21 de dezembro de 2013

Las Vegas: primeiras impressões e o nosso roteiro


A nossa grande viagem de motorhome pelos Estados Unidos entre dezembro de 2013 e janeiro de 2014 começou em Las Vegas

Neste post, vou contar como foi o nosso roteiro nos primeiros dias que ficamos na cidade (no final da viagem voltamos para lá e ficamos mais uns dias!), e as nossas primeiras impressões - que na verdade não foram tão "primeiras" assim, porque eu já conhecia a cidade: foi lá que eu assisti à final da World Cup 94 :)

Veja o post sobre a nossa segunda estadia em Las Vegas clicando aqui - listamos mais de 30 dicas de passeios com crianças e compras na cidade, além da nossa experiência no camping KOA do Casino Circus Circus!


Voo

Tenho que começar dizendo que o próprio voo para Vegas já é um grande passeio: a gente sobrevoa muito deserto, formações incríveis e, quando vimos, estávamos passando ao lado do Grand Canyon!!! 

Um mega voo panorâmico sobre o grande cartão postal do Arizona incluído no preço de uma passagem regular, hehehehe...mas, para isso, não esqueça de escolher voo diurno

Para ler os posts sobre as nossas visitas (por terra!) ao Grand Canyon, clique aqui e aqui

Um pouco mais adiante, já quase chegando na cidade, também sobrevoamos o lindíssimo e "azulzíssimo" Lake Mead:



Na volta, viemos num voo noturno e só vimos o "clarão" produzido pelos milhões de luzes da "cidade do pecado":



O Aeroporto McCarran é ótimo, com wifi

Aluguel de carro

Pegamos um shuttle gratuito na frente do aeroporto para irmos até as locadoras de veículos - tínhamos reserva na Dollar

Fizemos upgrade para um Corolla e ganhamos outro upgrade para um SUV lindo da Mazda, o CX-5. 



E o Peg só me dizia: "queria ir passar trabalho na América Central, é???" kkkk... (isso porque eu queria muito ter ido para a Guatemala e México, ao invés dos EUA - leia mais sobre esta história aqui).

Tem que tomar MUITO cuidado com esses aluguéis de carro porque eles sempre querem empurrar um upgrade ou um seguro opcional, que acabam encarecendo um horror o valor final! 


A regra é negar até a morte, recusar absolutamente tudo, se o seu cartão de crédito tiver seguro incluído grátis, como é o caso do nosso VISA ;)

Strip

Saímos do aeroporto direto para um passeio na Strip, a avenida principal de Vegas, passando pela famosa placa "Welcome to Fabulous Las Vegas Nevada".


Estava começando a escurecer (é inverno, escurece super cedo, antes das 17hs!) e as luzes da Sin City (Cidade do Pecado, apelido de Vegas) se acendendo, lindo!

A vantagem do trânsito terrível na Strip é que tem tanta coisa para ver que o engarrafamento nem fica chato (mais uma da série "Poliana viajante"!).

Aliás, um passeio de carro ao longo da Strip é uma ótima forma de começar a se ambientar e orientar na cidade, que é uma longa tripa!




Passamos por todos os hotéis-casinos mais famosos, vimos desde a pirâmide do Luxor, o castelo medieval do Excalibur, os cenários nova-iorquinos do New York-New York, o leão gigantesco do MGM Grand,  a Torre Eiffel do Paris-Las Vegas, as fontes do Bellagio dançando, os cenários romanos do Caesars Palace, o vulcão explodindo no Mirage, até a decoração de Natal maravilhosa do Venetian e a tenda de circo do Circus Circus

No Treasure Island, tive a impressão que o barco pirata estava desativado, em reformas.

 





Hotel

Depois fomos para o nosso hotel - Best Western Mardi Gras Hotel & CasinoU$ 29 por noite...e a gente ganha o que pagou! 

Inicialmente fizemos uma reserva no Hard Rock Hotel para 2 noites por 90 e poucos dólares, uma piada - mas aí começamos a ler coisas muito ruins sobre os hotéis-casino, que não eram nada child friendly, que fedem a fumaça de cigarro e blablabla e então resolvemos ficar noutro hotel fora da Strip e achamos o Best Western por esse preço ridículo de U$ 29




quarto é ótimo, imenso, com 2 ambientes grandes e 2 camas de casal, tv de tela plana, uma bancada de cozinha com frigobar, banho bom...a internet wifi não estava funcionando mas eles consertaram, no segundo dia levaram as toalhas embora quando arrumaram o quarto e tive que pedir 3 vezes para trazerem toalhas novas! 





Mas o que foi chato mesmo é que, embora o quarto fosse non-smoking, fedia a cigarro! 


Li que isso acontece em muitos hotéis-casino de Vegas, e acho que depende de sorte conseguir um quarto que não cheire mal...

No final das contas, tirando o cheiro de cigarro, dá beeeeem para recomendar o Mardi Gras, especialmente considerando que o quarto é beeeem grande, adorei isso!


Mais informações aqui

E outra dica: no momento do check-out do hotel, me deu um estalo e fui pedir um recibo na recepção - foi a nossa sorte, porque ao invés de cobrarem U$ 29 por noite, conforme constava na nossa reserva do Booking, haviam cobrado simplesmente o dobro! #ficaadica




Veja aqui como foi a nossa estadia no camping KOA do Casino Circus Circus quando voltamos para Las Vegas no final da viagem!

Restaurante


Saímos para ir jantar no Rainforest Cafe, no MGM Grand

Passamos um certo trabalho até entender como funcionam os estacionamentos dos casinos, mas depois que entendemos ficou fácil! 

E o melhor: é tudo grátis (os estacionamentos)!!!




Rainforest Cafe: é claro que foi uma diversão enorme para o Lipe! 

Esse restaurante faz parte de uma cadeia que existe em várias cidades do mundo e é muito legal, imita uma floresta tropical com elefantes em tamanho real e tudo!


De tempos em tempos, os animais começam a fazer barulho e o céu parece que se mexe, como se estivesse chegando uma tempestade na floresta! As crianças ficam muito impressionadas!

Não tínhamos reservas, mas esperamos apenas uns 10 minutos.


A comida é muito boa também, com menu kids


O Lipe comeu nuggets em formato de dinossauros com batatas-fritas e eu comi um prato de camarões que estava uma delícia. 

Para beber, recomendo a strawberry lemonade, uma gostosura!

Além de toda a decoração de animais e floresta, do aquário enorme na entrada e da comida especial para crianças, eles ainda dão chapéuzinho de sapinho, livrinho de atividades e giz de cera para os pequenos - será que o Lipe curtiu?!? 


Pagamos U$ 80, para quem está se indagando quanto custará esse programa.

Ah, e além do restaurante, há uma lojinha muito legal junto, para quem quiser levar uma "lembrancinha" do passeio!


Contei em detalhes nossa visita ao Rainforest Cafe e também a outros restaurantes temáticos divertidos nos EUA neste post aqui. Não deixe de conferir, tem várias dicas de lugares bons para comer nos Estados Unidos!

Lake Mead


No segundo dia, domingo, acordamos cedo (o fuso de 6hs tá confundindo nosso sono!) e saímos às 8 da manhã do hotel em direção a Lake Mead, para ver de perto o que havíamos visto do avião!




A nossa primeira parada foi no Alan Bible Visitors Center - totalmente child friendly o excelente Visitors Center de Lake Mead, daqueles de dar inveja e a gente ficar se roendo porque o Brasil não é assim! 

Banheiros limpíssimos, bebedouros, wifi, vista, lojinha, estacionamento, exibições, uma área para as crianças brincarem...dá gosto de visitar! E inveja!!!









Hoover Dam - a represa do Superman

Depois de dar uma espiada no lindo lago azul (Lake Mead), seguimos para a Hoover Dam: entre Nevada Arizona, uma maravilha da engenharia, a represa Hoover, em Lake Mead - lembram do filme do Super-Homem?






Preços - 


Estacionamento: U$ 10
Tour: U$ 15
Visitor Center: U$ 10


Para quem quer conhecer a represa, nós recomendamos que vá direto até o final da estrada, passando reto pelo Visitor Center, e estacione lá no fim, no estacionamento gratuito, no lado do Arizona



Nós chegamos e fomos direto para o estacionamento do Visitor Center, que custa U$ 10, mas depois de conhecer o lugar todo, concluímos que não vale a pena pagar o estacionamento, pois o melhor mirante é o que fica no estacionamento gratuito, especialmente para quem não tem intenção de fazer o tour da represa ou visitar as exibições/museu do Visitor Center.







Depois de ver a represa e a ponte desse estacionamento que eu mencionei, não esqueça de voltar pelo mesmo caminho que você veio e estacionar pouco antes da ponte (não precisa cruzar a ponte), num estacionamento grande, com banheiros, que tem ali. 

Desse estacionamento sai um caminho acessível para cadeiras de rodas (e carrinhos de crianças!) que vai até a ponte e tem uma vista incrível!!!








Red Rock Canyon

Voltamos de Hoover Dam (30 milhas de Las Vegas) ao meio-dia, passando pelo distrito histórico de Boulder City, com parada para almoço de fast food (para não perder tempo, hehehe...), e seguimos direto para o Red Rock Canyon (20 milhas de Vegas), passando por fora da cidade.




Para explicar melhor:

Hoover Dam e Lake Mead ficam 30 milhas a leste e o Red Rock Canyon fica 20 milhas a oeste de Las Vegas.

Entrada no Red Rock Canyon: U$ 7 por carro.

Entre e vá direto no Visitor Center, que é incrível! (que inveja destes visitor centers...)


Estava tendo uma palestra com um geólogo, tem loja, banheiros, água potável, informações, exibições internas e externas...







Achamos que o passeio valeu muito a pena. 

Para quem, como nós, vai visitar outros parques nacionais incríveis, recomendamos que venha primeiro no Red Rock, para abrir o apetite - é um excelente aperitivo!


Depois do Visitor Center, você faz um circuito de carro de 13 milhas, mão única, com mais de 10 mirantes no caminho, e vistas lindas! 



Muitas paradas para fotografias!!!










Placa "Welcome"

Voltamos para Las Vegas e fomos direto na placa "Welcome to Fabulous..."

É uma placa que dá as boas-vindas aos visitantes na cidade, nada mais que isso, mas, como já apareceu em muitos filmes, acabou ficando tão famosa que virou ponto turístico: tem até um estacionamento especial e se formam filas de pessoas querendo tirar a foto clássica!




Stratosphere

Depois de tirarmos a nossa foto na placa famosa, atravessamos toda a Strip de novo, vendo todos os casinos e hotéis que fazem a fama da cidade, e seguimos até o Stratosphere, um hotel-casino que fica já bem no fim da Strip, a caminho de downtown Las Vegas, onde se pode subir até o topo para ver as melhores vistas da cidade


Preço: U$ 18 por pessoa. O Lipe não pagou.




Deixamos para ir lá propositalmente no fim da tarde porque assim poderíamos ver a cidade de 2 formas completamente diferentes: de dia, com as montanhas ao fundo, e de noite, toda iluminada - valeu a pena, a vista é nada menos que sensacional

E é bem divertido ver as pessoas morrendo de medo nos brinquedos que ficam lá em cima da torre!











Restaurante

Já era noite alta quando descemos e fomos jantar no Roxy's Diner, um restaurante estilo anos 50 todo bonitinho que fica no próprio Stratosphere



Também tem menu kids (nuggets e batatas-fritas, para variar) e desenho/giz de cera para as crianças. 




Eu comi um New England clam chowder que me babei e o Peg pediu um pratão com vários tipos de comida e tava tudo ótimo, por U$ 35, aprovadíssimo!





Fremont Street Experience 

De lá, com o Lipe já dormindo no carrinho, fomos para a Fremont Street Experience - uma rua decadente em downtown Las Vegas que o povo aqui transformou num calçadão coberto (e QUE cobertura!!!) de 4 quadras incrível!!! 



Foi bem fácil achar vaga para estacionar na rua, sem parquímetro, a uma quadra do calçadão, e logo que chegamos começou o show, que dura mais ou menos uns 5min e é lindo de ver.

A rua é incrível mesmo sem show acontecendo, com muitas luzes, e a cobertura fica bacana o tempo todo, mas durante o show, que acontece sempre na hora cheia (às 18, 19, 20hs...), fica um verdadeiro espetáculo, a cara de Las Vegas. 









Eu disse que foi o meu programa preferido em Vegas, e a minha amiga Aryele Herrera riu, dizendo que sou mesmo do contra kkkkk...com toda a Strip, modernérrima, fui me apaixonar logo pela parte decadente (mas revitalizada!) da cidade?


Claro, a Strip é show para atravessar de carro e ver os monumentos megalomaníacos, mas para curtir a pé, entrando de casino em casino, com criança, é meio puxado...não é um lugar acolhedor! 


Como é tudo muito grande e monumental, mesmo com todas as facilidades que eles oferecem, como o monorail, as passarelas com escadas rolantes e quetais, não é muito fácil fazer a trilha dos casinos, a menos que você esteja disposto a ir pingando de estacionamento em estacionamento, ou então a dar uma boa pernada! 

Já na Fremont Street é super agradável dar uma caminhada, vendo o mundo passar na frente dos nossos olhos. 






E, para completar um dia cheio, ainda atravessamos a Strip mais uma vez, do início ao fim, para ver ela toda iluminada uma última vez, antes de voltar para o hotel!

Compras

No terceiro dia em Vegas, fizemos check-out do hotel e fomos direto no Walmart, comprar as coisas que precisávamos para o motorhome, já que dispensamos os kits de cozinha e de lençóis/toalhas que a Cruise America aluga.

Acho que fizemos um baita negócio ao dispensar os kits

O de cozinha custa U$ 100 e os pessoais (lençol, toalha, travesseiro) custam U$ 55 por pessoa - no total, gastaríamos, só em aluguel destas coisas, U$ 255 para nós 3

Pois no Walmart compramos tudo o que precisávamos por muito menos que isso, com a vantagem de serem cobertas e travesseiros novos e sem uso, que podemos levar para casa se quisermos, pois são nossos!

A única bobagem que fizemos foi ter comprado todo o material para cozinha (pratos, talheres, xícaras, tábua de cortar e até 2 panelas, pá e vassoura!), pois quando entramos no nosso motorhome tinha tudo lá! 


Mesmo sem alugarmos o kit cozinha eles não retiraram nada do motorhome, estava tudinho lá! Eu não sei se foi sorte nossa/esquecimento deles, mas o fato é que agora estamos cheios de talheres e panelas!

Claro que o mais esperto seria deixarmos para ir ao Walmart e comprar o que fosse necessário DEPOIS de pegarmos o motorhome


Porque não fizemos isso? 


Por que a retirada da nossa campervan estava marcada para as 11h30min e a gente já sabia que não conseguiríamos sair de lá antes das 13h30min, o que realmente aconteceu, porque a retirada do motorhome sempre é um procedimento demorado, eles explicam todo o funcionamento do veículo (já tínhamos até assistido o filminho obrigatório na internet!), a gente demora para organizar tudo lá dentro...depois ainda tínhamos que ir até o aeroporto para devolver o carro alugado e também ir num posto de gasolina abastecer o motorhome.

Então, se deixássemos para ir ao Walmart depois disso tudo, não conseguiríamos sair de Las Vegas tão cedo, e queríamos chegar o mais próximo possível de Zion National Park ainda naquele dia!

Para ler sobre a nossa visita ao Zion National Park, clique aqui


Depois do Walmart e de muitas comprinhas (DHEA por U$ 7, moletons para o Lipe por U$ 5), ainda demos uma chegadinha no Best Buy para comprar mais alguns acessórios que o Peg "precisava" para a GoPro Hero

Para saber mais sobre a câmera GoPro e seus acessórios, clique aqui

Na verdade, deixamos para fazer as verdadeiras COMPRAS (assim mesmo, com letra maiúscula kkkkkk) quando voltamos para Las Vegas, no final da viagem. 

Para ler mais sobre "compras em LV", e imprimir o passaporte que dá direito a muitos cupons de descontos no shopping Fashion Show, clique aqui.


Abastecemos o nosso carrão alugado para devolver e fomos buscar o nosso motorhome em Henderson, subúrbio de Las Vegas,  onde fica a Cruise America.

Diferente de aluguel de carro, em que eles sempre querem te empurrar um seguro opcional ou um upgrade, na Cruise America eles não enchem o saco com nada, o seguro é gratuito, o kit cozinha veio de graça e o mais incrível de tudo: o upgrade de um modelo compacto para um standard saiu de graça!!!


Pois é, perguntamos sobre a possibilidade de trocarmos nossa reserva, que era de um modelo compacto (estávamos achando os compactos muito pequenos e apertados), para um standard, e a guria na mesma hora concordou, disse que não tinha nenhum problema e que ficaria o mesmo preço da reserva original!!!! ♡♡♡

Saímos de lá com o nosso ônibus, digo, motorhome, depois das 13h30min, com a geladeira devidamente abastecida de gostosuras, devolvemos o carro alugado no aeroporto, enchemos de gasolina o motorhome e saímos de Las Vegas quase 15hs!!!




Essa nossa passagem por Las Vegas foi corrida mas bem aproveitada! 


Além de vermos algumas atrações da Strip, ainda fizemos passeios fantásticos ao Lake Mead, Hoover Dam e Red Rock Canyon, que eram as nossas prioridades e efetivamente foram os passeios preferidos da família!



Também conseguimos jantar super bem em 2 casinos diferentes: no Rainforest Cafe (MGM Grand) e no Roxy's Diner (Stratosphere). 

De Vegas, o que mais gostamos, na Strip, foi a foto na placa "Welcome...", a vista do topo da Stratosphere e a Fremont Street Experience.




Como o nosso voo de volta para o Panamá sai de Las Vegas, a nossa viagem terminará aqui, e ainda teremos um dia inteiro para passear pela Strip e ver o que ficou faltando!!!

Se você tiver dicas de Las Vegas, conte logo! Voltaremos à Cidade do Pecado e poderemos aproveitar e encaixar a sua dica no nosso roteiro! 


UPDATE: aqui você encontra o nosso segundo post sobre Las Vegas :)

Próxima parada: 
Zion National Park! Não saia daí!!!

Leia também

As nossas postagens sobre viagens de motorhome estão todas organizadas aqui.

Para ler todos os nossos posts sobre a Disney, veja aqui



Assista todos os minifilmes desta nossa aventura de motorhome pelos EUA no Facebook. Os videoclipes você assiste no YouTube - aproveite e já se inscreva lá no nosso canal!

Veja mais fotografias desta viagem no Instagram @claudiarodriguespegoraro, nas hashtags #Lipenamotorhometrip ou #felipeopequenoviajante.

No Twitter, procure por @pequenoviajante. No Google+, você nos adiciona aqui

Não esqueça também de curtir a fan page do Felipe, o pequeno viajante no Facebook para acompanhar as nossas aventuras!

Você também nos encontra aqui:


17 comentários:

  1. Adorei o relato, bateu uma imensa vontade de ir a las vegas, Claudia estou planejando uma viagem de motor home depois pode fazer um post sobre isso? Ficarei bem agradecida, hehe
    Adorei as fotos do rainforest cafe, super bacana aqueles bancos e o Felipe posando no carro da polícia, rs
    Bjos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiiii :-)
      O post sobre o motorhome já está publicado, você viu? Aliás, tem vários! Olha neste link aqui: http://felipeopequenoviajante.blogspot.com/search/label/motorhome
      Bjokas

      Excluir
  2. Ficarei hospedada dentro do Parque Nacional Torres del Paine(PNTDP). Poderia, por favor, informar-me se para ir para El Calafate precisarei voltar para Puerto Natales, ou se é mais perto ir direto de PNTDP para El Calafate. Quantas horas de viagem são do PNTDP até El Calafate?Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    2. Oi Larissa,
      Dá uma olhadinha nesse post aqui que tá tudo bem explicadinho: http://felipeopequenoviajante.blogspot.com.br/2013/09/torres-del-paine-el-calafate-de-carro.html
      Bjo

      Excluir
  3. Claudia que delicia!! Eu amo Las Vegas, ainda não voltei por causa da Sophia, mas logo voltaremos. Adorei a ideia do Motorhome, ansiosa pelos relatos. beijos e divirtam-se.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sabrina, quantos anos tá a Sophia? Aposto que ela vai amar viajar de motorhome!
      Os relatos já estão saindo, aos pouquinhos...
      Bjokas

      Excluir
  4. Claudia! Faz o passeio de aviao ou helicoptero ao Grand Canyon. Dura 1:30h. É maravilhoso!! Eu fiz o de avião e foi uma das melhores lembranças de Vegas!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Malú,
      Eu tb adoro passeios de helicóptero, já fizemos em New York e na Nova Zelândia...mas como pretendíamos ir até o Grand Canyon de motorhome, acabamos abrindo mão do passeio que sai de Las Vegas :-(
      Ficou pra próxima!
      Bjos, e obrigada pela dica!

      Excluir
  5. Olá Boa Noite,
    Gostaria de saber se existe algum lugar em Las Vegas que podemos parar o Motorhome. Estou pretendendo passar o Ano Novo lá. E o KOA Circus não estará aberto. Estou com dificuldade em achar outro local para parar. Vc pode me indicar algum local? Obrigada. Anna

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Anna! Pena que o Koa não vai estar aberto, nós adoramos ficar lá! Mas lugar para ficar em Las Vegas é o que não falta! Se tu queres fazer free camping, é só sair da Strip e dar uma volta pelas ruas bem de trás que é fácil achar um acostamento onde estacionar para passar a noite :) saindo da Strip logo começa uma cidadezinha bem estilo interior, com zonas bem residenciais onde é fácil estacionar! Lembro de andarmos por uma área bem para trás daquele casino que é uma pirâmide, o Luxor, e de pensarmos que seria um ótimo lugar para free camping. Procura de dia, marca no GPS e à noite tu volta ;)

      Excluir
  6. Pronto, me convenceu!!! Nunca pensei muito neste destino, mas agora fiquei com vontade!!! Lindo o post, parabéns!

    ResponderExcluir
  7. Oi!! Vcs estiveram em Las Vegas em dezembro né? Como estava o clima durante o dia e noite? Escurece muito rápido? Estou querendo ir no meio de dezembro desse ano, mas o clima me assusta um pouco. Vc acha que lá é um lugar legal pra ir sozinha nessa época?

    Obrigada pelas dicas! Muito legal o seu post!!!! :)

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Laura! Estava um frio seco, afinal é deserto, né?!? Acho o clima perfeito, ideal para viajar! Escurecia lá pelas 5 e 30, 6 hs...Las Vegas é um lugar perfeito para viajar sozinha, você não tem como se aborrecer lá!

      Excluir
    2. Obrigada mesmo pelas dicas, Claudia!!! Certamente vou considerar muito o seu comentário na minha decisão :)

      Excluir
  8. Boa noite!
    Parabens e obrigada pelo relato! Vou utiliza-lo como base para planejar uma viagem com minha familia!
    Fiquei com uma duvida... porque voces alugaram um carro e so depois o motorhome? Porque nao aluga-lo no segundo dia e ja ir ao Red Rock Canyon com ele?
    Obrigada

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...