30 de maio de 2015

Foz do Iguaçu: nossos 10 passeios favoritos

Foz do Iguaçu é um destino brasileiro maravilhoso para férias em família - eu arriscaria dizer que, junto com a Serra Gaúcha, é um dos melhores! 

Quando a gente viaja pelo mundo e conversa com gringos que vieram ao Brasil, Foz do Iguaçu é sempre mencionada, junto com o Rio de Janeiro - são, certamente, os destinos brasileiros mais conhecidos mundo afora, e eu até já mencionei aqui que todo brasileiro deveria ter a oportunidade de visitar Foz, pelo menos uma vez na vida!

Estivemos lá no fim de semana passado, pela 4ª vez, e resolvi escrever este post para dar algumas dicas dos passeios que nós mais gostamos de fazer por lá, coisa que até hoje eu não havia feito (tantooooos posts por escrever!) - é uma coletânea destas nossas 4 viagens a Foz, 3 delas com o Lipinho!

Antes de listar nossas atrações favoritas, quero só contar um detalhe a vocês que nos acompanham há tanto tempo na estrada: Foz do Iguaçu foi o nosso primeiro destino brasileiro com o Lipe, quando ele tinha apenas 5 meses e eu ainda estava de licença-maternidade, querendo aproveitar os últimos dias de licença para uma viagenzinha com nosso filhote! O pequeno era um bebezucho fofo!! 

Contei sobre esta viagem, inclusive, em um dos primeiros posts aqui do blog, veja aqui

Vamos aos melhores passeios?

1 Cataratas, lado brasileiro

Se você faz a visita às Cataratas pelo lado brasileiro, vai ver uma paisagem bem diferente daquela que veria se fizesse o passeio pelo lado argentino. Por isso, eu acho bem legal visitar os dois lados - que tal conhecer um logo no primeiro dia e deixar para ver o outro no último dia da viagem? Assim você não enjoa de tanta água (como se fosse possível enjoar de ver tanta beleza!) e tem mais chances de pegar um dia bonito de sol para as fotografias, além de poder comparar os 2 lados e escolher qual é o seu favorito!

Contei em detalhes como foi uma das nossas visitas ao lado brasileiro das Cataratas aqui, com direito ao Macuco Safári - passeio de barco que vai quase embaixo das quedas. 

O ingresso do parque tem um preço padrão, e todos os passeios extras são vendidos à parte, como os de helicóptero e o Macuco Safári

O Macuco Safari dura em torno de 1h45min. É melhor fazer a caminhada pelas trilhas e deixar para fazer o passeio de barco depois, porque no barco a gente se molha demais - mas não se atrase, pois o último barco sai lá pelas 17h. 

Além dos passeios opcionais, dentro do parque ainda existem lancherias, um restaurante muito bem recomendado (Porto Canoas - a gente não conheceu) e uma loja com um monte de recordações bacanas, cuja renda é, alegadamente, revertida para ações de proteção ao meio ambiente.

Saiba ainda que as Cataratas são formadas por um conjunto de, aproximadamente, 275 quedas d'água, e que a melhor época do ano para visitá-las é no mês de outubro, o de "maior caudal".

Não deixe de ver o nosso post detalhado sobre este passeio aqui




2 Cataratas, lado argentino

Para ser honesta, eu acho que gostei mais da visita pelo lado argentino, mas isso, ao contrário do que possa parecer (falta de patriotismo), significa justamente o oposto: que o lado brasileiro das quedas é mais bonito e, portanto, a vista do lado argentino é melhor!

Se você faz o passeio pelo lado brasileiro, não consegue ver direito o espetáculo que é a Garganta do Diabo, que fica do nosso lado das quedas. Do lado argentino, também achei que tinha bem mais trilhas, e que elas eram mais diversificadas, com paisagens diferentes, onde a gente passa por cima da água em grande parte do caminho.

Mas, para que fique claro, preciso dizer que as paisagens que a gente vê fazendo o passeio pelo lado brasileiro, ao longo de toda a trilha, são mais amplas, por assim dizer. Do lado brasileiro, durante quase todo o percurso, a gente só vê paisagens grandiosas, praticamente as Cataratas inteiras...oh, que decisão cruel!

Olha, em resumo, eu acho que tem que conhecer os 2 lados. E ponto. Afinal, não esqueça que as Cataratas foram eleitas como uma das 7 Maravilhas da Natureza, além de serem Patrimônio Natural da Humanidade, segundo a classificação da UNESCO.




3 Puerto Iguazu, Argentina

A cidade argentina que faz fronteira com Foz - Puerto Iguazu - não é grande coisa, mas, para quem nunca foi à Argentina, é uma boa chance de colocar o pé naquele país. 

Além disso, existem lá alguns bons restaurantes, como o El Tio Querido, que nós já visitamos duas vezes, e também um free shop, bem pertinho da divisa, que é bemmmmm mais bacana e organizado que Ciudad del Este, embora os preços e a variedade nem se comparem (o Paraguai é muito melhor para compras em termos de preços e quantidade de produtos)!

A passagem pela aduana argentina é muito tranquila, eles só pedem a nossa carteira de identidade verde e não nos entregam nenhum papelzinho sequer para preencher. 



4 Ciudad del Este, Paraguai

É o caos na terra, um show de horrores, e até um tantinho perigoso, mas os preços do lado paraguaio são incríveis - algumas coisas são bem mais em conta do que nos Estados Unidos! E, sabendo onde comprar, não tem perigo de se meter em fria! 

Prometo que escreverei um post logo, logo com as nossas dicas para você não comprar gato por lebre em Ciudad del Este! Enquanto isso, leia este post aqui, com várias dicas úteis para a sua visita a CdE!

O programa do lado de lá se resume às compras. Se você quiser ver missões fenomenais, do lado paraguaio, vai ter que rodar (muitos) bons quilômetros até as ruínas missioneiras de Santísima Trinidad del Parana, que ficam a 30Km de Encarnación, lá na fronteira com Posadas, na Argentina. Mais 12Km e você chegará nas ruínas de Jesús del Tavarangue - a selva missioneira do Paraguai me lembrou muito do Camboja!

É um passeio que a gente recomenda muito, adoramos conhecer as missões paraguaias! Leia mais sobre ele aqui.  





5 Parque das Aves

Escrevi um post completo sobre este passeio maravilhoso aqui.

O Felipe adorou ver o "Blu" ao vivo e a cores (a ararinha azul do desenho animado "Rio") e nós babamos pelos tucanos e borboletas.

O Parque das Aves tem mais de 1000 aves de 130 espécies diferentes, um borboletário, muitos répteis...é praticamente um zoológico!  

Fica na Rodovia das Cataratas Km 17,1, a 300 metros da entrada do Parque Nacional do Iguaçu. O telefone é (45) 35298282 e o e-mail parquedasaves@uol.com.br.

É muito fácil de chegar lá, pois fica bem pertinho da entrada do centro de visitantes das Cataratas, praticamente na frente da Helisul, a empresa que faz vôos panorâmicos de helicóptero sobre as Cataratas - outro baita passeio, bem mais salgado...

O parque funciona das 8h30min até às 17h30min. Merece o rótulo de "imperdível". 



6 Usina Hidrelétrica de Itaipú

Vocês sabiam que a Usina de Itaipu é a maior geradora de energia do mundo? Pelo menos isso é o que eles afirmam por lá, e só por isso uma visita já seria obrigatória! 

Existem várias maneiras de conhecer Itaipú, mas nós estivemos lá da última vez com o Lipe bebezão, e além de estar muiiiito calor, achamos que seria meio improdutivo fazermos o circuito especial, que é um tour de mais de 2hs, com um bebê - aliás, pelo que lembro, nem poderíamos ir, já que este tour era proibido para crianças

Mas a visita panorâmica, que é o passeio mais básico, já é bacana o suficiente para uma primeira visita, diria eu! A gente embarcou num daqueles ônibus turísticos de 2 andares e lá fomos nós, para um tour pela parte externa da usina, com várias paradas para fotografias. Neste passeio, crianças até 6 anos não pagam

Os passeios têm horários pré-determinados, e você pode comprar ingressos pela internet

Também tem restaurante e lojinha lá. Lembro que asssitimos um filme bem legal sobre a construção desta obra fabulosa de engenharia.  



7 Tríplice Fronteira

Escrevi sobre o Marco das 3 Fronteiras, que é um dos pontos turísticos de Foz do Iguaçu, aqui

Como eu contei lá, achei o local bem caidinho, nas nossas duas visitas, mas, para viajantes inveterados e apaixonados como nós, conhecer um ponto que fica exatamente na divisa entre 3 países (Brasil, Argentina e Paraguai) é sempre uma coisa interessante, então eu recomendo este passeio! 




8 Museu de Cera Dreamland
9 Maravilhas do Mundo 
10 Vale dos Dinossauros 

Estas são atrações que você pode ver também na Serra Gaúcha ou, no caso do Museu de Cera, em vários lugares do mundo (nós já fomos em Londres, Las Vegas, Amsterdam e New York!!!). 

Elas estão na lista dos nossos passeios favoritos em Foz especialmente como sugestões para quando o dia estiver feioso e até chovendo: o Museu de Cera Dreamland e as Maravilhas do Mundo são perfeitos para um dia chuvoso, e tem também o Vale dos Dinossauros (funciona das 8 as 18hs), que fica ao ar livre, mas dá um bom passeio num dia nublado e feio! 

Todas as 3 atrações são bem parecidas com as "irmãs" de Gramado e Canela! E, para facilitar mais ainda a sua vida, ficam no mesmo local (por isso eu coloquei as 3 em um item só!), que tem um grande estacionamento gratuito, na Avenida das Cataratas KM 14, n° 8100, com horário de funcionamento das 8 as 19hs (só o Vale dos Dinossauros que fecha mais cedo).

Tanto o Museu de Cera quanto o Vale dos Dinossauros têm lojinhas bem bacanas e banheiros limpos. 












Para terminar, uma última dica, que serve para praticamente todos os passeios ao ar livre em Foz: vista roupas leves (dependendo da época do ano, faz muito calor!), sapatos confortáveis, óculos de sol, boné, passe repelente (tem muitos "borrachudos" e aranhas), protetor solar e tome bastante água para se hidratar!

E bons passeios!!!

Leia também os últimos 2 posts que eu escrevi sobre esta nossa última viagem a Foz:



Leia aqui mais sobre as nossas viagens anteriores a Foz do Iguaçu

E você, tem outras dicas de passeios em Foz do Iguaçu? Já visitou todas as atrações da nossa lista? E dicas de hospedagem? Já ficou no Mabu Thermas Grand ResortConte tudo na nossa caixa de comentários!

No próximo post, mais sobre a operação #LipeemFoz!! Quero contar a vocês sobre a nossa ida ao Paraguai!

Veja outras fotografias desta viagem a Foz do Iguaçu no nosso Instagram!


Confira tarifas e reserve sua estadia no Mabu Thermas Grand Resort aqui:




Para reservar um carro, recomendamos a Rentalcars, que a gente usa (e gosta muito!) há séculos:







Veja mais fotografias das nossas viagens no Instagram, em #felipeopequenoviajante.

Assista todos os minifilmes das nossas aventuras no Facebook. Os videoclipes você assiste no YouTube ou no Vimeo - aproveite e já se inscreva lá nos nossos canais!

Você também nos encontra aqui:

2 comentários:

  1. Oi Claudia,
    da para andar de carrinho de bebe nas cataratas tanto do lado argentino quanto no lado brasileiro?

    ResponderExcluir
  2. Oi Daniela, sim, dos 2 lados dá pra levar carrinho, e recomendo muito!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...