25 de novembro de 2013

Animal Kingdom: roteiro detalhado com crianças - parte I

Visitamos o Animal Kingdom (AK), um dos parques da Disney, em Orlando, na nossa viagem em outubro de 2013. 

Neste post aqui eu explico um pouco sobre cada parque de Orlando, para ajudar os iniciantes a planejarem seus roteiros na cidade. 

No post de hoje, vou começar a contar como foi a nossa visita ao Animal Kingdom, mas antes preciso dizer: não entendo essa gente que consegue conhecer mais de 1 parque por dia! 

Se pra mim é impossível ver 1 parque inteiro num dia só, como conseguem ver 2??? Aí podem me dizer: "ah, a pessoa faz apenas as atrações principais e vai pro outro parque!" Mas continuo não entendendo, porque mal dá tempo de fazer as atrações principais em 1 dia...honestamente, acho um desperdício de dinheiro!

Eu sei que é difícil escolher quais dos parques deixar de fora do seu roteiro (eu mesma fiquei chateada porque não coube o Discovery Cove no nosso roteiro!), mas também não adianta querer ver tudo numa baita correria, não ver nada direito e ainda gastar rios de dinheiro...

Claro que é diferente da situação de quem já conhece os parques e só quer ir lá conhecer uma atração nova, ou rever as favoritas...mas, para quem ainda não conhece, eu não recomendo: além da maratona que é, os ingressos são muito caros para ser subaproveitados! 

E porque eu resolvi falar disso agora, no post sobre o Animal Kingdom, que não tem nada a ver com o assunto?!? 

Hehehe, porque nós deixamos para ir no Animal Kingdom no nosso último dia em Orlando (dia 21 de outubro, uma segunda-feira) - saímos do parque (suados mesmo!) direto para o aeroporto e, embora tenhamos chegado cedo, não deu para ver tudo (nem perto!)...

Nós deixamos para ir ao AK no último dia, porque o nosso voo era às 18h45min, e o AK é o parque que fecha mais cedo de todos (por causa dos animais, ele não tem shows noturnos de fogos), às 17hs. 

No dia em em que fomos lá, o parque abria das 9 às 17hs, e nós chegamos logo que abriu e saímos para o aeroporto às 15h30min - ou seja, ficamos lá mais de 6hs e foi uma correria para ver apenas as atrações principais! E nem vimos todas...

Primeiro você entra no Walt Disney World Resort, e depois começa a seguir as placas que indicam o Animal Kingdom - basta digitar o nome do parque que você quer ir no GPS que ele leva você direto ao estacionamento do respectivo parque, sem erro! 


pagando o estacionamento, que custa exatos U$ 15 nos 4 parques temáticos da Disney


Nos estacionamentos você é direcionado pelos cast members para a sua vaga (não pode escolher onde quer estacionar!), deixa o carro lá e pega um destes trenzinhos da foto abaixo para ir até a entrada do parque - se o trenzinho não estiver lá, espere um pouquinho na primeira fila do dia que ele logo chega!



Aproveite para fotografar ou anotar em algum lugar a área e o número da fila do seu estacionamento, porque é um mar de carros (os estacionamentos são imensos), e no final do dia é impossível lembrar onde você deixou o carro - isso pode ser um mega perrengue!!! No nosso caso, por exemplo, ficamos na área do Unicórnio. Sabendo disso, fica fácil encontrar o carro na hora de ir embora!

O Animal Kingdom (Reino Animal) é o maior parque temático da Walt Disney World - são 163 hectares!!!! Só pra você ter uma ideia, o segundo maior parque é o Epcot Center (nosso roteiro do EC está aqui), e tem "apenas" 123 hectares!!! 

Além de ser um parque super grande, como eu já contei, ele fecha cedo, e tem alguns shows imperdíveis beeeem longos, o que torna ainda mais impossível você conseguir ver/fazer tudo num dia só! :-(

Então, é bom você já chegar lá familiarizado com o mapa do parque e com uma "listinha" das atrações que você faz questão de conhecer. Priorize o que mais interessa à sua turma e não saia do parque frustrado! 


O Animal Kingdom é dividido em 7 áreas temáticas, bem distintas e separadas umas das outras, que se espalham ao redor de um rio (Discovery River), de modo que é bem fácil se orientar dentro do parque, embora o tamanhão (em sentido horário): 

Oasis
Camp Minnie-Mickey
Discovery Island
África

Rafiki´s Planet Watch
Ásia
DinoLand U.S.A.


Na minha listinha, eu tinha as seguintes prioridades (como tivemos que sair antes de o parque fechar, não conseguimos fazer tudo):

Ficha Técnica do AK:

Atrações imperdíveis:


Discovery Island - 

It’s Tough to be a Bug! (8 minutos)
Árvore da Vida


África - 

Kilimanjaro Safaris (tem fastpass, 22 minutos)


Ásia - 

Expedition Everest (fastpass single rider, altura mínima 1,12m)
Kali River Rapids (tem fastpass, altura mínima 97cm)


DinoLand U.S.A. - 

Dinosaur (tem fastpass, altura mínima 1,02m)


Shows/desfiles imperdíveis: 

Festival of the Lion King (30 minutos - Camp Minnie-Mickey)
Finding Nemo - The Musical (40 minutos - DinoLand U.S.A.)
Mickey´s Jammin´Jungle Parade (já sabíamos que não poderíamos esperar para assistir este desfile, que acontece numa rota ao redor da Árvore da Vida às 15h45min, mas ficou na lista para uma próxima vez!)


Extras: (caso desse tempo)

Primeval Whirl (tem fastpass, altura mínima 1,22m - DinoLand U.S.A.)
The Boneyard Playground (DinoLand U.S.A.)
Greeting Trails (Camp Minnie-Mickey)
Flights of Wonder (show de 25 minutos - Ásia)




Na chegada, ficamos sabendo que eles estão com uma novidade: quem sai do parque, pode usar o transporte gratuito de ônibus da Disney para ir do Animal Kingdom até Downtown Disney - o serviço funciona das 15hs até o fechamento do AK.



Como já tínhamos ido ao Epcot Center, ao Magic Kingdom e aos Hollywood Studios nos dias anteriores, já estávamos com os nossos ingressos na mão. Nesse dia não havia muita fila para comprar ingressos, mas é tão mais fácil comprar antes pela internet (e muitas vezes mais barato!)...não deixe para comprar na hora - quanto menos fila você tiver que enfrentar lá, melhor!


Esses são os carrinhos que você pode alugar no AK - recomendo veementemente que você leve o seu próprio carrinho ou alugue um em Orlando, fora dos parques - saiba mais neste post aqui!


Logo que você entra no parque, existem banquinhas que trazem informações importantes, como avisos sobre os brinquedos que estão fechados para manutenção, horários de abertura e fechamento do parque e também de todos os shows, eventos especiais, etc...pegue um folheto chamado Times Guide, que tem todas as informações que você precisa! 


Nessas banquinhas, existem mapas do parque em várias línguas: estes mapas são imprescindíveis, pegue um em português, mas não deixe de pegar também um em inglês, porque os mapas em inglês têm muitas informações que não vêm no mapa em português, que é mais "básico" - e também é bom ter um mapa "extra" caso você perca o outro (na saída, você guarda um de recordação e devolve o excedente, em prol do meio ambiente!).





Além destas "banquinhas", de que falei acima, também existe este painel, no centro do parque, perto da Árvore da Vida, com dicas e horários de shows - se você passar por um destes, aproveite para se programar (no mapa do parque, ele aparece como a letra "T", de Tips and Show Times). 

Não tivemos tempo de fazer uma refeição decente no parque (almoçamos na fila, enquanto esperávamos pelo show Finding Nemo - The Musical), mas se tivéssemos mais tempo, eu gostaria de ter ido ao Rainforest Cafe, que fica logo na entrada. 

É um restaurante com preço bom e super child friendly - pelo que li, as crianças adoram! E é bacana por que tem entrada por dentro e também por fora do parque, então mesmo que você não tenha ingresso para visitar o AK naquele dia, pode ir ao restaurante igual. 


Ainda perto da entrada do parque, na área chamada Oasis, existem banheiros, lockers (foto abaixo), fumódromo, guest relations, ATMs, aluguel de carrinhos, venda de photopass e tudo mais que você nem sabia que podia precisar!



o parque é super bem sinalizado, muito fácil de "se achar"

Antes de começar a detalhar o nosso roteiro, quero dizer que se engana quem pensa que o AK é um grande zoológico. Não é. Eu achei que seria e fiquei bem impressionada, porque é muito mais um parque temático com alguns animais aqui e ali do que um zoo. 

Embora existam animais espalhados por todo o parque, eu só os vi no Kilimanjaro Safaris. Para vê-los em maior quantidade, procure nas seguintes atrações:

Oasis Exhibits (Oasis)
Discovery Island Trails (Discovery Island)
Maharajah Jungle Trek (Ásia)
Pangani Forest Exploration Trail (África)
Rafiki´s Planet Watch
  

Nós entramos no parque, atravessamos a área denominada Oasis, que não tem grandes atrações, e fomos direto em direção à Árvore da Vida, em Discovery Island, que é o símbolo do parque, assim como o Castelo da Cinderela é o símbolo do Magic Kingdom e a bola prateada é o símbolo do Epcot Center. 


A Árvore é linda, tiramos várias fotos e queríamos chegar mais perto dela mais tarde, para ver os animais esculpidos no seu tronco (são milhares!!!), mas agora era hora de correr para a África, para pegar o fastpass do Kilimanjaro Safaris, atração que dura 22 minutos e foi uma das minhas preferidas no parque!


Logo que a gente entra na área do parque chamada África, vindos de Discovery Island, já sentimos a mudança no clima, na paisagem...isso foi o que mais me impressionou no AK: a perfeição da cenografia

Os cenários do parque são simplesmente perfeitos. Não conheço tão bem a África para falar da parte "africana" do parque, mas a parte "asiática" é incrível - certas coisas que eu nem tinha percebido como são típicas asiáticas estão lá, dando o maior "clima" - mas eu volto a falar nisso quando chegarmos na Ásia, ok?

Agora, estamos na África!






Se não fosse pelo naipe dos turistas e pela limpeza, dava mesmo para acreditar que estávamos na África!!! Até o calçamento do piso tem rachaduras, kkkk...

Quando finalmente chegamos ao Kilimanjaro Safaris, uma boa notícia: nem valia a pena pegar fastpass, porque a fila estava em 25 minutos. Para saber tudo sobre fastpass e como enfrentar as filas dos parques de Orlando, leia este post aqui.  


Esta atração é um verdadeiro safári através da savana africana, onde podemos ver leões, elefantes, girafas, crocodilos, rinocerontes, cheetahs, flamingos, kudus, hipopótamos, macacos, avestruzes, pelicanos, antílopes, pássaros, zebras e muitos outros animais. 

Nós fizemos safári no Kruger Park, na África do Sul, e posso dizer que é, realmente, bem parecido, com a diferença que aqui é bem mais fácil e rápido encontrar os animais!!!

o veículo do nosso safári

louco para embarcar (na primeira fila, obaaaaaaa...)


a atração simula uma reserva de vida selvagem chamada Harambe 


O que mais me impressionou, de tudo, foi a perfeição com que eles "imitam" a savana africana: até o "barro" e os "sulcos" na estrada eram falsos, feitos de asfalto!!! Dá para acreditar? Esses norte-americanos...kkkkkk 



 girafas



 elefantes




 eu, encantada com os rinocerontes...

 e o leão, bem tranquilo numa sombrinha!!!


O Kilimanjaro Safaris, para mim, é atração obrigatória no Animal Kingdom - não imagino ir ao parque e não fazer esse safári!

Saindo de lá, passeamos mais um pouco pela África, vimos as entradas de outras atrações (que não estavam na nossa listinha de prioridades!), restaurantes, lojas de artesanato e de produtos típicos africanos...








Mas o mais legal foi o show que nós assistimos dos Tam Tam Drummers of Harambe (shows de 15 minutos que acontecem 7 vezes por dia na África): uma batucada que tremeu com o Animal Kingdom!!!



Depois do show, a criançada se empolga para experimentar os instrumentos musicais típicos africanos!
  

 lotação esgotada na parte "africana" do AK!

Da África seguimos direto para a Ásia, e neste caminho há um lugarzinho, na margem do Discovery River, onde dá para tirar boas fotografias da Árvore da Vida (que fica em Discovery Island), sem ter que esperar numa fila!


Como tem muita coisa ainda para contar da nossa visita ao Animal Kingdom, e este post já está grande demais, vou dividir o nosso passeio em parte I, parte II e shows do AK, certo?

Então, no próximo post, prepare-se para uma viagem pela Ásia...de Orlando!!!

* Agradecemos a Walt Disney World pelos ingressos cortesia. 

Não esqueça que nos parques da Disney tem wifi grátis - use e abuse, e aproveite para mandar uma fotografia sua de lá, para a gente publicar na nossa Fan Page no Facebook, junto com as suas dicas!!!

Você tem uma atração preferida que não está na nossa listinha? Conte pra gente!

Também não esqueça de baixar o app gratuito My Disney Experience antes de viajar, para ter todos os tempos de fila em tempo real e mapas com GPS!

Veja mais fotografias desta viagem nas nossas redes sociais, em #LipenaDisney em #felipeopequenoviajante. 

Assista todos os minifilmes da nossa aventura na Disney no Facebook (aqui) ou os filminhos maiores no YouTube (aqui).

Para ler mais, todas as nossas postagens sobre a Disney estão organizadas aqui

Você também nos encontra aqui:

2 comentários:

  1. Esse parque e demais!!!! Quando fomos choveu muito, mas na saída do parque! De lá fomos para Downtown Disney!
    Mas realmente tudo e incrível nesse lugar! Uma perfeição e com brinquedos ótimos!!!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nós tb achamos, Marta! A cenografia é incrível, parecia que estávamos no bairro de Thamel, em Kathmandu!
      Bjokas

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...