Sobre

Sobre

Recentes

Menu

Relato de viagem de motorhome de 2 semanas pela França, Suíça e Itália

Relato de viagem de motorhome em família pela França (Saint-Tropez, Gorges du Verdon, Avignon, Dijon, Disney, Paris, Reims e Estrasburgo), Suíça (Berna, Interlaken, Lauterbrunnen, Blausee, Chamonix e Mar de Glace) e Itália (Turim, Parma e Ligúria).
Relato de viagem de motorhome de 2 semanas pela França, Suíça e Itália
Relato de viagem de motorhome de 2 semanas pela França, Suíça e Itália

Neste post vocês encontrarão o relato da Ana Claudia de uma linda viagem de motorhome em família, com a Stella, de 4 anos, passando pela França (Saint-Tropez, Gorges du Verdon, Avignon, Dijon, Disney, Paris, Reims, Estrasburgo e Chamonix), Suíça (Berna, Interlaken e Lauterbrunnen) e Itália (Turim, Parma e Ligúria).

Com a palavra, a Ana Claudia:

viagem de motorhome de 2 semanas pela França, Suíça e Itália

Eu e meu marido havíamos feito uma viagem de motorhome quando morávamos na Itália (um lindo passeio do norte da Itália até a Puglia, no extremo sul). Eu estava no início da gravidez e sempre dissemos que seria perfeito viajar com os filhos desse modo.

Voltamos pro Brasil e demorou, mas conseguimos!

Nosso jeito de viajar é um pouco diferente do que normalmente vemos no blog Felipe, o pequeno viajante...Não fazemos tanto free camping, primeiro, porque não temos tanta experiência em achar lugares bons (o que, no verão europeu, também não é tão fácil, porque tem muita gente nas ruas e os estacionamentos estão bem cheios) e também porque gostamos de ficar em campings pela estrutura que complementa a praticidade do motorhome (parquinho para crianças, banheiros para tomar uma ducha mais confortável, etc), além do convívio com outros viajantes, que é sempre legal. Enfim...cada um à sua maneira!

Partimos dessa vez sem um roteiro muito definido. Tínhamos alguns desejos (alguns dias de praia, Gorges du Verdon e Disney de Paris), mas essa última estava bem longe do ponto de partida - Parma, na Itália, onde eu estaria antes a trabalho e aonde havíamos alugado o motorhome, da mesma empresa que havíamos utilizado da outra vez.

Parênteses para falar da empresa: são super atenciosos, os carros são novos e bem cuidados e os preços bons. Só não recomendo para brasileiros porque eles, na verdade, não são muito estruturados para aluguel, porque trabalham com venda e para alugar precisa deixar um cheque caução de um banco italiano (não tem a possibilidade de fazer o depósito com cartão de crédito, então não é muito conveniente) e também não oferecem aquele kit de viagem (com produtos de cama, banho e cozinha).

Relato de viagem de motorhome de 2 semanas pela França, Suíça e Itália

Itália de motorhome


Partimos de Parma, na Itália, no dia 13/07. 

Saímos tarde e nosso primeiro objetivo estava meio prejudicado: queríamos parar na Ligúria para um banho de mar, mas a região nessa época é super lotada e não conseguíamos um único lugar para estacionar. Morrendo de fome, paramos para almoçar num lugar proibido (mas com uma linda vista pro Mediterrâneo) e, energizados, seguimos viagem...Acabamos terminando o dia numa cidade chamada Ceriale, tão feinha (a cidade e o camping), que nem dá para recomendar! kkkk...Mas deu para pegar uma prainha e seguir em frente no dia seguinte.

Desistimos de parar na Itália devido à lotação, e seguimos para a França.

França de motorhome


Recebi muitos avisos de tomar cuidado no sul da França...Relatos terríveis de assaltos a motorhomes, estava tensa com esta etapa...Mas, 230Km depois, paramos em um lugar maravilhoso, na região de Saint-Tropez, praia de Pampelonne. Uma área de camping excelente! De frente para o mar (com apenas alguns bambus separando), super plana e com serviços inclusos. Cerca de 10 euros para uma noite maravilhosa! O único porém foi uma festa na praia, à noite, que abafou o som das ondas! 😅


No dia seguinte, o objetivo era chegar à maravilhosa região de cânions de Gorges du Verdon.

Inicialmente, fomos até Sainte Croix du Verdon, onde eu e o André almoçamos com uma vista linda para a represa, enquanto a Stella dormia tranquila no motorhome.

Depois de um mergulho na prainha, podíamos ter ficado por alí, mas seguimos para Monstiers Sainte Marrie


Uma decisão acertadíssima! Um camping super tranquilo e com uma linda vista para as montanhas, de onde pudemos ir à pé para jantar na cidade (uma vila super charmosa).

No outro dia, fizemos a maravilhosa Route des Cretes, saindo de La Palud sur Verdon, uma rota incrível com 14 pontos de parada com vistas incríveis pros cânions! 

Ao final, fizemos um imperdível passeio de pedalinho em família pelas águas azul-esverdeadas que cruzam a região.




No caminho de ida e de saída, ainda cruzamos com os imperdíveis e infinitos campos de lavanda... 

Não dá nem pra descrever os aromas maravilhosos...

A Stella pegou apenas um raminho de lavanda e trouxe pra dentro e o carro ficou super perfumado.

Para mim, era a parte mais esperada da viagem e foi realmente um dia inesquecível!


Terminamos a longa jornada em Avignon, onde dormimos no Camping Parcs des Libertés.

A cidade estava super lotada devido ao festival que acontece todos os anos no mês de julho.

Stella se divertiu com as performances de rua (e nós também), fizemos um tour de trenzinho pela área histórica e almoçamos antes de seguir pra Dijon, passando brevemente pela Chateuneuf du Pape para selecionar alguns vinhos...

Aliás, obviamente, esta é uma das melhores partes de viajar pela França: queijos, pães e vinhos deliciosos a cada parada...E, de motorhome, fica perfeito! Dá para comer na hora, fresquinho, levar para comer depois, levar para casa...

Em Dijon, dormimos no Camping du Lac Kir. Não tivemos tanto tempo pra curtir a cidade...Neste dia, acabamos perdendo um pouco de tempo para lavar roupas (em uma lavanderia self-service) e também procurando um lugar para imprimir as entradas da Disney...

Me explico: é sempre mais barato comprar as entradas pros parques online, mas a gente não tinha certeza se iria (pois sabíamos que os trechos até lá seriam longos e não sabíamos se a Stella iria se comportar bem), então compramos durante a viagem quando a situação já estava definida, e aí descobrimos que tem que imprimir os bilhetes, não pode ser pelo celular, e tivemos que buscar uma impressora.

Problemas resolvidos, demos um breve passeio pelo centro, que é bem bonitinho, almoçamos e seguimos viagem para a Disney

A esta altura, a Stella havia descoberto a surpresa, e estava super ansiosa (e eu também!).

Pesquisei bastante a respeito e acertamos em cheio em dormir no próprio estacionamento dos parques

Pagamos 45 euros. Sim, é caro, mas o valor é o mesmo para 24 horas, então eu só teria saído se o calor estivesse insuportável, porque não tem nenhum glamour (e nem sombra!) 😌

Tem tudo o que precisamos: banheiros limpos, área tranquila e super plana, cheia de outros motorhomes e o mais próximo possível dos parques, para cair na cama no final do dia exaustivo de passeios (mais próxima que isso, só se hospedando em um dos hotéis da Disney, obviamente). 

No dia de chegada, ainda tivemos um preview do show de fogos da janela do carro, para aumentar a ansiedade!!


O dia seguinte foi 100% Disney! Curtimos muito até o final! Achei perfeito para a idade da Stella (4 anos). Fizemos os 2 parques em um só dia e, para nós, foi na medida certa. 

Acertamos também em ir de sexta-feira, porque percebemos que, no sábado, estava bem mais cheio!

Aliás, você deve ter notado que até aqui tivemos trechos bem longos de carro e uma certa correria, né? Isso justamente porque não queríamos ir nos parques no sábado, para evitar este excesso de público, e deu certo. Fomos em todas as atrações que queríamos sem tanta fila (e nem pagamos pelo fast track).

O sábado pós-Disney foi de recuperação...Dormimos bastante pela manhã, deixamos o carro na Disney mesmo e fomos de trem para Paris (encontrei esta dica em vários blogs que me asseguraram que os estacionamentos mais próximos a Paris seriam ainda mais caros e com menos opções de transporte). Levamos bastante tempo para chegar à cidade, pois tinham obras no metrô.

O sábado em Paris foi pouco proveitoso, pois o público que evitamos na Disney pegamos por lá! 😌

Já tivemos a oportunidade de ir à Paris algumas vezes, então o objetivo era mais mostrar para Stella e ela estava louca para subir na torre, o que acabou tomando quase todo o restante do nosso dia (mas valeu a pena pela linda vista de sempre e pelo sorriso impagável de felicidade da pequena!). 

Depois disso, fizemos um passeio pela cidade de tuk-tuk (estávamos bem cansados mesmo) e voltamos para nossa casinha sobre rodas para jantar e descansar...

No domingo, mais descansados, dirigimos até a região de Reims, onde almoçamos, e depois Epernay, onde, utilizando o site Champagne-Booking, fizemos reservas para um maravilhoso tour de degustação de champagne na Champagne House La Cité du Champagne Collet


A vista é linda, o passeio super interessante e a degustação...Enfim, saímos com mais garrafas!!!

Terminamos o dia em Estrasburgo, onde paramos num camping super legal, com restaurante, muitas árvores, parquinho e piscina (acabamos parando do lado da linha do trem, porque estava tudo cheio, mas o trem parou antes de irmos dormir). 

De lá, pudemos alugar bikes para fazer um passeio pelo centro no dia seguinte. A cidade é super charmosa! Vale muito a pena...

Uma coisa legal dos campings na França é que normalmente tem a possiblidade de reservar previamente a entrega de pães (ou croissants...) no dia anterior, e você acorda com maravilhosos pãezinhos frescos para começar o dia com o pé direito!


Suíça de motorhome


Terminamos o dia em Berna, na Suíça.

O camping de Berna foi o meu preferido, mas foi o mais caro de todos, como tudo na Suíça.

Fica ao lado do Rio Aar, onde as pessoas passam o dia se deixando levar pelas fortes e geladas correntezas. André provou e curtiu! Atenção que não tem salva-vidas no local e a atividade só é recomendada pra nadadores experientes!

Neste camping tem todo tipo de viajante: os que vão de motorhome, de barraca, os que alugam quartos do camping...Acabamos até usando a cozinha comunitária do lugar para comer ao ar livre e, com isso, tivemos boas dicas de um casal suíço-brasileiro para os passeios dos próximos dias.

A cidade em si nós não curtimos tanto...como toda capital, é muito cheia...Demos um passeio breve por alguns pontos e voltamos pro camping pra curtir mais um pouco.


Após o almoço, fomos para Interlaken. Este sim, um lugar deslumbrante!

A cidade fica entre os lagos Thun e Brienzl, com vistas fantásticas para essas águas de cor esmeralda ainda cercadas de picos nevados.

Curtimos bastante uma prainha ao lado de uns destes lagos. A água, super gelada, refrescou o dia, que estava muito quente.

Tivemos dificuldade de encontrar um lugar pra ficar, pois a região é muito procurada e estava lotada. Encontramos muitas placas que proibiam o estacionamento de motorhomes, se não provavelmente teríamos feito um free camping nessa noite. 

Acabamos ficando em um camping bem rústico com uma linda vista dos picos nevados da região. Inicialmente tínhamos entendido que seria uma estada gratuita, mas, ao perguntar sobre onde poderíamos fazer os serviços (carregar e descarregar água e WC), acabamos tendo que pagar muito caro por isso. Paciência!

Achamos a Suíça bem ruim para viagens de motorhome...Em comparação com a França e a Itália, os lugares disponíveis para serviços são muito poucos; os campings, apesar de lindos, são muito caros (nada por menos de 40 euros!!), e a proibição de parar é bem clara em muitos lugares.

viagem de motorhome pela Itália, França e Suíça

viagem de motorhome pela Itália, França e Suíça

Depois de garantir o pernoite, demos um rápido pulo em Lauterbrunnen. Uma região muito bonita, com cachoeiras formadas pelo degelo das geleiras próximas. Daria para ficar mais e explorar, mas um acidente na estrada e a nossa fome nos fizeram voltar para encerrar o dia...

França de motorhome


No dia seguinte, seguimos para Chamonix, na França e, no caminho, tivemos duas surpresas.

Primeiro, paramos em Blausee, um lago fantástico com uma cor esmeralda belíssima, cercado de verde e cachoeiras...Dava para ter ficado ali um tempão!

viagem de motorhome pela Itália, França e Suíça

Depois, descobrimos que, na nossa rota escolhida até Chamonix, de volta à França, tinha um trem em que teríamos que entrar com o motorhome, para passar por um túnel por dentro das montanhas. Estava até divertido, até o trem parar no meio do túnel por uns 10 minutos na maior escuridão! Ainda bem que a gente estava literalmente em casa, né?

A paisagem de Chamonix é maravilhosa!! Mas também não acho um lugar legal para ir de motorhome...Enfim, estava na rota e valeu a passagem. Ficamos em um camping bem caro, mas muito gostoso (havia um estacionamento pra camping bem melhor localizado e bem mais barato, mas que estava cheio quando chegamos).

Em Chamonix, fizemos um passeio até o Mar de Glace, onde existe um glaciar que nos dá a exata dimensão de como o aquecimento global está mudando nosso planeta. Observar como, ano a ano, a geleira vem diminuindo, é muito impactante...

Além disso, visitar a caverna de gelo também é bem legal, apesar dos mais de 400 degraus necessários pra chegar lá! 😜

viagem de motorhome pela Itália, França e Suíça

Itália de motorhome


Viagem chegando ao fim...De volta à Itália, passamos a última noite em Turim. Após fazer um tour daqueles hop-on, hop-off, para conhecer o centro histórico, fomos jantar com amigos.

Dormimos no estacionamento municipal (gratuito e super arborizado, com água e serviço de descarga de graça). Foi a noite mais quente que tivemos - no mais, durante o percurso todo tivemos noites muito frescas.

Esta viagem para nós será inesquecível! Além das muitas paisagens e passeios maravilhosos, nos uniu muito! Viagens de motorhome são perfeitas para isso!

Stella passou 2 semanas sem TV, brincando em muitos parquinhos com crianças do mundo todo!

Tudo valeu muito a pena, porque a gente tinha mesmo muitos lugares que queria conhecer, mas, numa próxima aventura, queremos fazer um trecho mais curto, para podermos curtir mais cada parada e ser menos cansativo. Fizemos mais de 3000Km em 2 semanas!

Espero que tenham curtido, porque nós curtimos muito!!

Obrigada, Ana Claudia! Assim como vocês, também queremos mais 'slow travel' nas nossas próximas aventuras de motorhome, até para curtir um pouco desses campings ótimos que descrevestes! 

Para ler mais sobre as nossas viagens de motorhome pela Itália, França e Suíça, é só clicar nos links abaixo:



Share
Próximo
Este é o post mais recente.
Anterior
Postagem mais antiga

Claudia Rodrigues Pegoraro

Comente este Post:

0 comentários: