4 de agosto de 2017

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá - um lugar para curtir em família ou com o seu amor

Hotel Bühler, em Visconde de MauáPost sobre o Hotel Bühler, em Visconde de Mauá - um lugar incrível para curtir em família ou com o seu amor o clima friozinho e romântico da serra e as trilhas e cachoeiras desta região linda, de natureza privilegiada, localizada entre o Rio de Janeiro e Minas Gerais, no povoado de Maringá

Quem nos acompanha pelas redes sociais, já sabe que estivemos viajando pelo Estado do Rio de Janeiro nas férias de julho de 2017, com o nosso filhote Felipe, de 8 anos.

Optamos por dividir a viagem em 3 partes, para poder curtir - 

1) o clima frio da serra, com as suas trilhas e cachoeiras (há muito tempo eu ouvia falar muito bem e tinha muita vontade de conhecer Visconde de Mauá); 
2) o clima de praia em Arraial do Cabo, Cabo Frio e Búzios; 
3) as atrações novas da cidade do Rio, como o Museu do Amanhã, o MAR - Museu de Arte do Rio e os murais do Kobra e outros artistas no caminho até o AquaRio. 

Assim, chegamos ao Aeroporto Galeão à noite, alugamos um carro na Hertz, passamos a noite no Hotel Linx, dentro do próprio aeroporto e, no dia seguinte bem cedinho, seguimos viagem em direção a Visconde de Mauá, na divisa entre os estados de Minas Gerais e Rio de Janeiro, onde nos hospedamos no ótimo Hotel Bühler.  

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
a linda piscina do Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
amo essas araucárias!

Localização


Visconde de Mauá, como falei, é uma região localizada a 260Km de São Paulo e 200Km da cidade do Rio (levamos 3hs de carro do Galeão até o hotel, que fica em Maringá de Minas). A área se divide entre os estados do Rio de Janeiro e de Minas, e é composta de 3 povoados diferentes, separados por poucos Kms de distância um do outro: 

1) o primeiro deles é Visconde de Mauá propriamente dita, onde não há muita coisa além de um bom centro de informações turísticas, uma igrejinha e algumas casinhas fofas; 
2) o segundo povoado é Maringá, onde ficamos, que se divide entre Maringá RJ e Maringá de Minas, ambos separados pelo rio e unidos por 2 pontes, uma para carros e outra exclusiva para pedestres - este é o local mais recomendado para hospedagem a quem viaja em família ou numa viagem romântica; 
3) o terceiro e último povoado da região é Maromba, onde ficam as cachoeiras mais lindas, lugar mais recomendado para a turma mais jovem, mochileiros, quem curte mais balada e tals e para aqueles que pretendem acampar. 

Hotel Bühler, para nós, tem a localização mais perfeita da região: ao mesmo tempo em que ele está a menos de 5 minutos a pé do burburinho de Maringá e da Alameda Gastronômica, a impressão que se tem é a de que estamos em uma fazenda no meio do nada, onde se ouve o canto dos passarinhos e tudo. 

Além disso, achei perfeita a nossa escolha de ficarmos em Maringá, pois, além de ser mais recomendada para famílias, e para passeios a pé pelo centrinho, Maringá também está situada bem no meio dos passeios mais legais da região, entre o Vale do Alcantilado e as 3 cachoeiras mais famosas de Maromba. 

Depois é claro que vou escrever outro post contando mais sobre as atrações da região, passeios que fizemos, dicas de restaurantes, etc, mas agora estou ansiosa para contar a vocês sobre esse hotel bacanérrimo onde nos hospedamos por lá.

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
Hotel Bühler, em Visconde de Mauá, um lugar para curtir em família

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
essas duchas naturais...que delícia!

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
os incríveis jardins do Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

O Hotel Bühler


Já adianto que não é uma das opções baratas da região - mas o que eu posso dizer é que é um lugar especial, onde você sente que o $$ investido valeu a pena, porque você passará momentos realmente especiais por lá. 

Não é um hotelzinho comum, sabe? Desses que a gente fica todo dia. É um lugar diferente, único, entende? Um lugar para um fim de semana especial com o seu amor, ou para curtir um feriadão inesquecível em família. Nós ficamos muito encantados com o hotel, aproveitamos muiiiito a nossa estadia lá, nos divertimos muito em família e não poderíamos recomendar mais!

Preciso explicar uma coisa: o Bühler não é um hotel "chique", ele é até bem rústico, mas um rústico aconchegante, cheio de atividades para a família inteira, com jardins que são um primor! 

O cuidado que a gente vê nas áreas externas do hotel é impressionante. Nós ficamos fazendo contas de cabeça sobre a quantidade de jardineiros e "serviços gerais" que eles devem empregar para a manutenção de tudo aquilo. 

Já ficamos em outros resorts com grandes jardins e áreas externas imensas, como o Cana Brava Resort, em Ilhéus, na Bahia, por exemplo, mas nenhum chega nem perto do que é o Hotel Bühler em termos de jardinagem, uma coisa meio-fazenda, meio-floresta, lindo!

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
não é lindo?

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
 
Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
trilhas no Hotel Bühler, em Visconde de Mauá 

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
que paisagismo!

 

Outro esclarecimento necessário: o hotel não tem recreação. Não é um lugar para deixar as crianças com uma equipe de monitores e esquecer que você tem filhos. É um lugar para curtir realmente "em família". 

Atrações não faltarão: além de o lugar ser um mini-paraíso, ainda tem de casinha na árvore a piscina térmica, de xadrez gigante a minigolfe, de ping pong a banheira no chalé, de pracinha a quadra de tênis, de piano a damas - e o Lipe, é claro, quis experimentar de tudo um pouco! 

O lado bom é que ele esquece completamente do tablet, e a gente vive momentos de qualidade em família; o lado 'menos bom' é que mal dá tempo de descansar na rede que havia na nossa varanda! 😆

saudade dessa varandinha!

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
pena que a banheira não dava para os 3 ao mesmo tempo hehehe...


Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
a pose do nosso minigolfista!


curtindo um tempo em família no Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

O hotel tem uma estrutura tão completa e tanta coisa para fazer que é difícil sair de lá para fazer os outros tantos passeios que a região de Visconde de Mauá oferece!! Mais adiante eu mostro um pouco mais das atividades que o hotel oferece. 

E um último ponto que eu acho que merece ser ressaltado nesta "introdução" é que o Bühler também é o lugar ideal para o pessoal que já conhece Gramado ou que mora muito longe da Serra Gaúcha para pagar as caras passagens aéreas, mas que gostaria de curtir aquele climinha tão legal de serra e de friozinho. 

Os cariocas, paulistas, mineiros e até o pessoal do norte e nordeste, que já conhecem a Serra Gaúcha, ou que não estão a fim de desembolsar uma grana alta numa passagem aérea para Porto Alegre, mas que queriam "conhecer" o frio, comer fondue e tal, vão adorar a região de Visconde de Mauá - é uma ótima opção para curtir lareira, piscina térmica e comfort food 😉

Imagino que Campos do Jordão também seja uma boa opção para curtir o clima de inverno no Brasil, não é? Assim como a Serra Catarinense! Quem conhece?

No nosso chalé tínhamos lareira abastecida com muita lenha, lençóis elétricos, cobertores extras e uma banheira com hidromassagem deliciosa, bem quentinha, acredita?? 

Nós ficamos super surpresos de sair do Rio Grande do Sul para "fugir do frio" e chegar em pleno Rio de Janeiro para passar um friozão em terras fluminenses!  


Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
piscina térmica bem quentinha no Hotel Bühler, em Visconde de Mauá



comfort food no friozinho de Mauá

Quanto tempo ficar em Visconde de Mauá


Nós ficamos 3 noites e, na nossa avaliação, foi pouco, mas o suficiente para ver o que há de mais lindo na região de Visconde de Mauá, Maringá e Maromba e ainda ter tempo de curtir o tanto que o hotel oferece!

Claro que, se você só puder bancar $$ uma noite, ou se você só tiver 2 noites de folga, ainda assim vale a pena, mas, neste caso, eu sugiro que você se dedique a curtir o hotel e as atividades que ele oferece, que são muitas. 

Para ter tempo de ir até o Vale do Alcantilado e de conhecer as 3 cachoeiras mais famosas de Maromba, você realmente vai ter que ficar lá no mínimo 2 noites

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
mapa da região de Visconde de Mauá, com as muitas atrações da área

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá


Sistema de alimentação no Hotel Bühler


O sistema de alimentação do hotel é de meia pensão, e as refeições incluídas são o café da manhã e o almoço. 

Além disso, o hotel oferece uma pizza de cortesia na sua hospedagem no restaurante do hotel, o Fragária, à noite. Sendo assim, nós só "conseguimos" fazer 2 refeições fora do hotel, na famosa Alameda Gastronômica, em 2 das 3 noites em que estivemos lá! 

Se você quiser jantar no restaurante do hotel, é claro que também pode, mas aí o valor é por fora.

pizza cortesia no Restaurante Fragária do Hotel Bühler


O almoço é super gostoso, sempre com boas opções. 

Como almoçamos lá 3 dias, achei que poderia ficar repetitivo, mas não: a cada dia o cardápio do almoço variava bastante - um dia era uma comida mais mineira, no dia seguinte era gastronomia alemã, outro dia pratos bem locais...não deixe de experimentar a truta, típica da região, deliciosa! Um dia eles serviram truta em crosta de pinhão, uma coisa di-vi-na! 

Achei muito legal o fato de que o almoço é servido até as 16hs!!! A gente tomava um super café da manhã e saía para os passeios de trilhas e cachoeiras - seria muito chato se tivéssemos que voltar correndo dos passeios para almoçar as 12hs. 

Nós acabávamos aproveitando bastante os passeios até quase 15hs e só voltávamos para o hotel quando batia a fome, para almoçar, porque sabíamos que o almoço era servido até as 16hs, muito bom! Depois do almoço, era hora de curtir as atividades oferecidas pelo hotel e, à noitinha, passear pelos vilarejos dos lados mineiro e carioca! 

Também preciso destacar que o Lipe ficou super satisfeito com os almoços: sempre tinha feijão, arroz, uma carne que ele gostava e, às vezes, purê de batatas ou batatas fritas. Pronto, o guri não queria mais nada! 


Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
o prato kids de cada dia

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
cardápio de inspiração germânica


Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
doces de babar no Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
a deliciosa truta do Hotel Bühler, refeição típica de Visconde de Mauá

As mesas, no local (lindo!!!) onde é servido o café da manhã e o almoço, são pre-determinadas pelo pessoal da cozinha de acordo com os números dos chalés. Como eles têm 3 salões diferentes, procuram colocar famílias com filhos em um salão separado dos casais em "lua de mel", assim ninguém incomoda ninguém. 

Mas aconteceu um fato curioso lá: o hotel obviamente não tem culpa nenhuma, mas tinha uma família hospedada lá ao mesmo tempo em que nós (daquelas grandes, 2 ou 3 casais com filhos) que eu achei super mal educados. Não tenho NADA contra tablets, mas as crianças comiam assistindo aqueles filminhos com as musiquinhas mais chatinhas (tipo 'Galinha Pintadinha') a todo volume, enquanto na sala ao lado um cara tocava - ou tentava tocar - um piano maravilhoso! 

Nossa...olha que eu não sou de ficar prestando atenção nessas coisas, mas fiquei passada com a falta de educação (e de noção) daquele povo. O cara tocando um jazz maravilhoso no piano, na hora do almoço, todo mundo curtindo a paz e a energia boa daquele lugar, a comida gostosa, e aquela gente gritando na mesa, com as crianças ouvindo aqueles tablets a 1000 por hora. Que horror...tem gente que realmente precisa prestar mais atenção no que se passa à sua volta, fiquei com #vergonhaalheia, quanta falta de consideração... 

Depois as pessoas sem filhos vêm e reclamam das crianças, querem ficar em lugares adults only, já existem muitos hotéis e restaurantes adults only...mas de que adianta tudo isso, se os mais mal educados são justamente os adultos? As crianças só estão repetindo o comportamento dos pais! E os adultos, quando em grupos, parecem um bando de loucos, não percebem que precisam respeitar os outros hóspedes...ah, sei lá! Desculpem o desabafo, mas fiquei passada mesmo com aquela cena patética. 😒

E o que foi realmente curioso nessa história toda é que o pessoal do restaurante do hotel percebeu aquilo e foram nos perguntar se gostaríamos que eles mudassem a nossa mesa para o salão "dos adultos", já que o Lipe era "tão comportado" (até parece!!!) que não precisava ficar no 'salão das famílias'.

O engraçado é que o Lipe não tem nada de bem comportado - aquele povo é que era muito mal educado hehehehe...


achei lindo o local onde eram servidos o café da manhã e o almoço

 
o piano rolando e a Galinha Pintadinha berrando ao fundo

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
repondo as energias depois das trilhas em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá


ladrilhos que contam a história de várias gerações da família

Ah, e mais um detalhe: se você quiser beliscar alguma coisinha no hotel fora dos horários das refeições, é só pedir alguma coisa no bar da piscina

Nós sempre dávamos uma passadinha ali para tomar um chá ou um cafezinho (disponíveis gratuitamente), jogar damas, xadrez e 'brincar' no piano (o Lipe ficou encantado com os sons do piano, e sempre queria ir lá tocar mais um pouquinho). 

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
nosso pequeno pianista

Café da manhã no Hotel Bühler


O café da manhã do hotel é fora de série, tudo fresquinho e feito ali mesmo, parece até um daqueles cafés coloniais da Serra Gaúcha! Prepare-se para ficar lá no mínimo uma hora, degustando um pouquinho de cada bolo de fubá, coco, cenoura, chocolate e geléia e waffle e rabanada e broa de milho e pão de queijo e...difícil é escolher o que deixar de fora do prato!

É certeza de voltar com alguns quilinhos a mais para casa 😨

O bom é que você pode tomar o café da manhã cedinho, encher a barriga forrar o estômago, seguir para os passeios e, como falei antes, voltar para almoçar só lá pelas 3 da tarde, nós gostamos muito desse esquema!

O café no Hotel Bühler tem variedades para todos os gostos, e até as opções fitness são super gostosas!

Eles fazem pãezinhos de queijo quentinhos e te levam na mesa, ovos mexidos...e o suco de laranja chega a ser meio cremoso, espumoso, sabe? Uma delícia!

As fotos dizem tudo:

ah, esse bolo de fubá...

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

broa de milho do Hotel Bühler, em Visconde de Mauá


suco de laranja com espuminha e tudo
 
waffles

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá


Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá


Os chalés


Nesse hotel, você não reserva um quarto - você reserva um chalé inteiro, que mais parece uma casinha de bonecas alemã, com direito a varandinha com rede, antessalinha com sofá, quarto bem grande com lareira (e lenha de reflorestamento incluída) e banheiro com hidromassagem.

Eu obviamente não conheci os outros chalés (são 21, no total, sendo um deles adaptado para cadeirantes), mas adorei o nosso, bem rústico e aconchegante.

Logo na entrada, há também um frigobar e uma mesinha com cadeiras.

O Lipe ganhou uma cama de solteiro bem ao lado da nossa, que era enorme.

O quarto também tinha guarda-roupas, cobertas extras, televisão com canais a cabo, mesinha de luz com abajur, espelho grande, cofre, tomadas, ar condicionado split...

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
não parece uma casinha de bonecas?

uma rede para chamar de minha em Visconde de Mauá

antessala do nosso chalé no Hotel Bühler

frigobar

cofre do nosso chalé no Hotel Bühler

chalé no Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

 
Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
o pequeno viajante ganhou uma caminha ao lado da nossa no Hotel Bühler

O banheiro também era espaçoso e tinha secador de cabelos e shampoo, condicionador, sabonete e touca de cabelo. 

As toalhas eram branquinhas e macias e eles ainda fornecem roupão, perfeito para a gente ir para a piscina térmica à noite! 

Ah, e eles também oferecem toalhas extras para levar para a piscina e para as cachoeiras. 

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
banheiro do nosso chalé no Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
adoramos esses roupões para usar a caminho da piscina aquecida do Hotel Bühler



Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Estrutura e atividades que o hotel oferece


Hotel Bühler é tipo um resort, com um monte de atividades para toda a família, todas elas incluídas no valor da diária

Você pode escolher entre jogar minigolfe (é só pegar os tacos na recepção), assistir um filme no cineminha (é só escolher o DVD na recepção e pedir a pipoca), jogar damas, carteado, xadrez gigante, andar de balanço, subir na casinha na árvore, brincar no parquinho infantil que tem escorregador e casa de bonecas, jogar totó, sinuca, ping pong...e as opções de lazer não terminam por aí!

O hotel possui ainda uma quadra poliesportiva (volêi/basquete), uma quadra de tênis (é só pedir as raquetes e bolas na recepção), campo de futebol Society, bocha, duchas naturais, 2 saunas (seca e a vapor), sala de musculação, trilhas e até um moinho, uma horta e um lago de carpas.

Se quiser, tem atividades para o dia todo, nem precisa sair do hotel. Aliás, o Lipe nem queria sair do hotel mesmo hehehe...

O estacionamento é incluído no valor da diária e a internet wifi funcionava super bem nas áreas comuns, e razoavelmente bem nos chalés. 

O hotel tem ainda 3 piscinas - 2 ao ar livre e outra interna e aquecida. Como estava frio, nem aproveitamos as piscinas externas, mas nos esbaldamos na piscina térmica, que era super relaxante no fim do dia!

mapa do Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

que tal um cineminha no Hotel Bühler, em Visconde de Mauá?

área das saunas no Hotel Bühler

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá


duchas naturais em Visconde de Mauá

disputa acirrada no minigolfe do Hotel Bühler

 
Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

piscina dos pequenos viajantes no Hotel Bühler

pena que não fez calor suficiente para aproveitarmos as piscinas externas

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
sala de jogos ao lado da piscina

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
quadra poliesportiva do Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
quadra de tênis

atividades para crianças e também para adultos no Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

ping pong

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
casinha na árvore, casinha de bonecas e parquinho para os pequenos

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
não é um lugar maravilhoso?!

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
tem até laguinho no Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
adoramos ir à piscina térmica à noite

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá
xadrez gigante no Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Museu da Família Bühler


E um último ponto a ser destacado no hotel: o Bühler é um 'clássico' da área de Visconde de Mauá, um dos hotéis mais antigos da região. 

Christoph e Anne Marie Bühler, vindos de Stuttgart, na Alemanha, desembarcaram no Brasil com seus 3 filhos, e foram para Mauá, numa leva de alemães chegados em 1913. Receberam 13 hectares de terra nesta área, que era denominada 'Taquaral', na atual Maringá, em Minas Gerais.

A família Bühler conseguiu, com muito esforço, vencer as dificuldades. Ficaram de 1913 a 1922 plantando para comer e fazendo telhas e tijolos para as suas construções. A pequena agricultura tentada pelos colonos mal dava para a sobrevivência - as dificuldades eram tantas que muitas vezes o pinhão era a principal alimentação da família. 

Então, em 1922, a Escola Alemã do Rio de Janeiro mandou os primeiros hóspedes, que foram recebidos pela família Bühler em sua casa mesmo - para oferecer seus quartos aos hóspedes, a família dormia no paiol. 

Toda essa história incrível de persistência e trabalho duro da família de imigrantes alemães você poderá conferir no Museu da Família Bühler, localizado no hotel, outra das tantas atividades legais para toda a família que você vai encontrar por lá 😏


não deixe de dar uma passadinha no Memorial da Família Bühler, em Visconde de Mauá


A nossa hospedagem foi uma cortesia do hotel e nós agradecemos a gentileza. Quero agradecer especialmente também às queridas amigas Flávia e Pati dos blogs Viajando por Aí e Viajar Hei pela dica do Bühler - parece até que elas já sabiam que o lugar era a nossa cara, que a gente ia adorar!

E você, já esteve em Visconde de Mauá? Onde se hospedou? Deixe a sua dica na nossa caixa de comentários! 

E dê uma espiada nos posts sobre a nossa viagem pelo Estado do Rio de Janeiro nas redes sociais pela hashtag #LipenoRio - além de Visconde de Mauá, também teve Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, a cidade do Rio e muitas dicas lá no Instagram

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá

Hotel Bühler, em Visconde de Mauá


Hotel Bühler, em Visconde de Mauá




um lugar inesquecível


Na nossa penúltima viagem ao Rio de Janeiro, para participar do programa da Fátima Bernardes, ficamos no Hotel Midas Rio Convention Suites, e contei neste post como é se hospedar no hotel barato onde ficam os famosos da Rede Globo 😜

Em julho de 2013, fizemos uma viagem em família de carro de 12 dias, rodando exatos 1500kmque incluiu, como eu já contei neste post aquivárias cidades do Estado do Rio: PetrópolisTeresópolisParatyTrindadeAngra dos ReisIlha Grande (Vila do Abraão), Saquarema, São Pedro da Aldeia, Cabo Frio, Búzios, Niterói e Rio de Janeiro. 

Ficamos 1 noite em Petrópolis, 3 em Paraty, 3 na Ilha Grande (Abraão), 1 em São Pedro da Aldeia, 3 em Búzios e 1 no Rio de Janeiro - para ver os nossos hotéis em cada cidade, olhe este post aqui. 

Nos links abaixo, os posts que escrevi sobre esta viagem:

Para te ajudar a planejar essa viagem, outros posts com muitas dicas:

E, para ver muitas fotos da nossa viagem ao Estado do Rio, dê uma olhada na hashtag #LipenoRio

Acompanhe o nosso Instagram @claudiarodriguespegoraro - tem sempre muitas dicas fresquinhas de viagem por lá!


Mais fotografias das nossas viagens no Instagram @claudiarodriguespegoraro.

Não esqueça de curtir a fan page no Facebook para acompanhar as nossas aventuras! 


Assista todos os nossos minifilmes neste link do Facebook, e os vídeos você assiste no YouTube ou no Vimeo - aproveite e já se inscreva lá nos nossos canais!


Você também nos encontra aqui:




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...