9 de julho de 2016

Parque Vale da Ferradura, em Canela - uma das vistas mais bonitas da Serra Gaúcha

Na nossa última visita a Canela, na Serra Gaúcha, voltamos ao Vale da Ferradura, um parque natural que oferece aquela que, para mim, é uma das vistas mais bonitas da região, num passeio completo com trilhas divertidas e até pracinha com tirolesa para as crianças. 

Já tínhamos estado lá em 2009, quando eu estava com 9 meses de gravidez, Lipinho no meu barrigão. Desta vez, voltamos com uma grande turma de amigos blogueiros e seus filhotes, e foi pura diversão. De novo me encantei com a beleza e limpeza do parque!

Neste post, vou contar tudo sobre o nosso passeio e deixar algumas dicas para vocês aproveitarem esse passeio imperdível na Serra Gaúcha. 

preparem-se, que o trio calafrio está a caminho do Vale da Ferradura!
na visita anterior, o Lipe foi na minha barriga!

Nos últimos tempos, tenho visto a preocupação dos locais, com medo que Gramado e Canela se tornem uma "mini Disneylândia", cheia de parques temáticos

É verdade que já existem muitas atrações deste estilo por lá:

Mini Mundo em Gramado
Mas não vejo motivo para preocupação, porque, bem ou mal, essas atrações são de fato necessárias para dias nublados ou de chuva, tão comuns na região. 

No entanto, quando sai um solzinho e o dia está com céu azul, o melhor negócio é mesmo sair pra rua! Não há a menor dúvida de que as melhores atrações da Serra Gaúcha são as suas belezas naturais e a cultura regional, resultante da colonização italiana e alemã, que dá um charme inigualável ao local. 

E, para ver toda a beleza natural da região, tenho 5 lugares preferidos para recomendar a vocês entre Canela e Gramado (entre muitos outros):

Cascata do Caracol, em Canela: bondinhos aéreos
2 Lago Negro, em Gramado (gratuito)
3 Belvedere do Vale do Quilombo, em Gramado (gratuito)
4 Mirante do Laje de Pedra (gratuito)
5 Parque Vale da Ferradura

É justamente sobre o Vale da Ferradura que eu quero comentar com vocês hoje. 




E a primeira dica é: antes de sair do hotel para lá, telefone para saber se o tempo está limpo

O número de telefone para informações é 54-96257741 ou 54-32789000.

Nós saímos do Laje de Pedra Hotel & Resort em Canela com um céu azul lindo e chegamos lá com tudo encoberto - em poucos Kms o clima mudou completamente!!! 

Com um tempo assim, não dava para ver nada, e tivemos que voltar no dia seguinte! 

Como pode um bando de blogueiros velhos e escolados dar uma mancada dessas, né? Por isso que a gente sempre diz que "vamos antes para vocês irem melhor" hehehe...


olha a diferença de um dia pro outro!


Localização

O parque, localizado a 13Km do centro de Canela, tem mirantes deslumbrantes com vistas do Vale da Ferradura, da Cascata do Arroio Caçador e do Rio Caí.

Ele fica no Km 12 da RS 466, mais conhecida como Estrada do Caracol.

Para chegar lá, pegue a Estrada do Caracol, logo ao chegar a Canela, vindo de Gramado, e vá sempre por essa via, seguindo as placas. 


é só seguir as placas

Depois que passar pelo Parque do Caracol, a estrada é de terra por 5Km

A estrada até lá, por si só, já é um passeio lindo, pelo chamado Caminho das Graças, veja algumas fotos:





A Estrada do Caracol tem um monte de outros passeios legais, que ficam todos no caminho para o Parque da Ferradura: (clique nos links em vermelho para ler sobre cada um deles)

Casa do Capitão Jack
Castelinho do Caracol
Parque do Caracol (6km do centro)

A nossa dica de ouro, portanto, é se programar para fazer os passeios escolhidos por ali junto com o passeio ao Parque Vale da Ferradura e aproveitar para almoçar no Estação Canela, um restaurante temático de trem ma-ra-vi-lho-so que fica localizado na Rua José Pedro Piva, 423, também no caminho, e abre até as 16hs, o que é praticamente um milagre por lá!

Leia mais: Estação Canela


Informações gerais

Horários de funcionamento: de terças a domingos, das 9h às 17h. No verão este horário pode ser estendido.

O ingresso custa R$ 12,00 para adultos e R$ 6,00 para crianças e idosos.

Hóspedes do Laje de Pedra Hotel & Resort em Canela têm desconto no ingresso. Informe-se no hotel ou pelo email concierge@lajedepedra.com.br.



E, além de toda a diversão nas trilhas, para as famílias e os pequenos viajantes ainda tem uma área especial com 8 churrasqueiras, playground e lanchonete. 

As churrasqueiras estão à disposição de todos, por ordem de chegada, e com um custo de manutenção de R$ 15,00. 


imagina se o Lipe não adorou a tirolesa do parquinho!?!

Trilhas e mirantes

Você vai encontrar no parque 4 trilhas e 3 mirantes, numa área total de aproximadamente 200 hectares, com muitas araucárias, árvores típicas da região que produzem o pinhão e atraem muitos quatis, cutias, bugios, gambás, veados, graxains, macacos-prego e gralhas azuis. 



Nós tivemos a sorte de encontrar muitos quatis por lá, que deixaram as crianças enlouquecidas querendo fotografá-los kkkk...

A melhor estratégia para ver de perto animais selvagens é fazer silêncio nas trilhas, mas com uma turma grande e barulhenta como a nossa, era missão impossível!

Uma dica importante: nunca, em nenhuma hipótese, alimente esses animais ou tente atrai-los para perto com comida - isso não se faz, é proibido e você causa um enorme prejuízo ao meio ambente com esse comportamento aparentemente tão "inocente". 




Mirantes

No alto do canyon de 420 metros de extensão a vista é incrível - lá embaixo, o rio forma a ferradura que dá nome ao lugar. 

3 trilhas fáceis levam aos 3 mirantes de madeira, bem seguros, onde é possível avistar o Vale de diferentes ângulos.

Vá de tênis e leve água, óculos de sol e protetor solar. 




1 Vale da Ferradura

É o principal mirante do parque. 

De lá você vê a vista da Cascata do Arroio Caçador e tem uma visão geral. 

Trilha de 2 minutinhos. 



2 Vale do Arroio Caçador

Proporciona uma vista impressionante do vale. O acesso é por uma trilha leve - cerca de 3min. 

3 Cascata do Arroio Caçador

Vista da Cascata do Arroio Caçador. Nesta trilha você desce 50m, e é um pouco mais íngreme. Leva uns 5min.

Com crianças, leva um pouco mais, é claro!





Trilhas

1 Trilha do Rio Caí

São 350 metros de trilha, iniciando a 750m altura e terminando a 400m de altura, no ponto em que o Arroio Caçador deságua no Rio Caí. 

É a principal trilha do parque, com maior nível de dificuldade, pelo declive do terreno. Você vai levar 1h para descer, e 2hs para subir.

Como a trilha do Rio Caí pode ser dividida em 4 trechos diferentes, você não precisa fazê-la inteira. 







1º trecho - leva a 2 mirantes, localizados a 700m de altura e de onde se tem uma belíssima vista da Cascata do Arroio Caçador.

2º trecho - vai de 700 até 550m de altura e é o trecho de maior extensão e menor dificuldade.

3º trecho - inicia a 550m de altura, no ponto onde as trilhas do Rio Caí e do Pórtico se encontram, e termina a 450m de altura, no leito do Arroio Caçador, acima da queda d’água.

4º trecho - vai de 450 a 400m de altura e é o trecho mais difícil, pois o declive é acentuado e a umidade é alta. Em parte deste trecho você pode se molhar, porque ele acompanha a queda da cascata, terminando no pé da Cascata do Arroio Caçador e às margens do Rio Caí, em uma área plana, local ideal para um merecido descanso.


2 Trilha do Pórtico

A trilha do Pórtico tem 200m, iniciando a 750m de altura e terminando a 550m, onde se encontra com a Trilha do Rio Caí. Nela há um lugar conhecido como Cascata do Graxaim, onde podem ser vistas araucárias e xaxins.

3 Trilha das Cotias

É uma trilha com bastante sombra, sem esforço físico, para todas as idades e condicionamentos físicos. Encontra-se na faixa entre 700 e 750m de altitude, no platô do parque, acima da trilha do Pórtico. Na área mais rochosa dá para ver muitos cactus e bromélias.

4 Trilha das Pinguelas

Está entre 700 e 750m de altura, mas voltada para o Vale da Ferradura. A trilha acompanha um arroio e há sombra de árvores.






Observações 

A preocupação com a segurança das crianças não é muito grande lá, pois existem cercas de proteção, como dá para visualizar nas fotos abaixo. 

Claro que não dá pra tirar o olho, mas pelo menos dá pra largar a mão! 

Achei bem boas as proteções, ainda mais comparando com outros lugares como o Canyon Fortaleza e o Canyon Itaimbezinho, em Cambará do Sul, ou mesmo o Grand Canyon e Horseshoe Bend, nos Estados Unidos, onde não há nenhuma proteção sequer e as mães quase morrem loucas correndo atrás dos pequenos aventureiros!



Tivemos muita sorte com o tempo - como mencionei lá no início do post, esse é um lugar para visitar no dia mais bonito da sua viagem - se você acordar com sol e céu azul, desmarque tudo o que tinha planejado e corra para lá! 

O tempo estava tão bom e sem vento, apesar do frio, que deu até para voar o drone e fazer algumas fotos "aéreas" lindas - as crianças (grandes e pequenas) amaram a função do drone, hehehe...






Deixei por último a principal dica do dia - e a minha maior mancada: estou sempre repetindo aqui que o Lipe adora filmar (com a filmadora JVC que nós temos) e fotografar nas nossas viagens. 

Ele sempre fotografa tudo o que vê com o tablet dele - volta e meia preciso fazer uma "limpa" nas fotos do pequeno. Só que, neste dia, a criançada toda (todos filhos de blogueiros de viagens hehehe...) estava com máquinas fotográficas em punho, e eu esqueci completamente do tablet dele no carro no estacionamento! 

Não preciso dizer que ele incomodou o tempo todo, né? Quem salvou a pátria foi a querida Isabela, filhota dos Malas e Panelas, que emprestou a dela para ele e imediatamente se tornou a best friend forever do Lipe! Obrigada, Isabela :)

Em resumo: não deixe de levar uma máquina fotográfica pro seu pequeno viajante neste passeio - ele certamente vai amar fotografar os quatis!




Gostou das nossas dicas? Já conhece o Vale da Ferradura? Deixe seus comentários!

Se você quiser ler todos os nossos posts sobre Gramado & Canela em sequência (do último para o primeiro), é só clicar aqui!

Veja mais fotografias das nossas viagens à Serra Gaúcha na hashtag #LipenaSerra no Instagram.

Visitamos o Parque Vale da Ferradura a convite do Laje de Pedra Hotel & Resort em Canela, e agradecemos a gentileza. 

Flashback Aparados da Serra (Cambará do Sul)

Leia todos os nossos posts sobre a Serra Gaúcha :)

Para ler sobre as nossas viagens aqui pelo Estado, clique em Rio Grande do Sul      


Não esqueça de curtir a fan page no Facebook para acompanhar as nossas aventuras! 

Assista todos os nossos minifilmes neste link do Facebook, e os vídeos você assiste no YouTube ou no Vimeo - aproveite e já se inscreva lá nos nossos canais!

Nosso snapchat é @pequenoviajante.

Você também nos encontra aqui:



2 comentários:

  1. Olá amigos, tenho encontrado cada vez mais textos inspiradores sobre a Serra Gaúcha. Acho que isso é um sinal para voltar ao Brasil e quem sabe me cruzar de novo com vocês e o pequeno Felipe (está a ficar muito crescido, ele...). Grande abraço e até breve. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Filipe, nós adoraríamos a visita de vocês! E também gostaríamos muito de voltar a Portugal para uma roadtrip! Acho que nos veremos em breve hehehe...
      Abraços a todos aí!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...