11 de maio de 2015

nadando com golfinhos na Dolphin Academy do Sea Aquarium de Curaçao

Já visitamos muitos aquários incríveis mundo afora, dentre eles o New England Aquarium em Boston, o Mystic Aquarium em Mystic, o Aquarium du Québec no Canadá, o Aquário Natal no Rio Grande do Norte...

Aqui no blog, já contamos das nossas visitas a vários deles - clique nos links abaixo para ler mais sobre cada um:

* Oceanário de Lisboa, em Portugal
Sea Life Aquarium, em Carlsbad, na Legoland California
Monterey Bay Aquarium, em Monterey, Califórnia
* Sea World Orlando (alimentação de golfinhos aqui e festa de Halloween aqui)
* Sea World San Diego (videoclipe aqui)

Vimos também muitos shows de golfinhos - cada aquário tem o seu! 


Em San Andrés, na Colômbia, vimos um show deles em cativeiro, mas em Fernando de Noronha o show dos golfinhos foi no mar - inegavelmente muito melhor, né???

Só aí, se é que eu não esqueci de alguma outra ocasião, já tínhamos visto golfinhos, de pertinho, pelo menos 11 vezes!

Já tínhamos tido até a oportunidade de tocar e alimentar golfinhos, no Dolphin Cove do Sea World Orlando - veja o vídeo aqui!

Mas meu sonho de criança era mesmo NADAR com os golfinhos, e não só ficar tirando fotos com eles e apalpando os bichinhos, e isso eu nunca tinha tido a oportunidade de fazer!





Já nadamos com arraias, tartarugas, moréias e até tubarões, lontras e jacarés - em Noronha, Bonito e Barbados - mas com golfinhos? Nunca! 

Quando soube que em Curaçao havia essa possibilidade, na Dolphin Academy do Sea Aquarium, e que, mais do que isso, pesquisando, fiquei sabendo que lá os animais eram super bem tratados - pelo menos não há denúncias de órgãos de proteção aos animais - decidi que seria lá que eu realizaria meu sonho de criança. 

A visita ao Sea Aquarium e os programas da Academia dos Golfinhos são independentes - mas se você realizar qualquer uma das atividades que eles oferecem com os golfinhos, a entrada no aquário está incluída. 


Fizemos reserva na véspera, lá no local mesmo. Também dá para reservar no site da Dolphin Academy

Recomendo que você reserve até com mais antecedência, já que eu fiz na véspera e não consegui no horário que eu queria (11AM) - só tinham vagas no primeiro horário da manhã (8AM).  

Então, eu paguei U$ 179 = 313 florins, que era o custo do nado com golfinhos, com direito à entrada no aquário. 

O Peg pagou somente o valor da entrada no aquárioque custa U$ 20.

Quando estivemos lá para fazer a reserva, havia um cara oferecendo a possibilidade de ganhar o Dolphin Encounter de graça - se você tivesse a paciência de tomar um café da manhã (pago por eles) num hotel, ouvindo uma palestra sobre aqueles esquemas de venda de time-sharing

Como eu sei bem que eu e o Peg não temos paciência para isso, nem pagando bem, e o que eu queria não era um simples "encontro com golfinhos", e sim "nadar com os golfinhos", nem cogitei. 

Mas se você tiver paciência, pode ser uma boa economia, já que esse Dolphin Encounter custa U$ 99

Aliás, se você estiver com um pequeno viajante, essa é a sua pedida, pois as crianças não podem participar do nado com golfinhos, cuja idade mínima é 8 anos, mas do encontro sim! Até mulheres grávidas e bebês de 1 aninho podem participar. 

Para o nado, a altura mínima é 1,30m

Veja aqui como é o encontro, e qual a diferença do nado

Eles também oferecem outros programas e cursos - dê uma olhada no site para mais informações!


No dia da nossa reserva, pela primeira vez em Curaçao, pegamos um congestionamento as 7h30min da manhã!!! 

Nos outros dias, saíamos mais tarde, e nos impressionamos como o trânsito era tranquilo...nem pensamos que, as 7h30min da manhã, pegaríamos um baita engarrafamento!

Chegamos lá em cima da hora, então fica a dica: se você reservar o horário das 8 da manhã, saia do seu hotel com antecedência!

* Ir de biquine/maiô e levar toalha e protetor solar.

O programa Dolphin Swimming, que é a natação com os golfinhos, é ma-ra-vi-lho-so, e funciona assim: são 35min na água nadando e brincando com 6 golfinhos num grupo de 6 pessoas (3 mamães e 3 filhotes), além da instrução fora da água, assistir a um filminho educativo e visita ao aquário (tudo por U$ 179, valor que achei carérrimo). 





As fotos "oficiais" são cobradas à parte e o preço de cada uma é bem salgado. 

A maioria das fotos que eu postei não são oficiais, foram tiradas pelo Peg. Qualquer pessoa pode ir com você e tirar fotos suas, desde que pague a entrada no aquário, que custa U$ 20, como já comentei.

Veja algumas das fotos que o Peg tirou - por favor, desconsiderem as caras e bocas, tudo fruto de máxima felicidade kkkkkkk...






Ocorre que a pessoa que vai assistir fica mal posicionada para tirar fotos - todos os truques são feitos "de lado" para a platéia, e "de frente" para o fotógrafo oficial (espertinhos eles, né?). Então acaba que, no final, a gente chega lá na salinha das fotos e fica morrendo de vontade de comprar algumas das fotos oficiais, que sempre, é claro, ficam muito melhores que as suas! 

Acabei comprando 4 fotos deles - a pen drive de 4 giga com 4 fotos custa U$ 40

Olha como ficaram algumas das fotos oficiais, e veja como nestas eu estou "de frente" para a câmera:



Bem diferentes, né???

O estacionamento é U$ 3

E tem lojinha, lancheria e banheiros no local também! 

Se vale a pena? 

Valeu cada centavo. Os treinadores são bem bacanas, e deixam a gente interagir bastante com os bichos, embora estejam sempre de olho para ninguém fazer nada que incomode os animais. 

Eles mostram os gestos que a gente tem que fazer e explicam direitinho como devemos nos comportar para que eles se aproximem de nós. 

Foi maravilhoso brincar com eles, ganhar beijinho, nadar com snorkel ao lado deles...






Mas tem algumas coisas que você tem que atentar: 

1. tem que nadar bem, porque a natação é no mar, num lugar beeeeem fundo, onde não dá pé e, embora eles forneçam pés de pato, tem que ser capaz de ficar nadando uns 35 minutos na água onde não dá pé!

2. sim, eles fornecem coletes salva-vidas, mas recomendam veemenemente que você não os utilize, porque seus movimentos ficam bem limitados com um colete, você perde um pouco o comando dos movimentos, não consegue mergulhar e tal...e se você não consegue nadar 35min, não é recomendável mesmo que faça esse programa; 

3. tem que entender bem inglês - se você não entende, não vai compreender os comandos dos instrutores, não vai conseguir fazer os "truques" com os golfinhos e ainda vai acabar incomodando os animais, fazendo coisas que eventualmente não sejam permitidas, simplesmente porque não entendeu que não podia fazer aquilo. 

Depois de todo o programa, que começou pelo filminho, instrução e 35 minutos na água, fui trocar de roupa (tirar o maiô molhado) e visitar o aquário, que é beeeeeeeem simplinho. Haviam umas arraias, uns flamingos, e pouco mais que isso. 





E ainda vimos o show dos golfinhos, que é bem legal. 

Mas aí, quando já estávamos quase de saída, estava acontecendo o show dos leões marinhos, e não sei o que vocês acham, mas eu acho leões marinhos irresistíveis, fofíssimos! 

Lá fomos nós assistir o show e, quando acabou, o cara disse que quem queria dar beijinho nos leões que ficasse por ali. Não aguentamos e ficamos lá, para ganhar os beijinhos mais fedorentos das nossas vidas kkkkkkk...que coisa mais horível! Uma baforada a peixe na bochecha!  

Mas as fotos ficaram fofas (e caras - U$ 10 cada uma, e só eles podem tirar) - olha só:



Quem não leu nosso post anterior, sobre o Zapata Flyboard, pode estar se perguntando porque o Peg não foi comigo nadar com os golfinhos. 

Como eu expliquei lá, tanto o nado com os golfinhos quanto o flyboard eram brincadeiras muito caras, e então, com essa alta do dólar bem na época da nossa viagem, combinamos que cada um escolheria seu programa preferido para "esbanjar": o Peg foi no flyboard e eu, no dia seguinte, fui nadar com os golfinhos!

Você já esteve em Curaçao? Já nadou com golfinhos? Visitou outros aquários mundo afora? Conte pra gente, deixe a sua dica na caixa de comentários!

Nos próximos posts, muito mais dicas das nossas operações #PVemCuraçao#PVemLima #PVemBogota

Acompanhe as hashtags acima no nosso Instagram @claudiarodriguespegoraro e veja lá muitas das nossas dicas de Curaçao (e fotos lindas!) em #PVemCuraçao!



Nós nos apaixonamos pelo Sunscape Curaçao! Clique para conferir as tarifas e fazer a sua reserva!  

Se quiser se hospedar em Jan Thiel, perto do Zapata Flyboard, dê uma olhada no Papagayo Beach Resort e no Livingstone Resort.

Não deixe de dar uma olhada também no Blue Bay Beach Resort, que tem uma praia e um por do sol incríveis!

E, para ficar pertinho do Sea Aquarium e dos golfinhos, experimente o Dolphin Suites




Preparativos para a viagem a Curaçao, Lima e Bogotá

Aluguel de carro em Curaçao

Sunscape Curaçao - um resort all inclusive paradisíaco no Caribe

Frangipani Apartments - nossa casa alugada em Curaçao

Curaçao - tour por 8 praias incríveis - dicas e roteiro

Jan Thiel Beach e Zapata Flyboard - flutuando sobre a água em Curaçao

Todos os nossos posts sobre Curaçao

Casa Fanning Hotel - dica de hospedagem BBB em Lima, Peru

Todos os nossos posts sobre Lima e o Peru

Hotel Casa Deco - dica de hospedagem no centro histórico de Bogotá

Dicas da nossa viagem pela Colômbia com o Lipe bebê

Todos os nossos posts sobre Bogotá e a Colômbia

Todos os nossos posts sobre San Andrés, na Colômbia

Todos os nossos posts sobre Barbados


Mais fotografias das nossas viagens no Instagram @claudiarodriguespegoraro, na hashtag #Felipeopequenoviajante.

Não esqueça de curtir a fan page no Facebook para acompanhar as nossas aventuras! 


Assista todos os nossos minifilmes neste link do Facebooke os vídeos você assiste no YouTube - aproveite e já se inscreva lá no nosso canal!


Você também nos encontra aqui:



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...