4 de junho de 2015

Bogotá: roteiro de 1 dia, nossas dicas e os passeios imperdíveis

Nós compramos as nossas passagens para Curaçao numa promoção da Avianca que vimos no site Melhores Destinos por um preço excelente e 2 "plus a mais": tínhamos a possibilidade de fazer stopovers em Lima, Peru, na ida, e em Bogotá, Colômbia, na volta. Nós é que não íamos perder essa chance!

Já conhecíamos tanto Lima quanto Bogotá, mas voltar a um lugar onde já estivemos é sempre melhor ainda, não é?

Neste post, vocês encontrarão as nossas dicas para uma visita a Bogotá, com um roteirinho perfeito para um dia e os passeios que nós consideramos imperdíveis na capital colombiana!

É uma compilação de tudo o que nós mais gostamos nas nossas 3 visitas à cidade!







A Avianca se comportou muito bem, com comidinhas boas a bordo e tudo, até chegarmos ao Aeroporto de Lima, para embarcar para Bogotá (que seria apenas uma escala na ida para Curaçao), onde nos esperava uma surpresa desagradável: nos fizeram pagar U$ 62 (!!!) de taxas que não estavam incluídas no valor do bilhete aéreo! Não adianta nada vender passagem promocional e depois ficar cobrando as taxas separadamente nos aeroportos, né?!

E o pior é que não avisam no check-in e tu só vai descobrir lá no momento do embarque! Quase perdemos o avião correndo pra lá e pra cá até descobrir onde tínhamos que pagar a tal taxa! Imagina se a gente não tivesse dinheiro na mão??

Essa tal taxa é cobrada para passageiros que não estão em trânsito. Qualquer passageiro que vá sair da sala de embarque e entrar de novo tem que pagar. Agora imagina uma conexão de quase 24hs, como foi a nossa, com pernoite, em que é permitido o stopover, quem é que vai ficar na sala de embarque?? Só que eles não avisam nada, queria ver se a gente não tivesse cash! Até as funcionárias do check-in e do aeroporto estranharam que essa taxa já não tivesse sido cobrada nos nossos bilhetes, disseram que normalmente vem incluída!

O voo de Lima para Bogotá foi tão bom quanto o de Porto Alegre para Lima. Poltronas super espaçosas e reclináveis e café da manhã ótimo. São 3hs de voo e não há diferença de fuso horário. Saímos de Lima as 5hs da manhã e chegamos em Bogotá as 8hs da manhã. 

Trocamos U$ 100 no aeroporto por 242.000 pesos. Cotação de U$ 1 para 2.420 pesos.


Comemos fast food no aeroporto de Bogotá para 2 pessoas por 44.000 pesos (= U$ 18).

Na área de embarque internacional do aeroporto de Bogotá existe free wifi e muitas lojas e free shops

Entre as lojas, as melhores para comprar café, souvenirs e produtos típicos são a loja da cafeteria Juan Valdez e a Britt Shop. Nos free shops, achei bons os preços de smartphones - nada que se compare aos preços dos EUA ou do Paraguai, claro, mas bem melhores que os preços no Brasil, mesmo considerando o dólar a 3,20!




Do Aeroporto até o Bairro La Candelaria o preço do táxi é 30.000 pesos colombianos

Considerando que U$ 1 equivale a 2.420 pesos, na cotação que nos fizeram no aeroporto, faça suas contas (cerca de U$ 12)...

Eu me recuso a ficar convertendo tudo - sabe aquela máxima, "quem converte não se diverte"? Pois é! 


Em um roteiro de um dia, dá pra ver as principais atrações de Bogotá, a capital colombiana. 

Comece cedo com uma longa caminhada no bairro histórico La Candelaria, passando pelo Chorro de Quevedo, onde nasceu a cidade e onde fica a Ermita de San Miguel del Príncipe, uma capelinha fofinha, no cruzamento da 'calle 13' com 'carrera 2', em uma das praças com maior tradição cultural e histórica de Bogotá.

A 'plazoleta El Chorro de Quevedo' está situada bem no meio do centro histórico de Bogotá. Leva esse nome porque um padre de sobrenome Quevedo decidiu instalar uma fonte no centro da praça para abastecer de água as moradias vizinhas. 

A capela de San Miguel del Príncipe foi construída aos moldes da antiga 'Capilla del Humilladero', a primeira igreja de Bogotá, e está situada bem na esquina da praça.

Ali ao lado fica também o Callejón del Embudo, uma das ruelas mais antigas de Bogotá, cheia de urban art e tatuadores. 












Desça pela calle 11, onde estão a Iglesia de la Candelaria, a Biblioteca Luis Angel Arango e o Centro Cultural Gabriel García Marquez, entre outros edifícios de interesse histórico. 

Na esquina da calle 11 com a carrera 4, fica o imperdível Museo Botero (tem post sobre ele aqui)! 










Na mesma calle 11 tem uma filial das cafeterias Juan Valdez, que servem o melhor café colombiano - faça uma pausa para um café antes ou depois de ver as obras incríveis de Botero - adoro aquelas gordinhas!

Aliás, aproveite para comprar umas lembrancinhas da viagem ali na cafeteria mesmo - quem não gostaria de ganhar umas "galletitas" de café colombiano?? Saiba que custa bem mais barato comprar nas cafeterias do centro da cidade do que na loja Juan Valdez do aeroporto! #ficaadica




Depois, continue descendo a calle 11 (sempre ela!) até a Plaza de Bolivar, que é a principal praça de Bogotá e do país, onde ficam a lindíssima Catedral, a sede do Judiciário, a Alcaldia e outros prédios governamentais. 

Esse é outro daqueles lugares "obrigatórios" em qualquer visita à cidade, e rende lindas fotos! 



















A duas quadras dalí fica o Palacio de Nariño, sede do governo colombiano. E, a três quadras do Palácio, não deixe de espiar o Santuario Nuestra Señora del Carmen, a igreja mais exótica da cidade. 

Vale nem que seja só dar uma "passadinha" para vê-la por fora! Até porque as calles ali pela volta são bem lindinhas!








Se estiver com fome, aproveite para descansar um pouco as pernocas, almoçando em um dos restaurantes de comidas típicas colombianas do século XIX que ficam na calle 11, quase na esquina com a Plaza. 

Experimente sancocho e tamales - se quiser saber mais sobre a deliciosa gastronomia da Colômbia, tem post aqui também! 

Os doces são de levantar defunto! 





Com o estômago "reabastecido", rume para o imperdível Museo del Oro, a quatro quadras da Plaza. 

Para mim, esse museu é o principal ponto turístico de Bogotá, além de ser considerado o melhor museu do ouro do mundo

Visita obrigatória mesmo! 

Ele é moderno, organizado, 'explicadinho', enfim, um museu de primeiro mundo, com um ótimo café, que, ainda por cima, guarda lembranças inesquecíveis para a nossa família: foi ali que o nosso Lipinho deu seus primeiros passinhos, aos 11 meses!!






Ao lado do Museu do Ouro fica um ótimo mercado de produtos típicos colombianos, a Casona del Museo, aproveite para aliar o passeio cultural a umas comprinhas!


A essas alturas, seus pés vão estar pedindo um descanso, então recomendo pegar um táxi até a Casa Museo Quinta de Bolívar, para depois pegar o teleférico na Estación Monserrate, que levará você até o alto do Cerro de mesmo nome, onde fica a Basílica del Señor de Monserrate, com lindas vistas para a cidade lá embaixo e um monte de banquinhas vendendo todo tipo de souvenirs e quinquilharias made in Colombia. 

Lembre que Bogotá é uma cidade que fica 2.640 metros de altitude, e a gente sente isso. Lá em cima do cerro, dá pra sentir mais ainda o coração acelerado e a respiração mais difícil - então vá com calma nos passeios e tome chá de coca sempre que lhe oferecerem!

Durante a noite, mesmo em estado de repouso total, eu acordei sentindo um pouco a falta de ar, sensação que já tinha experimentado outras vezes em Cusco, no Peru, que tem uma altitude bem maior. 













Como você já estará carregado de comprinhas a essas alturas (de pacotes de café moído a artesanato colombiano), melhor dar uma passadinha no hotel para descarregar o peso das compras e tomar um banho antes de ir jantar, certo?? 

A gente recomenda o Hotel Casa Deco - mais detalhes sobre ele aqui, onde ficamos nesta nossa última visita a Bogotá, na esquina da calle 12 com a carrera 3, a duas quadras do Chorro de Quevedo e bem no meio de todos esses pontos turísticos!

E esse hotel ainda tem uma outra vantagem adicional: fica também a duas quadras do restaurante mais aconchegante que nós conhecemos na capital colombiana, onde a gente recomenda muito que você vá jantar, para encerrar com chave de ouro os seus passeios em Bogotá: El Gato Grís (também já escrevi mais sobre esse restaurante - e outros - aqui).





Já comentei que, nas outras vezes em que estivemos na capital colombiana (já tínhamos estado 2 vezes na cidade!), também ficamos no Bairro La Candelaria, que é o centro histórico - nem imagino ir a Bogotá e me hospedar em outro lugar! Seria como ir a Fez e ficar fora da Medina, ou ir a Salvador e me hospedar fora do Pelô - não vejo vantagem! 







A grande diferença é que os outros hotéis que ficamos lá, sobre os quais já escrevi aqui, eram mais tipo pousadinhas/albrgues - aconchegantes mas meio cafofentas, na faixa dos beeeeem econômicos. 

Hotel Casa Deco, por sua vez, embora também esteja na faixa dos econômicos, tem mais jeito de hotel, com um café da manhã bom, quartos excelentes, banho maravilhoso, atendimento super simpático e internet wifi bombando, além de um terraço que é uma delícia! Arrisco dizer que, dentre as opções disponíveis no bairro La Candelaria, o Casa Deco é o hotel com melhor relação custo-benefício!!!


Se não quiser andar de táxi - são baratos, vale a pena! - também dá pra pegar ônibus, já que o transporte coletivo em Bogotá funciona surpreendentemente bem, com ônibus ótimos circulando!


E uma última dica: os cuidados com segurança que você deve ter são os mesmos que adotaria no Brasil - a gente ouve tanto falar em guerrilhas, FARCs, e ficamos um pouco assustados com relação à Colômbia, mas o policiamento em Bogotá é excelente!

E olha só a simpatia: toparam até uma selfie com o Peg:







Você já esteve em Bogotá? Quais os seus passeios favoritos por lá? Onde se hospedou? Conte pra gente, deixe a sua dica na caixa de comentários!

Nos próximos posts, mais dicas das nossas operações #PVemCuraçao#PVemLima #PVemBogota

Acompanhe as hashtags acima no nosso Instagram @claudiarodriguespegoraroVocê pode ver lá muitas das nossas dicas de Bogotá em #PVemBogota!


E aí, pronto para reservar a sua estadia em Bogotá? Clique aqui para conferir as tarifas na data da sua viagem e fazer a sua reserva:












Mais fotografias das nossas viagens no Instagram @claudiarodriguespegoraro, na hashtag #Felipeopequenoviajante.

Não esqueça de curtir a fan page no Facebook para acompanhar as nossas aventuras! 


Assista todos os nossos minifilmes neste link do Facebooke os vídeos você assiste no YouTube - aproveite e já se inscreva lá no nosso canal!


Você também nos encontra aqui:



Um comentário:

  1. Oi Claudia,

    Adorei as dicas! Estou planejando a minha primeira viagem à Colômbia em setembro e com certeza farei muitas coisas que você indica. Parabéns pelo blog!

    Um abraço,
    Magali Viajante
    http://magaliviajante.com/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...