50 famílias oriundas da Suécia!

Muitos destes suecos, ao chegarem aqui e perceberem que a coisa não ia ser fácil, deram meia volta e pegaram o 1º navio de volta para a Suécia - mas alguns valentes fincaram pé e decidiram enfrentar todas as adversidades de desbravar uma região totalmente inóspita.

E foi para contar a história destes suecos corajosos que foi criado o Museu Sueco. 

Este pequeno museu cheio de preciosidades, que fica a pouco mais de 3Km de distância da Cave Geisse, foi fundado por Vilma Bohm Tasca, que já faz parte da 3ª geração de suecos aqui da região, com a intenção de resgatar a história e preservar os costumes e tradições dos seus antepassados.

A Casa da Cultura Sueca abriga ainda o Museu do Linho e um café, que estou há tempos querendo ir experimentar - agora já marquei data e hora - dia 18 de julho às 14hs estaremos lá!

O café colonial só atendia mediante reservas e para grupos de, no mínimo, 15 pessoas. Eu sempre quis ir, mas nunca teria um grupo de 15 pessoas, então fiquei feliz em saber que, para atender aos turistas independentes como nós, nas épocas de maior demanda eles passaram a abrir alguns domingos do mês. O ideal é entrar em contato por WhatsApp e agendar com antecedência no próximo domingo do mês que estiver disponível - foi o que eu fiz. 

Por WhatsApp, quando fiz a reserva, elas me informaram que o custo do café por pessoa é de R$ 50,00. Ainda não sei informar quanto custa o ingresso apenas no museu (sem o café), mas, depois que eu for lá este mês, volto para atualizar as informações aqui neste post. 

A cozinheira, Sônia Maria Foresti Bohm, prepara pratos inspirados na gastronomia sueca numa grande mesa central cheia de doces e salgados coloridos. 

Pelas fotos que eu vi do local, uma antiga casa de madeira, e os pratos que vi nas fotografias - sanduíches abertos, waffles com geleias, almôndegas, maionese com picles, tortas e chás - já me teletransportei às 'fikas' que experimentamos na nossa viagem à Suécia e aos cafés da manhã de hotéis escandinavos.

Linha Jansen
Telefone/WhatsApp: (54) 99138-4095

o que fazer em Pinto Bandeira
o Museu Sueco fica bem na divisa entre os municípios de Pinto Bandeira e Farroupilha, pertinho de todas as vinícolas mais legais

Já esteve em Pinto Bandeira, na Serra Gaúcha? Tem mais dicas do que fazer em Pinto Bandeira? Deixe a sua dica nos comentários!

* Antes de ir a qualquer vinícola, restaurante ou atração turística, sempre verifique os horários de funcionamento, pois eles têm mudado bastante ultimamente, em função da pandemia!

Para mais dicas de passeios pela Serra Gaúcha, veja #LipenaSerra #LipeemBento no Instagram.

Veja abaixo algumas boas opções de hotéis em Bento Gonçalves e Garibaldi, onde já nos hospedamos, todos com resenhas no blog:

Onde participar da Vindima na Serra Gaúcha: 6 lugares onde você pode participar da colheita e pisa das uvas

Share
Próximo
Este é o post mais recente.
Anterior
Postagem mais antiga

Claudia Rodrigues Pegoraro

Comente este Post:

0 comentários: