20 de setembro de 2012

não vai ficar pra semente quem nasceu pra ventania...

 

 

 


Gaudêncio Sete Luas

A lua é um tiro ao alvo
e as estrelas bala e bala.
Vem minuano e eu me salvo
no aconchego do meu pala.
Se troveja a gritaria,
já relampeja minha adaga.
Quem não mostra valentia
já na peleia se apaga.
Marquei a paleta da noite
com o sol que é ferro em brasa.
O dia veio mugindo,
pra se banhar n'água rasa.
Pra me aquecer mate quente,
pra me esfriar geada fria.
Não vai ficar pra semente
quem nasceu pra ventania.
 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...