20 de fevereiro de 2014

Sea World San Diego e muito mais - o roteiro do segundo dia

No nosso segundo dia em San Diego, fomos ao Sea World. Mas, como o parque abria só das 10 às 18hs (era dia 24/12, véspera de Natal), antes demos uma passadinha no USS Midway, para ver o famoso porta-aviões que hoje é um museu. 

Para estacionar lá, tem que pagar U$ 10 - como nós só queríamos dar uma olhada no monstrão (já visitamos o Intrepid, em NY, bem parecido, veja aqui!), e tirar uma foto da também famosa estátua do beijo do marinheiro, que fica exatamente na frente do porta-aviões, demos tudo por visto e seguimos para o Sea World.

USS Midway



 estátua do beijo


Os ingressos combinados valem muito a pena!

Nós ganhamos ingressos cortesia do Sea World Parks para conhecer o parque e depois contar a vocês todos os detalhes - obrigada, Sea World! - mas, se fôssemos comprar, certamente aproveitaríamos a promoção multi-park tickets, em que a gente compra ingressos para o San Diego Zoo, Disneyland e Universal Studios combinados, por um preço promocional!


na entrada do parque, as filas estavam imensas, mas depois, lá dentro, a lotação estava ótima!


O dia no parque foi fantástico. 

É claro que o SW San Diego vai merecer um post só dele depois, mas não custa dizer que a nossa visita foi muiiiiito mais legal do que a de Orlando.

Primeiro porque, embora fosse dia 24/12, véspera de Natal, o parque estava com uma quantidade de pessoas ótima. Não dá pra dizer que estivesse vazio - não estava - mas a fila mais longa (da montanha-russa Manta) não passou de 15min.



Outra coisa é que o parque estava cheio de atrações "natalinas": tinha desde o chalé do Papai Noel, com trenó e renas de verdade, o Snow World (uma área com brincadeiras na neve), até vários shows alusivos à estação (o dos pets, o dos leões marinhos, o da Shamu...), e uma decoração natalina maravilhosa, com mais de 1 milhão de luzes acesas depois que escureceu.


















A terceira vantagem sem dúvida foi o clima: a gente passou o dia de camiseta, depois que o sol se pôs esfriou um pouco, mas não suamos nunca. Adorei!



E uma última vantagem do SW de San Diego é o tamanho do parque, que é bem menor do que o de Orlando, não cansa tanto! 

Tanto que chegamos às 10, saímos às 18hs, não paramos nem um minuto (nem para comer!!!), e ainda saímos de lá cheios de disposição!





O que eu mais gostei: o show Shamu's Christmas, que me deixou arrepiada, bem no clima de Natal, e a decoração do parque depois que escureceu, linda de morrer, com milhares de luzes, principalmente nas árvores.






O que eu gostei menos: a Manta daqui não é tão maravilhosa quanto a montanha-russa com o mesmo nome que tem em Orlando, mas vale a pena igual, porque também é bem suave e divertida (em compensação, aqui tem o Shipwreck Rapids, que não existe em Orlando!).









Também não gostei de ter que pagar U$ 20 de estacionamento, que é o preço para motorhome :-( - o valor normal para carros é U$ 15.




Se você quiser ver todos os filminhos que eu fiz no Sea World, dê uma olhada aqui neste link

Saímos do parque loucos de fome e fomos jantar em Seaport Village, um complexo de restaurantes e lojas na San Diego Bay, que tem um carrossel lindo e histórico (U$ 2). 

Do outro lado da rua, fica o Headquarters at Seaport District, um outro conjunto de restaurantes, onde vimos o The Cheesecake Factory, que salvou a nossa barriga da miséria em plena noite de Natal, e com estilo!




O Cheesecake Factory é um outro restaurante de rede, existente em muitas cidades americanas, que é super recomendável - além da decoração linda e aconchegante, e da comida maravilhosa (nossa "ceia" de Natal foi massa carbonara para o Peg e com camarões, cogumelos e rúcula para mim, tudo ótimo), os preços são bons também (em torno de U$ 60), e você leva um monte de comida para casa, porque as porções são enormes!!!









Do restaurante, viemos para Candy Lane

Isso merece uma explicação: é tradição nos EUA as pessoas decorarem as casas para o Natal. Em algumas vizinhanças, todos os moradores se reúnem e fazem fantásticas decorações, que acabam atraindo o povo para passar naquela determinada rua.

Perguntei no camping onde poderíamos ver essa tradição de Natal americana - eles proíbem o estacionamento naquela vizinhança e o povo fica passeando de carro ou a pé para ver as luzes e decorações das casas, depois que escurece.



É uma verdadeira tradição natalina os pais levarem as crianças para passear em Candy Lane (o apelido da rua enfeitada) na véspera de Natal.

Se você estiver em San Diego durante o Natal, não perca a Candy Lane de Chula Vista, ao sul do centro, na esquina das ruas H e Second Avenue - é um show de luzes e lembranças de infância!!!

Veja aqui neste link um filminho que eu fiz lá na Candy Lane, mostrando um pouquinho da decoração de Natal das casas!






Foi um dia ótimo, uma véspera de Natal bem no espírito!

Se você quiser ler mais sobre o Sea World, olhe aqui:






Você já esteve em San Diego? Visitou o Sea World da Califórnia?? Tem alguma dica especial para os nossos leitores? Deixe aqui a sua recomendação! 

Próximas paradas: San Diego Zoo e Legoland California - fique por aí!!

Assista todos os minifilmes desta nossa aventura de motorhome pelos EUA no Facebook (aqui). Os filminhos maiores você assiste no YouTube (aqui) - aproveite e já se inscreva lá no nosso canal!

Veja mais fotografias desta viagem no Instagram @claudiarodriguespegoraro, nas hashtags #Lipenamotorhometrip ou #felipeopequenoviajante.

Para ler mais, todas as nossas postagens sobre viagens de motorhome estão organizadas aqui.

No Twitter, procure por @pequenoviajante. No Google+, você nos adiciona aqui

Não esqueça também de curtir a fan page do Felipe, o pequeno viajante no Facebook para acompanhar as nossas aventuras!

Você também nos encontra aqui:



2 comentários:

  1. Boa noite, seu blog é super legal, parabéns. Gosto muito de ver as viagens do Felipe. Aqui em casa tenho um Felipinho tb.
    Mas você já assistiu este documentario sobre o Sea World? http://blackfishmovie.com/
    Fica a dica, se me permite...
    Sucesso por aqui!

    ResponderExcluir
  2. Oi Tatiane!

    Eu já assisti o BlackFish sim, e também já li toda a verdade sobre o filme, tu leu? Tá aqui, ó: http://seaworld.com/en/truth/truth-about-blackfish/

    É sempre bom ouvir os 2 lados antes de formar uma opinião, né? Eu tenho a minha opinião, formada depois de ouvir os 2 lados e visitar os parques para ver ao vivo como são tratados os animais lá, e é por isso que eu adoro esses parques e os divulgo por aqui!

    Volte sempre ;-)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...