30 de março de 2014

Museu Botero, Bogotá, Colômbia

Museus do mundo inteiro estão participando esta semana da #MuseumWeek, a Semana do Museu. E, como a RBBV (Rede Brasileira de Blogueiros de Viagem) não poderia ficar de fora, o pessoal resolveu fazer uma blogagem coletiva, em que cada blogueiro participante fará um post sobre um dos seus museus preferidos no mundo para publicar no dia 30 de março de 2014, último dia da #MuseumWeek. 

Como todo bom viajante gosta de um bom museu, o pequeno viajante vai participar também da blogagem coletiva, contando da nossa visita ao Museu Botero, na Colômbia, que nós conhecemos junto com o Lipe numa viagem ao país em 2010.

Trata-se de um museu de arte localizado em La Candelaria, centro histórico e cultural da cidade de Bogotá, capital da Colômbia. 

O museu surgiu a partir de uma doação de obras de arte feita pelo artista plástico colombiano Fernando Botero ao governo do seu país.

Claro que o Botero não é um dos grandes museus do mundo - esses, você encontra aqui - mas é um dos meus preferidos por um bom motivo: eu adoro as obras do artista desde sempre, acho aquelas gordinhas faceiras o máximo, e sempre quis conhecê-las ao vivo! 

A coleção é composta por 123 obras de autoria do próprio Botero e outras 85 obras de arte internacional, abarcando o período que vai de meados do século XIX à arte contemporânea. 

dentre os destaques da coleção, encontra-se a famosa versão boteriana da
Mona Lisa de Leonardo da Vinci


Inaugurado no ano 2000, o museu é mantido pelo Banco da República da Colômbia. Ocupa um edifício em estilo colonial, antiga sede da Hemeroteca Luis López de Mesa, hoje pertencente ao complexo cultural da Biblioteca Luis Ángel Arango.

Além das obras de Botero, que eu já disse que adoro, o museu conserva ainda obras famosas de Pierre-Auguste Renoir, Claude Monet, Eugène Boudin, Camille Pissarro, Edgar Degas, Henri de Toulouse-Lautrec, Pablo Picasso, Joan Miró, Francis Bacon e Antoni Tàpies. 

A coleção de esculturas abarca autores como Aristide Maillol, Salvador Dalí, Alexander Calder e Max Ernst e, a de desenhos, Fernand Léger, Henri Matisse, Gustav Klimt e Balthus (só para citar alguns dos que eu conhecia!), dentre muitos outros.


Além disso, outra coisa que me agradou muito no Museu Botero, especialmente para uma visita com criança, é o fato de que ele é pequeno, compacto, e muito bem organizado. 

Sabe aqueles museus que não precisam de mapa, nos quais a gente vai indo de sala em sala, num circuito organizado, e não nos perdemos nem "perdemos de ver" nada? O Botero é bem assim!

Fiquei tão encantada que até comprei uma ilustração da versão boteriana da Mona Lisa que tenho aqui em casa enfeitando a sala desde então!


Você já esteve em Bogotá? Conheceu o Museu Botero? Conta pra gente o que você achou!

Qual é o seu museu preferido no mundo?

Leia mais sobre a Colômbia aqui

Quer ler sobre outros museus famosos? Clique aqui.

Veja o videoclipe da nossa viagem à Colômbia aqui

Assista todos os minifilmes das nossas aventuras no Facebook. Os videoclipes você assiste no YouTube - aproveite e já se inscreva lá no nosso canal!

Veja fotografias das nossas viagens no Instagram @claudiarodriguespegoraro. 

No Twitter, procure por @pequenoviajante. No Google+, você nos adiciona aqui

Não esqueça também de curtir a fan page do Felipe, o pequeno viajante no Facebook para acompanhar as nossas aventuras!

Você também nos encontra aqui:


Para ler os posts de todos os outros blogueiros que estão participando desta blogagem coletiva, clique nos links abaixo:






11 comentários:

  1. que legal!! Sempre gostei de Botero, acho suas obras fantásticas!!! Pode tirar fotos dentro dos museus na Colombia? otimo!! aqui na Toscana, se tentar ouve um belo grito da segurança. abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, tb fiquei bem impressionada, podia tirar fotos de tudo - no Museu do Ouro tirei umas 200 fotos!

      Excluir
  2. Já temos um destino para nossa lista... Viva os gordinhos!!!

    ResponderExcluir
  3. Que legal! Não conheço a Colômbia, mas vendo as gordinhas, me lembrei que vi três esculturas do Botero na Praça da Cascata em Yerevan, na Armênia. Claro que fiquei intrigado, vendo obras de um sulamericano naqueles confins do mundo. Prova de que o artista tem talento!

    ResponderExcluir
  4. Claudia, adorei! Adoro o Botero! Tem duas obras dele aqui em Barcelona. Um gato, que todo mundo ama, e um cavalo no aeroporto. Achei linda a Monalisa.

    Bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Onde elas estão? Em museu, dentro do aeroporto, ou na rua? Isso é uma das coisas que eu gosto das obras dele, muitas estão na rua!
      ;-)

      Excluir
  5. Oi Claudia,

    O gato está na rua e o cavalo dentro do aeroporto!

    ResponderExcluir
  6. Oi Claudia,
    Ótima dica!
    Virei fã do Botero numa exposição dele no Rio há muitos anos, e como você amei o museu dele em Bogotá!
    Também adoro topar com esculturas dele por aí. Lembro de uma gordinha deitada em Cartagena, uma outra na praça Colón em Madri, o cavalo no aeroporto de Barcelona. ..
    Em tempo, adorei o blog.
    Abraço
    Deb

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...