Menu

Canyon Fortaleza, em Cambará do Sul, nos Campos de Cima da Serra do RS, com dicas de hospedagem BBB

Canyon Fortaleza, em Cambará do Sul, nos Campos de Cima da Serra do RS, com dicas de hospedagem BBB
Fomos passar 2 dias em Cambará do Sul, que nós já conhecíamos, para levar o Lipinho para ver os canyons.

O Canyon Fortaleza está situado a 23Km de Cambará do Sul, no Parque Nacional da Serra Geral, com acesso pela CS-012, Km22.

É revoltante ver o estado de abandono do parque nacional - as estradas são de chorar, levamos mais de uma hora para percorrer 23Km, parecia que estávamos na Índia :(






Leia também: Cambará do Sul - guia de passeios, restaurantes, hospedagem e dicas.

O nome Fortaleza deve-se à configuração do terreno, talhado de tal forma que lembra as muralhas de um forte brotando da terra, com suas pontes e torres. Suas escarpas atingem, em alguns lugares, 980m de altura.

A vegetação verde-escura que se vê agarrada às rochas, ao fundo, é constituída de colossais folhas chamadas de "abóboda do diabo", que chegam a medir 1,50m de diâmetro.









O cânion se estende por cerca de 7.500m de extensão, 2.000m de largura e tem uma altitude de 1.240m sobre o nível do mar.

Para uma melhor visibilidade, é necessário percorrer uma trilha de 1.700m no Morro Fortaleza.

É possível observar cerca de 95% do cânion e as praias que fazem limite entre Rio Grande do Sul e Santa Catarina de cima do morro.



O Felipe percorreu todo o trajeto na mochilinha, nas costas do papai, tirou muitas fotos, fez poses, cruzou rios, e curtiu cada minuto!

A vista é maravilhosa, e vale a pena, mesmo com a péssima estrada que leva até lá.

Por causa da altitude, faz friozinho, então é bom levar um casaquinho...



A Cachoeira do Tigre Preto forma a mais bela queda d´água do conjunto de cascatas e pode-se ver num ângulo bastante raro.

As pedras permitem que se vá até o meio das águas.

No Cânion Fortaleza, as principais atrações são o Mirante do Fortaleza, a Cachoeira do Tigre Preto e a famosa Pedra do Segredo.




Não esqueça de usar um tênis bom para trilhas, protetor solar, boné, óculos de sol, repelente e de levar máquina fotográfica e água para beber.

O parque funciona diariamente, o acesso é gratuito e não há estrutura nenhuma.

O telefone é 54-3251-1320.

Dicas de hospedagem



Ficamos na Estalagem da Colina

É charmosa, com ótimo atendimento. 

São umas cabanas em uma pequena colina, bem na entrada da cidade, super bonitinhas, bem decoradas, com sofá-cama para o Felipe, um luxo! 

Tem tv a cabo, internet, frigobar, café da manhã colonial, banheira, eles encomendam pizza e levam no quarto e o melhor: uma super Jacuzzi, só para nós 3, com uma vista linda - a-do-ra-mos!!! 

Pagamos em torno de R$ 217,00 a diária para casal.











Outra opção muito boa e barata, que nós também já testamos, é a Pousada Bela Vista, com lareira, wifi e um bom café da manhã. 

O estacionamento é incluído e pagamos R$ 185,00 pelo quarto triplo - não pagamos nada a mais pelo Lipe :)


















E, por último, a opção mais top da região, que é o Parador Casa da Montanha

Clique no link em vermelho acima para ver detalhes sobre esse lugar de sonhos no post que escrevi sobre o hotel. 

Serra do Faxinal

Na hora de ir embora, resolvemos descer a Serra do Faxinal, que passa pela entrada do Itaimbezinho e vai dar lá no litoral: é um pouco melhor do que a estrada que vai até o Fortaleza - até porque no Cânion Itaimbezinho tem bem mais infraestrutura, mas mesmo assim é péssima - legal é a vista, em determinados pontos da estrada, com dia bonito, se vê até o mar!

Itaimbezinho é um nome de origem tupi-Guarani, "ita" significa pedra e "Ai'be" afiada. 

Está localizado entre Cambará do Sul e Praia Grande, no Parque Nacional dos Aparados da Serra, a 18Km da sede do Município. 

O acesso ao parque é possível através de uma estrada de chão batido.

O Parque Nacional dos Aparados da Serra é administrado pelo ICMBio, cuja sede está localizada no Parque.

Lá é possível encontrar banheiros, estacionamento, centro de informações, bebedouro e guias que auxiliam os turistas a realizarem as trilhas do local.

Leia também nossos posts sobre o Cânion Itaimbezinho e sobre Cambará do Sul - guia de passeios, restaurantes, hospedagem e dicas.


Este vídeo é um pequeno aperitivo do que vocês verão por lá - imagens que fizemos com o nosso drone no Cânion Itaimbezinho:


E, abaixo, um outro vídeo, um pouquinho mais longo (menos de 2 minutos) e mais informativo - vale a pena assistir, pois você terá uma boa ideia do passeio:



Abaixo, fotos da Serra do Faxinal:



Deu vontade de conhecer o Fortaleza e o Itaimbezinho? Já conhece? Qual trilha você fez? Conte pra gente o que achou!

No próximo post, mais sobre a Serra Gaúcha! Não perca!

Flashback Aparados da Serra (Cambará do Sul)

Leia todos os nossos posts sobre a Serra Gaúcha :)

Para ler sobre as nossas viagens aqui pelo Estado, clique em Rio Grande do Sul

Veja mais fotografias das nossas viagens à Serra Gaúcha na hashtag #LipenaSerra no Instagram



Quer conferir os preços e reservar a sua hospedagem no Parador Casa da Montanha? Clique aqui!

Nossas dicas de hospedagem BBB:


Vai conhecer Gramado e Canela também? 

Veja algumas opções de hospedagem por lá:

       


Não esqueça de curtir a fan page no Facebook para acompanhar as nossas aventuras! 

Assista todos os nossos minifilmes neste link do Facebook, e os vídeos você assiste no YouTube ou no Vimeo - aproveite e já se inscreva lá nos nossos canais!

Nosso snapchat é @pequenoviajante. 

Você também nos encontra aqui:


Share

Claudia Pegoraro - FPV

Comente este Post:

6 comentários:

  1. Claudia, que delícia essas fotos do Lipe pequenininho!!!!! :)

    ResponderExcluir
  2. Post de 2010. Sabe se as estradas no Fortaleza continuam podres até hoje?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estão ainda piores, Alberto :(
      Tanto que voltamos a Cambará recentemente (2016) e nem fomos lá - fomos só ao Itaimbezinho!
      Boa sorte!

      Excluir
  3. Oi Claudia! Realmente é tranquilo fazer o cânion Fortaleza sem o acompanhamento de um guia? Dá para fazer os principais atrativos: Mirante do Fortaleza, Cachoeira do Tigre Preto e a Pedra do Segredo por conta? É seguro? Estarei na região com duas crianças, uma de 7 anos e um bebê de 1 ano, agora em julho...Antes passarei em São José dos Ausentes e como li seu post sobre as condições da estrada, acredito que seja melhor fazer o Fortaleza quando do deslocamento de São José para Cambará...para não ter que voltar...o que vc acha?

    ResponderExcluir
  4. Eu nunca fui a São José, nem sei se é na mesma estrada mas, se for, acho uma boa ideia, para evitar ao máximo essas estradas! Quanto a passear no Fortaleza sem guia, é tranquilo sim, só tem que dar sorte de estar aberto no momento em que vocês estiverem lá :)

    ResponderExcluir