15 de maio de 2011

saudades

Encontramos uma russa ontem (ela é da Sibéria, mais especificamente), dona do albergue Cuba Hostel, onde ficamos em São Petesburgo, apaixonada pelo Rio de Janeiro, e ela cantou para nós Corcovado, do Tom Jobim - foi emocionante de ver, ela cantando aquela música linda, com uma voz linda, e um sotaque cosa mais querida - deu até saudades do Brasilzão véio de guerra...


Um cantinho e um violão
Este amor, uma canção
Pra fazer feliz a quem se ama
Muita calma pra pensar
E ter tempo pra sonhar

Da janela vê-se o Corcovado
O Redentor que lindo
Quero a vida sempre assim com você perto de mim
Até o apagar da velha chama
E eu que era triste
Descrente deste mundo
Ao encontrar você eu conheci
O que é felicidade meu amor
O que é felicidade, o que é felicidade


minha felicidade

Já o pequeno viajante se queixa quase todos os dias de saudades da Gil, e dos carros da polícia que ele teve que deixar em casa...



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...