27 de novembro de 2015

One World Observatory - o novo (e fabuloso) mirante do World Trade Center, em New York

Subi ao topo do World Trade Center em 1994 - na época, eu tinha 17 anos e o mundo era diferente. Lembro até hoje como fiquei impressionada com a vista lá de cima mas, mais ainda, lembro das risadas incontroláveis por causa da tia Dadá que, tomada por um cagaço invencível, empacou com medo da altura e não conseguia dar um passo que fosse lá em cima. 

Quando as Torres Gêmeas foram derrubadas em 2001, eu era dos que achavam que não deveriam construir outro arranha-céu naquele espaço, que visitamos 2 vezes em 2006 e novamente em 2009 (com o Lipinho) e em 2013 - nesta última visita, o One World já estava quase pronto. 

Pois acabei mordendo a língua! Foi estranho, mas ao mesmo tempo emocionante ver aquele imenso edifício lá, de novo arranhando o céu de Manhattan. Uma sensação de que, não importa o que os terroristas destruírem, nós reconstruiremos. A velha ideia de que o mal nunca vencerá o bem. A Fênix renascida das cinzas. 

O One World Trade Center jamais substituirá as Torres Gêmeas na skyline do Financial District, mas é inegável que ele brilha na paisagem de Manhattan. E, claro, do alto do seu 102º andar, oferece algumas das melhores vistas da cidade, numa cidade onde mirantes não faltam!






Quando planejamos a nossa recente viagem a New York, o plano era conhecer as "novidades" da cidade e, dentre tantas novidades, o One World Observatory era a principal, junto com o 9/11 Museum

Estávamos tão ansiosos para subir lá em cima que nem tivemos paciência para esperar um tempo bom - subimos num dia super chuvoso e nublado - e, mesmo assim, as vistas são de cair o queixo!

O observatório, que fica no alto do edifício mais alto do hemisfério ocidental, tem 3 andares (pisos 100, 101 e 102º), todos com vistas panorâmicas de 360 graus. 



Ingressos

U$32 para adultos
U$ 30 para idosos 
U$26 para crianças

Entrada gratuita para crianças até 5 anos.

Se você comprar o ingresso online, terá que escolher data e horário. Depois, tem que imprimir e chegar 15 minutos antes do horário indicado, pois todos os visitantes têm que passar pela segurança.


Nós esquecemos de tirar um canivete suíço da mochila e não tivemos problema - eles nos deram um ticket e retiramos o canivete na saída - mas, é claro, evite esses percalços. Andar com um canivete na mochila em NYC é burrice, pois você passa por váriassssss revistas de segurança por dia. 

Para ver a lista dos objetos não permitidos no observatório, clique aqui


Horários

Primavera e verão: 9am até meia-noite

Outono e inverno: 9am - 8pm

Fechado ao público no dia 11 de setembro.

Localização

A entrada para o observatório fica na West Street, na esquina com a Vesey Street, bem na frente do novo shopping Brookfield Place, e ao lado do 9/11 Memorial & Museum.


One World Observatory

O observatório foi inaugurado em maio deste ano (2015), quase 14 anos depois dos ataques terroristas. 

Nós visitamos o One World Observatory a convite do observatório, e o que fizemos foi o que eles chamam media tour - um tour guiado. 

Foi muiiiito interessante porque a guia nos contou vários fatos que não sabíamos e nos mostrou cada cantinho do passeio.  

Global Welcome Center

Depois de passar pela segurança, você entra no Global Welcome Center, o centro mundial de boas-vindas, com uma tela enorme de vídeo e saudações em várias línguas diferentes

Um mapa-mundi vai indicando as cidades de origem de cada um dos visitantes que chega, além de várias outras estatísticas - é interessantíssimo!

Todos os ingressos são cronometrados - por isso que você tem que indicar de onde é quando compra o seu ingresso ;)



Voices

A sala seguinte se chama Vozes, onde os visitantes assistem a um documentário numa linda instalação audiovisual que mostra as histórias dos homens e mulheres que construíram o One World Trade Center.

Um deles diz - I can tell my kids, "Daddy did that" - e a gente já começa a soluçar.


 


Foundations

Na passagem seguinte, chamada Foundations, você verá como são as fundações rochosas do edifício.


Elevadores Sky Pod

Depois, você segue para os elevadores chamados de Sky Pods, com capacidade para 15 pessoas, e a subida até o 102º andar leva menos de um minuto

No trajeto, você assiste a um vídeo time-lapse virtual em alta definição que mostra o crescimento da parte mais ao sul de Manhattan desde os anos 1500 até os arranha-céus de hoje em dia. 

Neste vídeo, a única referência que você verá em todo o passeio às Torres Gêmeas - elas aparecem ali, por apenas alguns segundos. 





















See Forever Theater

Chegando lá em cima, você assiste um filme lindo de 2 minutos sobre New York no See Forever Theater

Todos os ícones da cidade estão ali - Times Square, os metrôs zunindo e até o relógio da Grand Central Station! Dá para sentir o ritmo frenético e a vibração característica de Nova York no vídeo.

Quando o filme termina, a tela é levantada e finalmente você tem diante de si a linha do horizonte de Nova York. 



Restaurantes - 101º andar

No 101º andar você vai encontrar 3 restaurantes com todas as opções possíveis para uma refeição:

* One Café - sopas, saladas, bolos, sanduíches

* One Mix - bar

* One Dine - menu de 4 pratos







Piso principal - 100º andar

No 100º andar do observatório, também chamado Piso da Descoberta, os visitantes têm uma visão de 360 graus. 

A loja de presentes também está situada neste andar, onde você ainda encontra banheiros.

O observatório é todo fechado e coberto. Você pode visitar observatórios ao ar livre nEmpire State e no Top of the Rock.


Sky Portal

No mesmo andar, você também vai encontrar o Sky Portalum disco circular de 4 metros que oferece uma vista fantástica, usando imagens em alta definição das ruas abaixo em tempo real.




City Pulse

Este guia interativo aproxima os visitantes dos locais e pontos mais conhecidos da cidade observados do alto. 

Os guias ficam sob um anel de monitores de vídeo de alta resolução com tecnologia de reconhecimento de gestos, permitindo enviar imagens às telas e oferecer aos visitantes uma visão de perto de cada local e orientações personalizadas.





Em resumo, foi uma experiência incrível. 

Como o observatório tem 360 graus, a gente consegue ver as vistas de todos os ângulos, de um jeito que não é possível ver dos observatórios do Empire State ou do Top of the Rock - as ruazinhas lá embaixo, os táxis amarelos passando, os barcos rasgando os rios que banham a cidade...  

A vista lá de cima é tão alta que dá até para ver a curva do horizonte. 

A gente precisava olhar para baixo para ver os helicópteros onde tínhamos voado no dia anterior passando. Os prédios mais altos da cidade, Empire State Building, Rockefeller Center e Woolworth Building, parecem pequeninhos lá de cima.







Inicialmente, estranhei o fato de que, fora a imagem das Torres Gêmeas no vídeo do elevador, não existe nenhuma outra referência às torres originais ou aos ataques terroristas. Mas, depois, pensando melhor, concluí que é bem melhor assim: o edifício olha para o futuro, não chora pelo passado. Eles conseguiram, de fato, construir um arranha-céu maior e muito mais lindo que o anterior. 

Quem quiser saber mais sobre o que ocorreu ali em 2001, pode descer e ir direto ao 9/11 Memorial & Museum, que faz a homenagem completa. 

O lema deles - See Forever - é perfeito: não apenas as vistas são infinitas, mas o olhar também deve ser para o futuro, para o que New York ganhou, e não para o que a cidade perdeu. 




Fiz estes vídeos durante o nosso tour - dá para ter uma ideia do que vocês verão por lá: vídeo 1, vídeo 2 e vídeo 3

Como comentei no post sobre o nosso tour de helicóptero em NYC, uma fotografia vale mais do que 1000 palavras, e não vou ficar gastando o meu verbo para descrever o passeio - vejam (mais algumas) fotos abaixo e tomem a decisão de vocês! 

É uma pena que o tempo, como falei, estava muito feio no dia em que fomos ao mirante, e as fotos não saíram tão boas como poderiam, mas posso garantir que, ao vivo, a visão era incrível, mesmo num dia nubladaço! 

Imagine num dia ensolarado...










O que fazer depois?

* Staten Island Ferry (passeio de balsa gratuito)
* Battery Park (tem playground lá)
* Estátua da Liberdade e Ellis Island (pegar barco no Castle Clinton)
* Castle Clinton
* SeaGlass Carousel (o mais novo carrossel de NYC, com entrada na Water St e State St)
* St Paul´s Chapel
* 9/11 Memorial & Museum
* Tour de helicóptero (vistas panorâmicas)
* Winter Garden e Brookfield Place (novo shopping da cidade)
* Fulton Street Subway Station (novíssima estação de metrô projetada por Santiago Calatrava)
* World Trade Center West Concourse and Path (projeto de Santiago Calatrava também)
* South Street Seaport
* Brooklyn Bridge
* City Hall (Prefeitura)
* Century 21 (loja de descontos)
* Wall Street 
* Bowling Green e o touro
* Bolsa de Valores
* Federal Hall




Para mais informações sobre o passeio, clique aqui

Você já esteve em New York? Se apaixonou pela cidade como nós? Visitou o Observatório One World também? Deixe a sua dica na nossa caixa de comentários, por favor! 

Acompanhe tudo no nosso Instagram @claudiarodriguespegoraro, na hashtag #‎PVemNYC. Já tem um monte de dicas e fotos lá das nossas viagens à Big Apple


Para ler todos os nossos posts sobre New York City



Vai para New York?

Clique aqui para comparar tarifas de hotéis e fazer a sua reserva!



   

Nós sempre usamos a Rentalcars para aluguel de carro.



Mais fotografias das nossas viagens no Instagram @claudiarodriguespegoraro, na hashtag #Felipeopequenoviajante.

Não esqueça de curtir a fan page no Facebook para acompanhar as nossas aventuras!

Assista todos os nossos minifilmes neste link do Facebook, e os vídeos você assiste no YouTube ou no Vimeo - aproveite e já se inscreva lá nos nossos canais!

Você também nos encontra aqui:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...