20 de fevereiro de 2012

cenas que nos marcam pro resto da vida

Sei que aproximadamente 90% do resto do mundo detesta os EUA. Eu nunca compreendi muito bem o porquê disso, a uma, porque me parece pura inveja e, a duas, porque vivi muitos momentos maravilhosos lá, deixei 2 famílias que eu amo, grandes amigos, e volto lá sempre que posso, pelo que sou totalmente suspeita para tratar desse assunto.

Admiro nos americanos, mais que tudo, a força da democracia e o quão importante é, para eles, a meritocracia. Eles não têm vergonha de competir e, sobretudo, de ganhar e, quando ganham, não têm vergonha de serem vencedores. Claro que eles têm muitos defeitos, sendo o maior deles, na minha opinião, o absurdo desconhecimento do resto do mundo, o que não os torna, nem de longe, os "porcos imperialistas" de que tanto ouço falar.


Quando escuto rematadas bobagens a respeito dos americanos de um modo geral (que, no mais das vezes, vêm de pessoas que nunca colocaram os pés lá e não conhecem um único americano ao vivo e a cores, mas adoram usar tênis Nike e comer no MacDonald´s), sempre lembro de quando me perguntavam se no Brasil nós realmente matávamos criancinhas de rua (alguém lembra do massacre da Candelária??). Essas generalizações são sempre tão burras...

Mas, deixando esse assunto de lado, porque a intenção não é polemizar, esse post é, na verdade, para falar de certos momentos que a gente vive, certas cenas que a gente vê (e isso acontece muito viajando), que nos marcam para o resto da vida.

Esta foto abaixo não é minha, eu encontrei na internet e não tinha a fonte, mas anos atrás, voltando de uma viagem aos EUA, no aeroporto de Atlanta, depois de conhecer a fábrica/museu da Coca-Cola, e a sede da CNN, nós presenciamos algumas cenas assim, dos soldados voltando da guerra. 

Foram cenas emocionantes (tão emocionantes que, na emoção do momento, nem lembramos de fotografar, hehehe...), daquelas de arrepiar, que nós nunca mais esquecemos.

Então, toda a introdução acima é para dizer que, embora sejamos todos (ou quase todos) contra qualquer guerra, em teoria, é inegável que essa imagem é sensacional. 

E, como uma imagem vale mais que 1000 palavras...


no aeroporto de Atlanta

a sede da CNN

os jeeps que a equipe de reportagens da CNN estava usando para fazer a cobertura da guerra

na fábrica da Coca-Cola

ninguém imaginava que a Coca tivesse tantos sabores diferentes!

a gente sua a camiseta, mas se diverte...


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...