Menu

Etosha National Park, na Namíbia: saiba como conhecer uma das maiores e mais incríveis reservas de vida selvagem da África

Namíbia: fazendo safari por conta própria no Etosha National Park
Etosha National Park, Namíbia
Não vou fazer posts específicos sobre cada um dos lugares incríveis que visitamos na Namíbia, ou eu não terminaria nunca mais de escrever sobre esta viagem. Mas, de todos eles, o Etosha National Park, em especial, merece o seu próprio post, tantas são as informações e dicas práticas que eu quero passar a vocês e as fotos liiiindas que tiramos lá! 

No dia anterior, saímos da capital Windhoek em direção ao Etosha. São 405Km até o Etosha Safari Camp, camping onde nos hospedamos. 

O Google Maps diz que você vai levar 4hs nesse trajeto, mas nós certamente levamos mais de 6hs, de tantas vezes que paramos para fotografar paisagens e animais na beira das estradas. 

Programe-se com tempo extra para não ter que fazer correria ou chegar no camping à noite. 

Como falei, ficamos hospedados no Etosha Safari Camp, localizado 10Km ao sul do Anderson Gate na C38. Veja todos os detalhes deste camping aqui

O nosso plano do dia era visitar o Etosha National Park entrando pelo Portão Anderson, passando por Okaukuejo, Halali, Namutoni e indo até o Portão Von Lindequist, para depois voltarmos e sairmos do parque de novo pelo Portão Anderson. Mas não foi exatamente assim que aconteceu. 

Distâncias programadas: Etosha Safari Camp - Namutoni - Etosha Safari Camp: 5h25min/320Km


Etosha National Park, Namíbia
a caminho do Etosha National Park, Namíbia


Vídeo do nosso safari no Etosha


Neste vídeo, vocês acompanham os melhores momentos do nosso self drive safari no Etosha National Park (escolha a opção para assistir em alta definição que fica muito mais bonito!): 



Gastos do dia no Etosha Park


• Ingressos em Etosha: NAD 170 (para a família)

• Cheeseburger com fritas em Halali: NAD 70

• Jantar buffet no Etosha Safari Camp: NAD 1000


fazendo safari por conta própria no Etosha National Park





Sobre o Etosha


Uma das maiores reservas de vida selvagem da África (e do planeta), o Etosha National Park se estende por mais de 22 mil km2, e abriga uma diversidade imensa de animais. Apesar da paisagem parecer desértica e estéril (grande parte dele é um salar, o Etosha Pan), habitam o Etosha 114 espécies de mamíferos, 380 de aves e 110 de répteis, além de 16 anfíbios.

Em apenas algumas horas dentro do parque - fizemos safari das 8 às 18hs, com parada para almoço no Halali - vimos centenas, senão milhares, de mamíferos e aves, como leões (3, um deles de juba!), zebras (bandos gigantes), girafas, elefantes (contei 36 em uma única manada), rinocerontes, hienas, raposinhas, oryx (o animal que é o símbolo da Namíbia e vimos centenas), kudus, veados, esquilos, antílopes, impalas, etc. 

O parque tem mais de 110 anos, e é um dos parques nacionais mais antigos da Namíbia, se estendendo mais de 350Km de leste a oeste. 









Algumas regrinhas básicas


Não é possível acampar no parque fora dos campings;

Não é permitido andar de carro pelo parque antes do sol nascer ou depois de o sol se por;

Não é permitido sair das estradas e fazer off road;

O limite de velocidade dentro do parque é, de regra, 60Km/hora;

Animais de estimação não são permitidos;

Fique dentro do seu veículo (animais selvagens são perigosos e podem estar camuflados);

Deixe tudo do jeito que encontrou, o que inclui não deixar lixo no parque;

Não faça barulho para não espantar os animais;

Tenha cuidado para não causar incêndios;

Cuidado nas estradas para não machucar nenhum animal;

Nem pense em alimentar algum animal;

Use apenas os banheiros "oficiais" nas rest areas - nem pense em ir ao banheiro "no matinho". 






Self drive safari no Etosha Park


Para quem quer fazer safari e não quer ir por conta própria, existem dezenas de opções de tours para o Etosha saindo da capital Windhoek. Mas eu já aviso: não faria um tour desses nem de graça! 

Não tem o que pague tu poder fazer safari por conta própria, dirigindo teu próprio carro, sem ninguém para encher o saco ou arrancar o veículo na hora que tu vais tirar AQUELA foto do leão. Deusmelivre depender de um motorista de safari!! 

Tudo bem que eles têm informações legais e te ajudam a ver os animais - mas é tão fácil ver animais no Etosha e encontrar informações em livrinhos do parque que acho um guia bem desnecessário. 

Prefiro 1000 vezes poder fazer as coisas no nosso tempo e de acordo com a nossa vontade. Sem falar no frio que passam os turistas naqueles carrinhos abertos de safari, enrolados até as sombrancelas em cobertores, com o vento batendo no rosto! Não, obrigada! 

Quero poder ficar 47 minutos comendo chocolate e cuidando aqueles leões espreitando um bando de veadinhos desavisados!







Dicas práticas para visitar o Etosha


A melhor época para visitar o Etosha Park sem dúvidas é de maio a setembro (no inverno), quando os animais precisam ir tomar água nos waterholes, e assim é mais fácil encontrá-los.

O Etosha fica aberto do nascer ao por do sol, e safaris noturnos só podem ser feitos com guia do próprio parque. 

Dentro do parque há diferentes opções de acomodação. Nós não conseguimos reservar vagas nos campings dentro do parque (reserve com pelo nenos 6 meses de antecedência para garantir!), e passamos 2 noites no Gondwana Etosha Safari Camp, 10Km ao sul do Anderson Gate na C38 - adoramos.






Estratégia para ver o melhor do Etosha


Na minha opinião, não é necessário ir até Namutoni dentro do parque - fomos apenas até Halali, parando em quase todos waterholes do caminho, e vimos milhares de animais. 

A paisagem não muda muito dentro do parque, então o deslocamento é só para encontrar os animais mesmo. Se você ficar paradinho em Rietfontein, por exemplo, os animais virão até você e você verá centenas deles sem grande esforço (com um pouco de sorte!). 

Vou colocar abaixo prints dos mapas do Etosha, para vocês terem uma ideia melhor do que eu estou tentando explicar:


mapa do site do Etosha National Park

mapa que eu fiz no Google Maps com o caminho que pretendíamos percorrer e acabou se revelando desnecessário

Os melhores waterholes, na nossa opinião, entrando pelo Portão Anderson, são: Okaukuejo, Nebrowni, Kapupuhedi, Homob, Rietfontein, Halali, Aus, Olifantsbad e Gemsbokvlakte.

A coisa mais linda de um safari na África é ver a mistura de espécies! 

Você chega num waterhole e vê zebras, elefantes, antílopes, girafas e até leões, todos no mesmo cenário! 

E é aí que você percebe que não está num zoo; é aí que a gente se dá conta que essa é a natureza selvagem mesmo!













Dica para fazer safari com crianças


O Lipe já tirava fotos nas nossas viagens há muito tempo com o tablet dele - lembro dele pequeninho fotografando os leões marinhos na nossa viagem pela Califórnia - mas desta vez achamos que ele precisaria de uma câmera de verdade, e demos para ele uma snapshot da Sony com um bom zoom: foi uma festa! 

Os safáris ficam muiiiito mais legais com eles podendo registrar e participar de tudo!



Safaris: desfrute com moderação


Uma última dica, da nossa experiência anterior no Kruger Park, na África do Sul, e de agora, no Etosha: safaris devem ser apreciados com moderação. 

Eu AMO animais, e mesmo assim considero que 2 dias seguidos de safari são o limite. No terceiro dia, você já vai estar até com nojo de tantas zebras!! 

Oh, mais uma girafa!?! Sério 🙈

#prontofalei #minhaopinião

Tente intercalar os dias de safaris com outros tipos de passeios, assim não enjoa!



chega um momento em que até o maior elefante-maníaco cansará de ver elefantes no 3º dia de safari!





fazendo safari por conta própria no Etosha National Park

fazendo safari por conta própria no Etosha National Park

Depois desse dia inesquecível, ficamos de novo hospedados no Etosha Safari Camp, 10Km ao sul do Anderson Gate na C38.

Veja muito mais sobre esta viagem lá no nosso Instagram.



Veja neste vídeo curtinho alguns dos melhores momentos desta roadtrip

Espero que o Peg termine logo de editar o vídeo mais longo, com todos os detalhes da viagem 😙



Agradecemos ao Francisco da Motorhome Trips pelo apoio na organização desta viagem

Já esteve na Namíbia? Visitou o Etosha?? Conte tudo para a gente! Deixe a sua dica nos comentários!

Você também nos encontra aqui:
Share

Claudia Pegoraro - FPV

Comente este Post:

0 comentários: