18 de novembro de 2017

Tulum e Cobá, no México: roteiro, hospedagem, pontos turísticos, onde comer e as melhores dicas para você aproveitar sua viagem

Tulum, México: roteiro, hospedagem, pontos turísticos, onde comer e as melhores dicas para você aproveitar sua viagemDividimos a nossa estadia no México entre 4 cidades diferentes - Tulum, Valladolid, Playa del Carmen e Cancún. 

Durante a viagem, fui fazendo anotações sobre cada um desses locais, então agora vou dividir os posts em 4 guias diferentes, um sobre cada cidade e seus arredores. 

Este, de Tulum e Cobá, é o primeiro guia, com dicas de roteiro, hospedagem, pontos turísticos, onde comer e tudo mais que você precisa saber sobre essas lindas cidades mexicanas para aproveitar melhor a sua viagem.


Como Tulum e Playa del Carmen são muito próximas (65Km/1h, pela Carretera Tulum - Cancún, a México 307), com diversas atrações entre elas, muitas das dicas se misturam - atrações como o Rio Secreto, por exemplo, podem ser facilmente visitadas tanto desde Tulum quanto desde Playa del Carmen. 

Além disso, se você pegar algum dia de chuva enquanto estiver em Tulum, o melhor a fazer é ir para Playa del Carmen, visitar o Museu Frida Kahlo ou fazer comprinhas na Quinta Avenida, por exemplo - então estas dicas de Playa vão entrar aqui no post de Tulum também, ok?

Ficamos 4 noites em Tulum, 2 noites em Valladolid, 6 noites em Playa del Carmen e 3 noites em Cancún. Foi perfeito, eu não faria nada diferente 😏

Além disso, como já contei no meu post 27 dicas para sua viagem ao México, fizemos escalas em São Paulo e Bogotá na viagem de ida e em Lima na viagem de volta, com pernoites em SP e no Peru. 

Os hotéis BBB em que ficamos nesta viagem foram:

* Em São Paulo: Guaru Plaza Hotel
* Em Tulum: Hotel Howlita
* Em Valladolid: Hostal Casa Don Alfonso
* Em Playa del Carmen: Estudios calle 28
* Em Cancún: Hotel Suites Gaby
O único hotel bem meia boca foi o que dormimos em São Paulo, Guaru Plaza Hotel, que é mega simples e só recomendo se você está acostumado com hotéis MEGA simples. 

Reservamos lá porque queríamos um hotel super barato apenas para dormir por algumas horas, perto do aeroporto. O Guaru fica a 11Km de Guarulhos, com transfer incluído de/para o aeroporto, banho bom, limpinho e recepção simpática - e ainda nos levaram xis egg no quarto 😁

Para ler todos os nossos posts sobre o país: México

Se você quer dicas de compras no México, veja aqui

Para saber tudo sobre o Día de Muertos no México, leia: Dia dos Mortos no México - uma experiência inesquecível

Tulum, México: roteiro, hospedagem, pontos turísticos, onde comer e as melhores dicas para você aproveitar sua viagem

Dia 1 - Tulum


Providências iniciais

° Chegamos no Aeroporto Internacional de Cancún às 15:15.

° Pegamos carro alugado no aeroporto e fomos para Tulum, primeiro destino do nosso roteiro, a 120Km/1h45min de distância do aeroporto de Cancún, seguindo para o sul.

° Comprar chip de celular Telcel. Sobre aluguel de carro, chip de celular e troca de dinheiro, veja tudo explicado em detalhes aqui

° Trocar U$ por pesos mexicanos em Tulum Pueblo ao lado do terminal de ônibus ADO na rua principal (U$ 1 = 17,60 pesos mexicanos). NÃO troque dinheiro no aeroporto, a cotação é horrível. 

° Hotel Howlita em Tulum Pueblo: reservamos um quarto triplo com café da manhã simples por U$ 60, e ficamos 4 noites - muito lindinho e charmosinho, com piscina e atendimento muito simpático. O estacionamento é na frente da pousada. Nosso quarto, no 2º piso, tinha ar condicionado split, frigobar, internet wifi e uma sacadinha deliciosa para a piscina.


Hotel Howlita Tulum México

Hotel Howlita Tulum México


Hotel Howlita Tulum México

Hotel Howlita Tulum México

Hotel Howlita Tulum México



° Restaurante para jantar: Encanto Cantina - jantar U$ 20 para 3 pessoas (gorditas, nachos, quesadillas e tacos, com 3 cervejas Coronas) - experimentar a famosa 'cochinita pibil'. Lugar super agradável em Tulum Pueblo.

° Não é difícil estacionar na rua principal.




Dia 2 - Tulum - Playa del Carmen - Tulum


Flutuação no Rio Secreto

Fizemos um passeio perfeito para um dia de chuva na Riviera Maya: Rio Secreto

Fica a 54Km de Tulum, mais perto de Playa del Carmen. A entrada custa 1190 pesos (U$ 68). Todo o equipamento necessário (wetsuit, colete, capacete, bastão, sapatos) e o almoço buffet muito bom são incluídos no valor do ingresso. 

É uma flutuação em um rio subterrâneo com água cristalina dentro de uma caverna cheia de estalactites e estalagmites, com tour guiado. O passeio completo leva mais de 3hs (quase 2hs dentro da caverna). Um lugar inacreditável! Lindo! 

Já fiz muitos tours em cavernas, da China à Nova Zelândia, dos EUA ao Vietnam e até na Eslovênia, e nunca foi tão divertido como essa flutuação 😁 

A dica é ir em dia de chuva, porque o lugar é ainda mais incrível quando chove, pois aumenta o nível da água (e é um dos poucos passeios que não ficam prejudicados pela chuva - uma boa forma de aproveitar um dia chuvoso na praia). 


Rio Secreto México

Depois seguimos até Playa del Carmen

° Museo Frida Kahlo Riviera Maya - outro passeio ótimo para dias chuvosos na Riviera Maya é o Museo Frida Kahlo na Quinta Avenida de Playa del Carmen. Custa salgados U$ 15 por pessoa, com desconto para aposentados, e eu preferia conhecer o museu onde estão as obras originais dela na Cidade do México - neste são apenas reproduções das pinturas mais famosas, porque não se pode manter quadros tão valiosos tão próximos ao mar - mas, como não vamos à capital mexicana, tivemos que nos contentar lá mesmo 😁 que mulher impressionante!


Museu Frida Kahlo México

Museu Frida Kahlo México

Museu Frida Kahlo México

Museu Frida Kahlo México





Museu Frida Kahlo México

Museu Frida Kahlo México
  
° Quinta Avenida - longa rua para pedestres, onde ficam inúmeros restaurantes, bares, lojas e shoppings, é um dos grandes atrativos de Playa del Carmen, lugar onde todos vão jantar e passear à noite. Atenção para o fato de que quase tudo (lojas e restaurantes, menos bares e boates) fecha por volta das 22hs. 

° A dica é estacionar ao redor da praça da Prefeitura, que fica ali pertinho e onde sempre se consegue vaga. Se estiver difícil encontrar uma vaga grátis, existem vários estacionamentos pagos bem baratos ali pertinho do shopping Paseo del Carmen. 




Quinta Avenida Playa del Carmen

Quinta Avenida Playa del Carmen

° Sorveteria Aldo's, a melhor! 

O sorvete é bem carinho, mas não deixe de experimentar - foi o melhor que provamos no México e não encontramos em nenhum outro lugar, acho que só tem em Playa mesmo. 


Quinta Avenida Playa del Carmen



° Paseo del Carmen Shopping - um shopping ao ar livre no final da Quinta Avenida, no terminal marítimo onde se pegam os ferries para Cozumel. O lugar é bonito, super agradável para passear e tem lojas ótimas como Zara, Old Navy, Nike, Rip Curl e também um Starbucks. Preços iguais aos dos EUA. 

° A Igrejinha de Nuestra Señora del Carmen, que fica na Plaza los Fundadores, também merece uma visita.



° Jantar: Don Sirloin - é uma rede de "fast food" de comida mexicana, e tem várias unidades em Playa del Carmen. 

Vale experimentar a famosa 'cochinita pibil' 😏

Comida boa e barata! 



Don Sirloin


Don Sirloin

Don Sirloin

° Voltamos para Tulum e fomos tomar uma cerveja no Restaurante Kahlua - um lugar engraçado e bem autêntico para ver como os mexicanos bailan a rumba 😁 

Essa dica é só para quem gosta de ir a fundo mesmo na vida local hehehe...








Dia 3 - Tulum


Ruínas Mayas de Tulum

Esse foi o dia de conhecer a atração mais famosa de Tulum (não fomos no dia anterior por causa da chuva). 

A dica é estacionar na beira da estrada, ao norte da zona hoteleira, na entrada menos conhecida do complexo. Ali você estará mais perto das ruínas e das praias e não precisará pagar nada pelo estacionamento. 

Abre todos os dias, das 8 às 17hs, com a última entrada às 16h30min. As entradas custam 70 pesos mexicanos por pessoa. 

É a mais bonita das raras cidades maias construídas à beira-mar, e estas são as ruínas maias mais visitadas do México. São provavelmente as ruínas mais lindas de todo Caribe. 

Planeje visitar a zona arqueológica em 1 ou 2 horas. Você percorre caminhos de areia sob um sol inclemente com iguanas e quatis correndo aos seus pés. Cercada por muralhas, e com a água do mar azul turquesa ao fundo, o lugar é um colírio para os olhos. 

A construção data do ano 564 e a cidade funcionava como um importante porto comercial dos maias. O Castelo, que é a estrutura principal da zona arqueológica, tem 3 andares e 12m de altura. 

Se você estiver em Playa del Carmen, pode pegar uma van pública até as ruínas (leva uns 45min). 

Depois de visitar o local, dá para aproveitar e tomar um banho de mar na praia que fica na frente das ruínas.






Ruínas de Tulum México

Ruínas de Tulum México

Ruínas de Tulum México


Ruínas de Tulum México


Ruínas de Tulum México

 
Ruínas de Tulum México

 
Ruínas de Tulum México

Ruínas de Tulum México

Ruínas de Tulum México



Ruínas de Tulum México

Ruínas de Tulum México


° Playa Paraiso - ao sul das ruínas, a praia mais famosa de Tulum tem um cenário de cartão postal. 

A areia branquinha que ofusca os olhos, o mar de 50 tons de azul e os barquinhos coloridos de pescadores ancorados parecem ter sido colocados ali especialmente para a sua foto. 

Os beach clubs têm espreguiçadeiras e guarda-sol na areia e servem almoço. Não é necessário pagar nada para ter acesso à praia. 

Deixe o carro estacionado na entradinha da praia na beira da estrada e, se perguntarem, diga que você vai ao restaurante. 




Playa Paraiso Tulum México

Playa Paraiso Tulum México

Playa Paraiso Tulum México

Playa Paraiso Tulum México

Playa Paraiso Tulum México

Playa Paraiso Tulum México

° Passeio pela zona hoteleira de Tulum, com almoço e praia no Restaurante Zamas. Pagamos 510 pesos por tacos de camarão e um morro de nachos. 

Ao sul das ruínas, se você continuar descendo em direção a Belize pela Carretera Tulum - Boca Paila, encontrará a "zona hoteleira de Tulum", uma estradinha que segue por uns 10Km até o Arco Maya, que é a entrada para a Reserva da Biosfera Sian Ka'an. Essa estradinha, margeada por pequenas boutiques de designers locais, lojinhas de artesanato, hotéis, pousadas, restaurantes e barzinhos, é conhecida como zona hoteleira de Tulum

Para você entender Tulum, é bom saber que a cidade é mais ou menos dividida em 3 áreas:

1. Ruínas de Tulum - famosa zona arqueológica à beira-mar que todo mundo vai até lá para visitar.

2. ‎Tulum Pueblo - uma cidadezinha na beira da estrada 307, que segue em direção à Playa del Carmen, onde você encontra lojinhas de souvenirs e artesanato, restaurantes, barzinhos, hotéis e pousadas mais baratos - foi lá que nós nos hospedamos.

3. ‎Zona Hoteleira - assim como Cancún tem a sua zona hoteleira, Tulum não podia ficar para trás e criou também a sua própria zona hoteleira à beira-mar. Só que, enquanto a zona hoteleira de Cancún (que tem o formato de um número 7) é cheia de resorts, um ao lado do outro, na zona hoteleira de Tulum você vai encontrar hotéis boutique e pousadinhas charmosas (mais caras que as de Tulum Pueblo). 










° Chamico’s - prainha frequentada por poucos locais, com aspecto selvagem, que você encontra seguindo pela Carretera Tulum - Cancún. 

Essa praia ficou famosa há poucos anos, depois de ser indicada como um "achado" pelo The New York Times. Na estrada que segue ao norte para Playa del Carmen, pegue a saída do Hotel Jashita e continue por uma estradinha de terra até chegar a uma cancela. Ali, você avisa ao segurança que está indo ao Restaurante Chamico’s e segue em frente. 

O Chamico’s serve peixes e frutos do mar fresquinhos num cenário paradisíaco, à sombra das palmeiras. Depois de se deliciar, o programa é tirar um cochilo numa das redes penduradas nas palmeiras, enquanto os pequenos viajantes brincam na pracinha à beira-mar. 

° Supermercado Chedraui - bom para comprar bebidas e lanchinhos para levar para a praia. 







Dia 4 - Tulum - Cobá - Grand Cenote - Tulum


➡ Ruínas Mayas de Cobá 

Fomos conhecer a zona arqueológica que fica 48Km a noroeste de Tulum (levamos uns 45min de carro). As ruínas ficam a aproximadamente 110Km de Playa de Carmen. Também podem ser visitadas, inclusive de ônibus, desde Valladolid (ficam no meio do caminho entre Tulum e Valladolid).  

O ingresso custa 70 pesos/pessoa. Alugamos uma bicicleta por 50 pesos e um "táxi Maya" por 120 pesos (mais 80 de gorjeta). Recomendo muito essa estratégia, pois as ruínas ficam espalhadas no meio da selva, e o calor é insuportável para andar peregrinando a pé! 

Achei essas ruínas espetaculares pela localização, no meio da selva tropical (vimos até cobras no meio das ruínas!!!) e pela altura da pirâmide principal, a mais alta do mundo maia mexicano. 

Cobá foi um importante centro maia, e chegou a ter 50.000 habitantes. A pirâmide maia mais alta do México - Nohuch Mul - tem 40m de altura e você pode 'escalar' até o topo, por degraus escorregadios, de tanto suor que os milhões de turistas já derramaram por lá (e as cordas não ajudam muito!). Aproveite para fazer isso logo, enquanto eles não proíbem que você vá até o topo! A vista lá de cima é de cair o queixo, uma das coisas impressionantes que já vi na vida, e vale cada gota de suor!

Existem também outras estruturas, como Campos de Pelota, observatórios astronômicos e templos, todas no meio de uma imensa floresta tropical. Um lugar mágico.

Essas ruínas são bem menos conhecidas do que as de Chichén Itzá e Tulum, o que resulta num número muito menor de turistas. 

Use repelente, muito protetor solar, muita água, boné e óculos. 


Ruínas de Cobá México

Ruínas de Cobá MéxicoRuínas de Cobá México

Ruínas de Cobá México


Ruínas de Cobá México



Ruínas de Cobá México


Ruínas de Cobá México

Ruínas de Cobá México


° Compras: 💰💰💰

Para dicas completas de compras no México, veja aqui

Existem algumas lojinhas de artesanato no caminho entre Tulum e Cobá - mas não encontramos nada que desse muita vontade de comprar nas lojinhas à beira da estrada, assim como também não me apaixonei por nada em Tulum Pueblo. 

Já em Playa del Carmen, na famosa Quinta Avenida, achei muita coisa legal, mas, como muitas pessoas diziam que, por incrível que pareça, o melhor lugar (variedade e preço) para se comprar artesanato e produtos típicos na região é justamente no mais turístico de todos - Chichén Itzá - resolvi não comprar nadinha, nem um ímã de geladeira sequer, até chegarmos lá!






➡ Grand Cenote

Esse cenote tem entrada mais barata do que os outros cenotes mais famosos perto de Playa del Carmen, como o Dos Ojos, o Cenote Azul e o Jardim do Éden, e fica bem mais perto de Tulum. 

Custa 180 pesos por pessoa, o aluguel do colete salva-vidas é 50 pesos e o guarda-volumes (pequeno) custa 30 pesos. 

Leve maiô, máscara, snorkel e toalha e não passe repelente nem protetor solar antes de entrar na água. 

Amei nadar entre as cavidades rochosas naquela água azul-turquesa, envolvida pela vegetação abundante, em meio a peixinhos e tartarugas. A primeira vez num cenote a gente nunca esquece, me senti num pedacinho de paraíso 💚💙

Depois de visitar e nadar em muitos outros cenotes na região, esse continuou sendo o meu favorito!


Grand Cenote Tulum

Tulum, México: roteiro, hospedagem, pontos turísticos, onde comer e as melhores dicas para você aproveitar sua viagem

Grand Cenote Tulum

° ‎Almoço: Restaurante Malquerida (ao lado do La Querida), na ruazinha gourmet de Tulum. Comemos quesadillas de camarão, totopos con salsa e cervejas por 270 pesos.

° ‎Aproveitamos para curtir um pouquinho a piscina do hotel.

° ‎Jantar: Restaurante El Milagrito, também na ruazinha gourmet de Tulum. Comi tacos à Califórnia de peixe e camarão e tomamos piñas coladas e Mojitos (só que eles usam mezcal para preparar os Mojitos, ao invés de rum). Pagamos 390 pesos. 

° Sorvetes na Sorveteria Panna e Cioccolato, na rua principal de Tulum Pueblo, pertinho da rua gourmet. Eles fazem 2x1 e cada bola de sorvete custa só U$ 1, super barato, sorvete de-li-ci-o-so!










Tulum, México: roteiro, hospedagem, pontos turísticos, onde comer e as melhores dicas para você aproveitar sua viagem

Tulum, México: roteiro, hospedagem, pontos turísticos, onde comer e as melhores dicas para você aproveitar sua viagem


Tulum, México: roteiro, hospedagem, pontos turísticos, onde comer e as melhores dicas para você aproveitar sua viagem

Tulum, México: roteiro, hospedagem, pontos turísticos, onde comer e as melhores dicas para você aproveitar sua viagem


Vai viajar para o México?

Os hotéis BBB em que ficamos nesta viagem ao México foram:

* Em Tulum: Hotel Howlita
* Em Valladolid: Hostal Casa Don Alfonso
* Em Playa del Carmen: Estudios calle 28
* Em Cancún: Hotel Suites Gaby

Para ver mais dicas desta nossa viagem, dê uma espiada na hashtag #PVnoMexico nas redes sociais.

Tem dicas de viagem ao México também? Deixe nos comentários, por favor!

Leia todos os nossos posts sobre o país clicando aqui: México

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...